?Óleo de baobá: Para que serve? Quais os benefícios??

O óleo de baobá é feito a partir das sementes de uma árvore pertencente à família das Bombacaceae, conhecida como “a árvore da vida” ou “árvore garrafa”, originária das regiões mais quentes e secas da África. A árvore demora pelo menos 60 anos para dar fruto!

Assim como outros óleos, o óleo de baobá oferece benefícios incríveis para a beleza do seu cabelo, pele e unhas e, por ser um óleo totalmente orgânico, não provoca efeitos colaterais e é absorvido de forma super fácil, sem deixar aquela aparência oleosa, que incomoda tanto. Descubra agora todos os benefícios que o óleo de baobá oferece para a sua beleza, como usá-lo diariamente e onde adquirir esse óleo, considerado um tesouro da África.

Para que serve e quais os benefícios do Óleo de baobá?

O óleo de baobá é rico em vitaminas A, D, E e F, antioxidantes e ômegas 3, 6 e 9, oferecendo benefícios para a pele, corpo e cabelos de várias formas, como você pode ver a seguir:

  • Ação hidratante, protetora e fortalecedora nos fios dos cabelos
  • Acelera o crescimento dos fios
  • Restaura os fios que estão quebradiços e ressecados
  • Preserva a cor dos cabelos, evitando o desbotamento e dando mais brilho aos fios.
  • Previne a queda de cabelo
  • Hidrata e fortalece as unhas, preservando-as de quedas e fissuras
  • Hidrata a pele ressecada e madura, sem deixar aspecto oleoso
  • Atua como um rejuvenescedor, retardando o aparecimento dos sinais da idade
  • Aumenta a elasticidade da pele, prevenindo as estrias e as rugas
  • Oferece alívio a eczemas e queimaduras solares

Posso usar óleo de baobá nos cabelos?

Pode e deve! Além de já existirem diversos produtos para o cabelo com óleo de baobá na sua composição, como shampoos, máscaras e condicionadores, uma das formas mais populares do seu uso é justamente para hidratar cabelos secos e ressecados e também proteger os fios do sol, do cloro da piscina, da poluição e da água do mar, por exemplo. Mas seus benefícios não acabam por aí!

Você também pode usar o óleo de baobá diretamente no couro cabeludo, para ele ajudar a evitar a queda do cabelo, deixando os fios mais fortes e impulsionar o seu crescimento, além de restaurar os fios quebradiços e ressecados e proteger a cor dos cabelos pintados.

Para cada tipo de tratamento, existe uma forma de usar diferente, como vamos mostrar a seguir.

Como usar óleo de baobá?

Existem diversas formas de se beneficiar com o uso do óleo de baobá, veja algumas:

  • Proteger os fios: é só espalhar algumas gotas do produto nas mãos, e passar em todo o comprimento dos fios, até as pontas.
  • Evitar a queda de cabelo: passe diretamente no couro cabeludo e massageie com as pontas dos dedos. Lave então o cabelo normalmente (com o shampoo e o condicionador de sua preferência), uma vez por semana.
  • Hidratar e evitar fissura nas unhas: aplique o óleo na área, massageando com uma escova de cerdas naturais.
  • Hidratar os lábios e evitar as fissuras e o ressecamento: aplique o óleo e friccione os lábios, esfregando um sobre o outro para ativar a circulação.
  • Hidratar a pele: use algumas gotas do óleo de baobá durante o banho, ou então massageando a pele com uma mistura de proporções iguais de água (duas gotas do óleo com duas gotas de água, por exemplo, para hidratar o rosto).
  • Evitar as fissuras e deixar a pele do calcanhar mais macia: aplique algumas gotas do óleo de baobá e massageie a área antes de dormir. Proteja os pés com uma meia de algodão, para potencializar a hidratação.

Onde posso comprar o óleo de baobá?

Você pode comprar o óleo de baobá em casas de essências e também em lojas de produtos naturais, além de encontrar esse produto também em sites especializados.

Como dissemos, o óleo de baobá também está presente na composição de hidratantes para a pele e em produtos para os cabelos, como shampoos, condicionadores e máscaras, os quais você pode comprar em farmácias e lojas de cosméticos, além de encontrá-lo em forma de suplemento, à venda em lojas de produtos naturais.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

Leave a Reply