?Terapia florais de Bach: entenda como funciona?

O que é a terapia dos florais de Bach?

A terapia dos florais de Bach foi desenvolvida em 1929 por um médico britânico chamado Edward Bach. Trata-se de uma terapia alternativa e holística que utiliza um sistema simples, mas extremamente eficiente, no qual as doenças do corpo físico também são tratadas com um viés mais psicológico.

Utilizando essências em álcool comestível, esse sistema é totalmente natural e funciona de forma sutil em relação aos remédios alopáticos, uma vez que não são usados compostos químicos puros, mas as tinturas diluídas em um tipo de uísque.

Saiba agora como esses remédios naturais podem mudar positivamente sua vida e a importância de procurar um especialista para direcionar sua utilização.

Como funcionam os florais de Bach?

De acordo com essa terapia, seu aspecto emocional afeta diretamente em seus problemas físicos. Devido a vários estudos, todos sabemos que, de fato, altos níveis de stress podem, sim, evoluir para condições psicológicas que consequentemente, afetam o organismo. A abordagem da terapia dos florais de Bach age na raiz do problema e pode prevenir dificuldades futuras, além do fato de que os florais podem ajudar de forma sutil nos problemas de cunho emocional e de uma forma muito menos agressiva do que remédios moduladores de humor.

Os florais apresentam uma proposta bastante simples, mas inegavelmente eficiente. A terapia florais de Bach apresenta 38 remédios, que são misturados, em quantidades diferentes para cada problema a ser tratado. Uma vez que cada um dos florais está estritamente relacionado a um tipo de emoção e, consequentemente, com um problema. Não vamos abordar os 38 remédios, mas a forma como eles são extraídos é muitíssimo interessante.

Cada um dos remédios é feito com uma mistura de flores e plantas diferentes, que por sua vez são extraídas das plantas por meio de aquecimento da água, o que chama-se de tintura matriz. Dessa tintura matriz são feitas várias diluições em uísque até chegar no resultado final, que é então vendido nas farmácias naturais. As flores e plantas  que forem mais delicadas, são colocadas em taças de água e expostas ao calor do sol, para que a tintura seja produzida e as que são mais lenhosas e resistentes, são submetidas ao método de fervura padrão, obtendo assim a essência mais pura da planta, e  também os resultados menos agressivos.

Por que é preciso procurar um especialista?

Uma vez que, aparentemente, não há riscos, você pode considerar a automedicação, afinal, tudo não passa de “essências de plantas e uísque”, certo?

Errado! Além de ser uma atitude desrespeitosa para com os profissionais de naturologia, a automedicação com tentativas de reproduzir seus próprios Florais de Bach, é perigosa para sua saúde física e psicológica.

Não ache que só porque a ação da terapia dos florais de Bach é mais sutil do que as outras oferecidas com medicamentos de farmácia, por exemplo, que ela, se usada erroneamente, não possa trazer consequências graves à sua saúde. É imprescindível estar sempre orientado por um terapeuta de confiança, para que a dosagem seja ministrada adequadamente e o resultado seja adequado.

Além do mais, também é muito importante que seu médico seja informado do tratamento com florais, pois, apesar de praticamente inexistente, há uma chance de o álcool, em interação com outros remédios, desencadear algum tipo reação indesejada.

A terapia com os florais de Bach podem ser úteis em várias situações, e justamente por ter um efeito preventivo, pode ser considerada um paliativo sem igual para aliviar problemas crônicos. Aconselhamos que você procure um terapeuta de sua confiança e questione-o sobre os Florais de Bach.

Que tal conferir um vídeo que preparamos para você sobre o assunto?

 

Leave a Reply