Tag: revestimento

?Como limpar porcelanato? Aprenda tudo aqui?

A forma de limpar porcelanato é uma das dúvidas mais comuns de quem investe nesse tipo de piso para a casa. O porcelanato apresenta diversas questões bem particulares que tem de ser vistas com calma, para não danificar ou manchar. Falaremos mais sobre como limpar porcelanato, o que é bom e o que não é quando o assunto são porcelanatos e ainda como realizar a limpeza pós-obra, que pode ser a mais complicada no caso dos pisos de porcelanato.

Como limpar porcelanato no pós-obra?

Um dos momentos mais difíceis do porcelanato é exatamente o pós-obra, afinal a possibilidade do porcelanato ser riscado por uma pequena sobra de areia ou cimento é gigante. Por isso é recomendado varrer o porcelanato com uma vassoura de cerdas macias antes de passar o pano úmido, para evitar atrito. Assim você garantirá que o pano não danifique nada. Os rejuntes são um caso à parte, pois, dependendo do tipo de rejunte, pode ser que ele exija algum método diferente de limpeza.

Outro ponto bem importante no pós-obra é não se desesperar quando perceber que o porcelanato brilhante está fosco. Isso acontece porque ele está envolvido em uma cera para evitar que risque durante o transporte e a aplicação. Realizar a limpeza do porcelanato com essa cera é bem simples: é só usar um saponáceo cremoso ou cimento branco,  assim você terá uma solução simples para esses casos.

Outra questão é a sujeira que pode ocorrer quando os aplicadores são descuidados. Nesse caso, a melhor forma de limpar porcelanato é utilizando produtos especializados, que manterão o brilho e também protegerão seu porcelanato.

Como limpar porcelanato no dia a dia?

Quando falamos da limpeza diária de porcelanato, a dica é focar primeiramente na limpeza de rotina, mas estar preparada para todo o tipo de acidente, pois todos sabemos que o porcelanato é extremamente sensível a uma série de manchas e pequenos riscos. Mostraremos como limpar porcelanato em cada um desses casos:

A limpeza diária pode ser feita com a vassoura de cerdas bem macias e um pano úmido, só para tirar os excessos e a gordura do porcelanato. Não aplique nenhum produto diretamente no porcelanato, isso pode acabar manchando ele.

No caso de manchas especificas, existem algumas soluções para cada tipo de problema, que irão salvar seu porcelanato:

Graxas e óleos: Recomenda-se a limpeza com água quente e detergente alcalina.

Tintas: Removedor de tintas (sempre use com cuidado e em pouca quantidade!).

Ferrugem e café: Nesse caso, o indicado é utilizar água sanitária, saponáceo cremoso e limpeza total.

Tinta de caneta: Utilize um solvente orgânico, como acetona ou benzina. Use somente o necessário para retirar a mancha.

Borracha de pneu: Utilize um solvente orgânico (aguarrás) ou um saponáceo cremoso. Embora o porcelanato não seja o piso mais recomendado para garagens, esse procedimento ajuda bastante.

Cerveja ou vinho: Detergente alcalino ou então água sanitária.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

?Revestimento de cozinha: saiba o que escolher?

Os revestimentos de cozinha são simplesmente incríveis para dar aquela cara nova à cozinha, tirando a aparência sem graça e tornando-a um excelente lugar para reunir a família ou os amigos e desfrutar de uma refeição, conversar e aproveitar a companhia.

A cozinha é muito mais do que apenas um lugar onde se prepara os alimentos, especialmente no Brasil, onde ela ganha o papel de reunir pessoas e dificilmente será superada por qualquer outro ambiente. Falaremos mais sobre as opções de revestimentos de cozinha e seus benefícios, além de dicas com as melhores opções de revestimento para a sua cozinha ganhar um charme.

O que você espera do revestimento de cozinha?

Antes de mais nada, é imprescindível que um revestimento de cozinha seja fácil de limpar e o mais resistente possível às gorduras, água e outros tipos de sujeira comuns de acontecer nos preparos culinários. Unido a isso, é preciso tornar esse ambiente aconchegante e confortável para quando for receber pessoas, podendo ser criado um misto de sala de jantar com cozinha, uma vez que muitas casas brasileiras não possuem sala de jantar.

Além disso, existem diversas texturas, cores e tipos de acabamento que fazem com que a cozinha transmita sensações únicas, além de alguns deles combinarem melhor com determinados tipos de móveis. O aconselhável é escolher o revestimento de cozinha pensando nos móveis ao redor e no estilo que você pretende seguir.

Para que você possa decidir, ajudaremos com os exemplos de revestimentos de cozinhas mais comuns e a forma como eles podem ser usados.

Quais os tipos de revestimento de cozinha e o que eles transmitem?

  • Azulejos brancos: são lindos, tradicionais e ideais para cozinhas pequenas, pois dão sensação de mais espaço ao ambiente. Porém, uma grande desvantagem é o fato de mostrarem a sujeira muito mais rápido do que os coloridos. O ideal é combinar com móveis claros e dar o contraponto com parte deles de mogno, destacando de forma elegante.
  • Azulejos com padrões: uma categoria super abrangente de azulejos, os azulejos com padrões podem revelar padrões geométricos, lembrar os clássicos azulejos portugueses e até mesmo exibir os tradicionais motivos florais. É muito importante conferir o tipo de desenho e o espaçamento, que pode ser dado com um revestimento de cozinha na cor branca ou de outra cor suave.

  • Revestimento de cozinha com pastilhas: As pastilhas revelam uma forma delicada e bastante diferente de trazer para a cozinha um revestimento divertido ou tradicional. É possível trabalhar com pastilhas monocromáticas, fazer listras com cores diferentes ou até mesmo fazer desenhos com estilo pixel art, se desejar. A principal desvantagem é a dificuldade de manter o rejunte branco de forma que ele não fique encardido. Nesse caso opte por um rejunte mais escuro.
  • Revestimento de cozinha em mármore: o revestimento de cozinha em mármore é sem dúvida uma das opções mais elegantes e caras. É linda, de fácil limpeza, mas tem como sua principal desvantagem o preço.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

You cannot copy content of this page