?Varizes: Como elas surgem? Será que tem tratamento??

Se você está lidando com varizes saiba que isso é mais comum do que você imagina! Segundo as estatísticas, pelo menos 70% das mulheres brasileiras sofrem com este mal. E não apenas por questões estéticas, uma vez que ele pode provocar muitos efeitos negativos na sua saúde e mesmo assim é realmente raro ouvirmos falar apenas sobre as varizes. Portanto, vamos ler este artigo juntas e entender mais sobre este assunto que assola tanto as mulheres?

Afinal, o que são as varizes?

As varizes nada mais são que veias das pernas que se acabam dilatando e deformando a região. Geralmente elas são causadas por algum tipo de deficiência nas válvulas, ocasionando que o sangue não consiga voltar pelo mesmo lugar que veio. Desta forma, o sangue acaba ficando preso ali e não consegue retornar para o coração. As consequências? Inchaço nas pernas, muito desconforto e também uma sensação de cansaço constante.

Por que as varizes aparecem?

Culpa do seu pai e mãe! Brincadeiras a parte, a genética realmente é a principal culpada pelo surgimento das temidas varizes. Então é evidente que se a sua família lida com este problema é bem possível que você venha a apresentá-lo, cedo ou tarde.  Existem algumas profissões que exigem que você fique parado o tempo todo na mesma posição, indiferente se é sentado ou em pé, e isto favorece grandemente para o aparecimento das varizes.

Quais são os tipos de varizes?

Existem basicamente dois tipos de varizes: as primárias e também as secundárias. As primárias geralmente são as que aparecem por influência da hereditariedade, enquanto as secundárias podem ser ocasionadas por algumas doenças. O tratamento do segundo tipo é um pouco mais complicado.

Qual é o melhor tratamento para varizes?

A verdade é que as veias dilatadas deformadas não conseguem retornar ao normal sozinhas, e isso faz com que a única opção seja a completa retirada dos vasinhos. Então sim, existe uma cirurgia para isso, mas como quase tudo, existem também outros meios, como por exemplo: aplicação de laser ou ainda de medicamentos que promove com que veia resseque e seja totalmente absorvida pelo corpo. É realmente relevante conversar com seu médico para verificar a causa das varizes e qual área da circulação foi afetada para ser tratada corretamente.

Se você optar por não tratar,  elas costumam espalhar-se muito facilmente pelas pernas e raramente as varizes podem gerar maiores complicações. Mas como em tudo, existem situações em que elas evoluem para um quadro de  trombose, ou ainda formam coágulos que ocasionam insuficiência venosa. Em caso de dor persistente, procure seu médico imediatamente.

Como evitá-las as varizes?

Quando o assunto é varizes, melhor forma de tratar é a total prevenção. Algumas dicas podem realmente te ajudar a evitar as varizes, como por exemplo:

  • Parar com o cigarro;
  • Manter uma rotina de exercícios aeróbicos regular e evitar exercícios de grande pressão nas pernas;
  • Fazer uso adequado de meias de compressão, pela manhã antes de levantar;
  • Se for o caso de você passar muito tempo na mesma posição, é interessante levantar-se a cada duas horas e realizar pelo menos dois minutos de caminhada
  • Controlar o peso
  • Utilizar apenas sapatos que sejam realmente confortáveis, nem muito planos, nem com saltos muito altos e finos.

Varizes na gravidez

Se você é mãe sabe do que eu estou falando, pois é exatamente neste período da gestação que as mulheres ficam muito mais suscetíveis ao surgimento de varizes, e de acordo com os mais renomados médicos do assunto, esta é hora ideal de ficar muito atenta aos cuidados da pele e da saúde como um todo. É evidente o que acontece aqui, na verdade com o crescimento da barriga, alguns vasos da pele ficam pressionados, e prejudicam a circulação ideal do sangue. A medida que o bebê cresce, essas veias ficam ainda mais evidentes, e para colaborar com o cenário o fato dos hormônios da grávida estarem a todo o vapor tem uma influência considerável sobre as varizes.

Alguns cuidados diferenciados durante esse período são:

  • Praticar uma atividade física leve;
  • Manter as pernas levemente elevadas para facilitar a circulação sanguínea;
  • Evitar ficar em pé por longos períodos;
  • Tomar realmente muita água;
  • Abusar dos cremes hidratantes.

Mas lembre-se que você precisa sempre considerar o histórico familiar pois a genética tem um peso realmente considerável sobre as varizes.

 

Leave a Reply