Tag: Cuidados

? Como Cuidar de Orquídeas? ?

A orquídea possui diversas espécies e as mais variadas cores, por isso mesmo encanta a todos com sua beleza exuberante. A escolha das orquídeas na hora de decorar um ambiente é sempre garantia de bom gosto e sofisticação. Além de decoração, muitas pessoas costumam presentear com orquídeas, o que é sempre de muito bom tom.

Se você está pensando em cultivar orquídeas, saiba que é fundamental se inteirar sobre todos os cuidados que se deve ter com esta planta, para que você possa tê-la por muitos anos. As orquídeas são plantas que se desenvolvem melhor em ambientes úmidos e com pouca luminosidade, como caules de árvores, em locais que não recebem muita luz solar direta, portanto, plantar sua orquídea em um local que receba bastante luz solar direta não é uma boa ideia.

Leia esse post até o final e aprenda a cuidar de orquídeas da forma correta, para que possam crescer saudáveis e desabrocharem em lindas flores para decorar sua casa e seu jardim!

Orquídeas dentro e fora de casa

Se você pretende começar o seu cultivo de orquídeas fora de casa, é super importante que o vaso que você irá utilizar seja de barro e não de plástico, pois os vasos de barro possuem buraquinhos que facilitam a drenagem de água, proporcionando a umidade na medida certa para que a flor possa se desenvolver. Caso a única opção seja utilizar um vaso de plástico, se assegure de que tenha os furinhos necessários, para que a planta não fique encharcada o tempo todo, pois isso prejudicará severamente seu crescimento e poderá até mesmo matar a planta.

Como regar corretamente?

A forma ideal de regar as orquídeas é de forma equilibrada, afinal, as orquídeas gostam de água e umidade, mas de forma exagerada elas podem não resistir e morrer “afogadas”. Molhe mais no período de verão e afunde o dedo no solo para verificar se está úmido o bastante, lembrando sempre do cuidado para não exagerar.

A orquídea possui diversas espécies diferentes, e algumas são capazes de reter muito mais água do que as outras. É sempre ideal ficar de olho no clima para mensurar a quantidade de água que deve ser utilizada.

Cultivando a orquídea dentro de casa

Se você irá cultivar a sua orquídea dentro de casa, é sempre importante manter o ar em circulação. Se sua casa não tiver grande circulação de ar vale deixar um ventilador sempre por perto, afinal, as orquídeas não se dão bem com ar parado e precisam do ar para se alimentar.

Quanto ao florescimento da sua orquídea, é preciso ter bastante paciência. Algumas espécies podem demorar um pouco mais do que outras, portanto, é fundamental ser paciente e cuidar da orquídea com muito amor. Algumas espécies só florescem quando estão mais maduras. Se está demorando mais do que o normal, verifique se o vaso em que ela está plantada não é pequeno demais. Se esse for o caso, transfira a planta cuidadosamente para um vaso maior, lembrando sempre da importância de um vaso com furinhos.

Seja cultivando a orquídea dentro ou fora de casa, o resultado é sempre satisfatório quando se cuida com carinho e quando ela florir você será recompensada com a beleza das suas flores.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

?Os cuidados com o cabelo tingido que nem todo mundo conhece?

Provavelmente você já  se deparou com dúvidas como “será que a forma como eu cuido dos meus cabelos tingidos é a correta?”, você acredita no que dizem sobre o cabelo tingido ficar ainda mais danificado, mas não faz nada para ajudar? Ou, pior ainda, deixa de aplicar aquela cor incrível porque seu cabelo está danificado?

Daremos algora várias dicas, algumas bem famosas, outra menos conhecidas, que vão te ajudar, e muito, a cuidar dos cabelos tingidos.

Quais os cuidados devo ter com cabelos tingidos?

Se você está tingindo seus cabelos pela primeira vez, procure usar uma cor parecida com a cor original dos fios. Isso vai ajudar o cabelo a se acostumar com todo esse processo de tintura, além de não gerar aquele desconforto que sentimos diante de uma mudança brusca. Caso você deseje realmente fazer uma mudança radical, o melhor é começar fazendo mechas ao invés do cabelo todo.

Tome muito cuidado com sol, mar e piscina. Esse trio já é adversário do cabelo naturalmente, e tingidos fica ainda mais complicado. Assim que sair do banho de mar ou de piscina, procure lavar os cabelos com um produto que seja anti-resíduos, ou então use uma máscara de silicone sem enxágue, para que possa criar uma película protetora nos seus cabelos. Em relação ao sol, é aconselhável que você sempre tenha um chapéu ou lenço consigo, para evitar que os cabelos tingidos recebam raios diretos do sol por muito tempo.

Procure não trocar a marca da tintura com frequência, pois isso pode acarretar numa reação desagradável no seu cabelo, principalmente se você trocar muitas vezes de marca em um curto período de tempo. Analise a marca de tinturas que se adapte melhor aos seus cabelos e procure ser fiel a ela. Caso resolva tingir os cabelos em casa, não pule nenhuma etapa nem as inverta. O processo deve ser igual ao recomendado pelo fabricante.

O que devo utilizar para cuidar dos cabelos tingidos?

Água fria e óleo quente: Lave seus cabelos preferencialmente com água de morna para fria, isso faz com que os fios percam menos umidade e também desbotem menos, pois a água fria selará as cutículas dos cabelos. Acrescente a isso tratamentos com óleos específicos aquecidos. Eles ajudarão seu cabelo a manter a hidratação e a fortalecer os fios mais fracos.

Hidratação, shampoos específicos e máscaras de queratina: Você pode achar que é uma quantidade absurda de produtos para cuidar dos cabelos tingidos, mas a longo prazo você economizará, mantendo o tom de seus cabelos lindo por muito mais tempo. Se você hidratar seus cabelos ao menos a cada 15 dias, usar shampoos específicos para cabelos tingidos, você certamente terá os mais bonitos cabelos tingidos!

Procure reduzir a utilização da chapinha e de escovas: esses dois são inimigos dos cabelos tingidos. Tratamentos que usam altas temperaturas combinados à tintura deixam os cabelos extremamente frágeis. Tomando esses cuidados, seus cabelos se manterão mais tempo com a coloração, ficarão sempre brilhantes e isso fará com que você tenha muito menos problemas ou necessidade de retocá-los.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

?Design de sobrancelhas: em busca da beleza ideal?

As sobrancelhas conferem um diferencial para o rosto e criam uma imagem totalmente diferenciada do rosto feminino. Uma sobrancelha quando bem feita pode suavizar as feições, deixando o rosto mais jovem, leve e harmonioso. Aliado ao visagismo, o design de sobrancelhas faz cada vez mais sucesso e sua busca pelas mulheres em geral só aumenta.

Trataremos sobre o trabalho de design de sobrancelhas, qual seu diferencial, além das vantagens que ele trará à sua aparência.

Como é feito o design de sobrancelhas?

Quando pensamos que antigamente esse tipo de serviço era feito em casa ou salões generalistas, acabamos achando que os serviços especializados, que tem o foco apenas no design de sobrancelhas são exagerados ou apenas um modismo superficial, criado para gastar mais dinheiro em troca de um certo tipo de promessa de beleza. No entanto, os serviços de design de sobrancelhas são bem diferentes dessa concepção antiquada.

O design de sobrancelhas é feito por esteticistas especializadas, que possuem precisão e o conhecimento necessário para saber o tipo de sobrancelha que mais harmoniza com seu tipo de rosto.

Os procedimentos realizados por um designer de sobrancelhas são:

  • Projeto: É feito com lápis, mostrando à cliente a melhor forma de transformar sua sobrancelha, que geralmente aproveita o desenho natural e também corrige os excessos.
  • Corte: Nesse procedimento é feito um corte a tesoura, que alinha os fios e dá mais harmonia ao conjunto.
  • Depilação: São retirados os excessos de pelo, geralmente usando cera de alga, por ser menos agressiva à pele. Esse procedimento é bastante delicado e é feito com todo o cuidado para evitar agressões à pele.
  • Acabamento: Nesse ponto qualquer imperfeição é corrigida, com o uso de uma pinça.
  • Pós procedimento: Aqui são usados produtos hidratantes e protetores que garantem a proteção e a recuperação total da pele da área afetada.
  • Finalização: Nessa última etapa usa-se o lápis para finalizar o design, o que deixa o desenho mais demarcado e confere maior precisão ao processo. Se for necessário, pode ser usado branqueador em qualquer pelo que tenha restado, cobertura de henna ou até mesmo a micropigmentação para correção de falhas.

O procedimento é super rápido, durando cerca de 15 minutos e fará uma diferença enorme na sua aparência.

Quais os cuidados para manter o design das sobrancelhas?

Depois do procedimento, é importantíssimo manter a região sempre hidratada, principalmente porque é indicado passar pelo design de sobrancelhas ao menos a cada 15 dias, para que elas não percam o contorno.

Também é importante avaliar se o resultado ficou da forma que você desejava. Muitas vezes, nós gostamos de certos diferenciais do nosso corpo, que às vezes são vistos como “defeitos” por outras pessoas. Se uma sobrancelha um pouco mais grossa faz com que uma característica da sua personalidade que te agrada seja ressaltada e se sente mentindo para si mesma, a melhor opção é mudar o design, mantendo um pouco do volume, mas também adaptando o contorno para realçar ainda mais beleza.

O mais importante é fazer com que os recursos estéticos sempre trabalhem a seu favor, mas que não te deixe refém deles, ainda que a opinião de um esteticista não deva ser desconsiderada.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

?Sangramento na gravidez: saiba mais?

Aquele momento em que a mulher descobre que vai ser mãe é talvez um dos mais importantes para a elas.  Talvez você não tenha esperado, talvez seja de surpresa ou ainda talvez você realmente planejou essa nova vida. De qualquer forma, vamos entender sobre alguns cuidados que você precisa tomar no dia a dia de grávida?

Sangrar na gravidez é normal?

De forma simplista podemos dizer que é realmente comum que ocorra um pequeno sangramento durante o primeiro trimestre da gestação. Isto é normalmente atribuído ao fato de o corpo estar em constantes mudanças hormonais. Naqueles dias em que a mulher viria a menstruar, ela pode sofrer um sangramento durante estes dias. Isso é totalmente  normal e não causa nenhum dano potencial ao bebê.

Contudo, se eventualmente ocorrer um sangramento escuro, que se parece muito com borra de café, isto significa que houve um descolamento do saco gestacional, e que ele está se adaptando ao útero. Este é um momento realmente delicado e a recomendação é absoluto repouso. Lembre-se sempre de falar com um médico sobre.

O que fazer se o sangramento for muito grande?

Se eventualmente você vier a sentir muita dor, acompanhada de cólicas fortes e o sangramento seja com um fluxo muito grande, vá urgentemente para um médico! Estes sintomas podem sinalizar um aborto espontâneo ou de gravidez ectópica, que é um quadro onde o embrião não chega ao útero, parando nas trompas. Lembre-se que uma hemorragia é cheia de sangue fluído e muito vermelho, também é acompanhado de muita dor enquanto que um simples sangramento é de sangue comum, não necessariamente vivo e sem nenhuma dor. Geralmente é algo simples de acompanhar.

Posso ter sangramento no final da gravidez?

A verdade é que qualquer sangramento durante a gravidez que deve ser relatado ao medico o mais urgente possível. Isto pode sinalizar um parto prematuro, e se isto vier a acontecer, seu bebê poderá vir a precisar de muitos cuidados após o nascimento. O seu médico de confiança é hábil para te te orientar quanto a forma correta de se prevenir de um parto prematuro. Ele te passará alguns cuidados variam de mulher para mulher. De qualquer forma, lembre-se sempre de repousar muito!

No caso de ocorrer um sangramento exatamente no quinto mês de gravidez, isto sinaliza que pode haver algo errado com a placenta do bebê. E ainda no sétimo mês, caso incida um sangramento em vermelho vivo e também acompanhado de cólicas, pode ser que tenha ocorrido um deslocamento na placenta. Nos dois casos o medico deve ser consultado o quanto antes possível.

A verdade é que ser pai de primeira ou de quinta viagem tem seus riscos, seus benefícios e também as suas lutas. Você mamãe, tem que se cuidar para que o seu bebê venha ao mundo podendo ver também este lindo sorriso que carrega pela vida que está sendo gerada no seu ventre!

Gostou do texto? Que tal ver um vídeo sobre isso e entender ainda mais?

?Vacinação?

Todo mundo aqui no Brasil sabe que a a imunização de crianças através de vacinas é gratuita e que atinge uma grande parte da nossa população. Entretanto, nos EUA e em países europeus, o número de pessoas que são contra a vacinação, só aumenta. ?Neste artigo, entenda porque não tomar vacinas é extremamente perigoso para a sua saúde qual é o propósito das vacinas.

Como funcionam as vacinas normais?

Basicamente, a cura geralmente é o próprio veneno! Isso mesmo! Utilizando alguns dos compostos que são derivados dos agentes agressores, as vacinas que conhecemos agem fazendo com que nosso organismo reconheça este agente como um inimigo a ser atacado, o que impulsiona ele a criar anticorpos específicos.

É importante tomar vacina?

Mais do que apenas proteger as pessoas das doenças de difícil tratamento e que podem provocar até a morte, quando a maior parte população está imune a uma doença, é quando é gerada o que os médicos chamam de “imunidade de rebanho”. Este efeito protege as crianças que não podem ser imunizadas ainda de terem doenças relacionadas a isso.

Qual o perigo de não se vacinar, ou não vacinar seus filhos?

O perigo está em começar uma série de novas doenças e aumentar o número de mortes. A vacinação no Brasil erradicou sérias doenças como a poliomielite e o sarampo.  E se boa parte da população decidir parar de se vacinar, doenças erradicadas voltarão a provocar grande número de mortes.

As vacinas são seguras?

De forma geral sim, mas nenhum medicamento realmente seguro. Todas elas podem gerar um ou outro efeito colateral, contudo atualmente as vacinas no Brasil são muito seguras e eficazes. Efeitos colaterais como vermelhidão no local aplicado, febre e mal estar, são comuns mas nada que não valha a pena não é mesmo?

Quais vacinas devem ser tomadas?

O calendário de vacinação começa bem cedo, nas primeiras semanas de vida do bebê, e começa com as vacinas contra tuberculose e hepatite B. Depois, com dois meses, a criança deve receber a segunda dose da vacina de hepatite B e as primeiras doses das vacinas contra tríplice bacteriana, Haemophilus influenzae, poliomielite, pneumococo e contra o rotavírus. Aos três meses vem a dose da vacina contra o meningococo C. Aos quatro meses, vem as segundas doses de vacinas contra tríplice bacteriana, Haemophilus influenzae, poliomielite e pneumococo, sendo a segunda dose contra o meningococo C no mês seguinte. Aos seis meses do bebê, ele tomará a segunda dose contra o rotavírus e as terceiras doses das vacinas contra hepatite B, tríplice bacteriana, Haemophilus influenzae, poliomielite e pneumococo. Dos 12 aos 18 meses o bebê precisa tomar reforços para todas essas vacinas e de 12 aos 24 meses tomam-se as primeiras e segundas doses contra a tríplice viral, varicela e hepatite A. De quatro aos seis anos tomam-se os reforços para poliomielite, tríplice bacteriana e meningococo C.

Onde você pode se vacinar?

A grande parte das vacinas obrigatórias podem ser tomadas em postos de saúde. Elas são disponibilizadas gratuitamente. Enquanto as que não houverem disponíveis lá, você poderá tomar em clínicas particulares, como por exemplo a vacina contra HPV.

?Aromaterapia para a saúde?

A verdade é que a gente tem tido cada vez menos tempo para lidar com a nossa saúde. A rotina estressante que a gente leva, tem cada vez mais gerado problemas de saúde consideráveis e vem colaborando para que novos métodos de tratamento sejam celebrados. A aromaterapia é um dos ramo que mais cresce em sucesso de resultados, pois através do uso de cheiros especiais, alcança pontos de cura dentro do corpo e da alma. Ficou interessado? Acompanhe este artigo!

O que é Aromaterapia?

Ela é considerada por muitos psicólogos como um tipo de terapia alternativa aos tratamentos tradicionais e objetiva tratar enfermidades e desequilíbrios. A aromaterapia é um ramo da fitoterapia que através dos efeitos que os aromas das plantas (vindo de óleos essenciais) gera saúde, paz interior, desperta sentimentos de infância e promove cura emocional, física e até da alma. O nome por si só já diz: terapia com aroma

Como funciona a Aromaterapia?

Ela geralmente é utilizada em conjunto com a fitoterapia e a também com a medicina tradicional, a aromaterapia faz uso dos óleos essenciais. A primeira parte da terapia é escolher quais são os melhores óleos, que podem beneficiar o paciente não só o aspecto físico como também em problemas psicológicos ou emocionais. As formas de perceber os aromas podem se dar:

  • Através de massagens com o uso deles;
  • Através de águas de banho;
  • Através de inalação.

Os benefícios do óleo escolhido chegarão logo ao sistema nervoso central e transmitirão seus sinais para o corpo todo. Os óleos que são aplicados na pele atuam exclusivamente no local desejado. Lembre-se sempre que um bom profissional saberá qual óleo indicar para cada situação, ok? Cuidado com amadorismos!

Qual é a história da Aromaterapia?

Existem registros de sua utilização há pelo menos cinco mil anos atrás. Hipócrates, que é conhecido como o pai da medicina, utilizava apenas vapores e também de fumaça aromáticos para erradicar pragas em Atenas e, através dos mesmos métodos,  os soldados romanos se mantinham fortes com banhos aromáticos. Pouco mais de mil anos depois de Cristo, houve um médico conhecido por Avicenna que colaborou com o processo de destilação destes óleos essenciais, e tornou a aromaterapia antiga muito mais eficiente.
No mundo ocidental, a Aromaterapia chegou no tempo das Cruzadas. Há registro da utilização destes óleos essenciais para tratamento do que ficou conhecido como peste bubônica. Houve uma grande difusão dos seus benefícios nos séculos XVI e XVII, com experimentos científicos que provam as propriedades antibacterianas das plantas.

Para quem a Aromaterapia é indicada?

A Aromaterapia se mostra muito eficaz no tratamento de estresse, dores musculares e reumatismo, distúrbios digestivos, disfunções menstruais e da menopausa, ansiedade, insônia e depressão. Ela é muito agradável, transmite sensação de segurança e é fácil de se utilizar em casa desde que se siga as instruções. Cada vez mais, a aromaterapia tem conquistado muitos fãs em todo o mundo.

?Como cuidar da pele negra? Conheça os detalhes?

Se comparada aos outros tipos de pele, a pele negra tem muitas vantagens e características específicas, que demandam cuidados, também específicos, como a questão de manchas e algumas outras questões que os outros tipo de pele não apresentam.

Por mais globalizado que o mundo seja, a indústria de cosméticos ainda está engatinhando no que se refere à disposição de produtos específicos para a pele negra. Por ser diferente dos outros tipos de pele, vamos dar várias dicas de cuidados para sua pele fique ainda mais incrível e você possa aproveitar totalmente as vantagens que sua pele já tem. É só ler esse texto até o final e se preparar para fazer ainda mais sucesso.

Quais são as vantagens da pele negra?

Ótimas notícias: você não vai precisar se preocupar com envelhecimento precoce! A pele negra tem uma proteção incrível contra os raios UV, que são prejudiciais à pele, e dessa forma, o efeito do sol é muito menor. Essa proteção toda se dá graças a duas coisas: a melanina, que está presente em maior quantidade na pele negra e também a uma presença maior de colágeno, que deixa a pele firme e evita rugas e aquelas marcas indesejadas de expressão.

A pele negra possui desvantagens?

Bom, a melanina, que a gente acabou de ler que está presente em maior quantidade na pele negra faz o papel de boa moça, mas às vezes também acaba sendo uma vilã: a pele negra pode apresentar manchas devido a uma concentração excessiva de melanina em uma parte da pele.  Tem também a questão dos queloides, que podem aparecer com uma frequência maior em pessoas que tem pele negra devido à maior quantidade de colágeno. Veja que para cada vantagem, há também um contraponto. Além disso, a pele negra também tem uma tendência a apresentar maior oleosidade (mas também pode ser seca, mista ou normal, não vamos generalizar!). Devido à essa tendência a ser mais oleosa, o quadro de acne na pele negra tam uma probabilidade maior de ocorrer.

Como evitar esses problemas e cuidar da pele negra?

Nesse ponto a gente já se deu conta de que a pele negra não é melhor nem pior do que as demais, ela apresenta vantagens e desvantagens diferentes e precisam de produtos específicos, justiça seja feita! É muito importante que você conheça produtos mais específicos para a sua pele, para que possa cuidar dela melhor e evitar os pontos negativos que vimos anteriormente.

No caso da acne o merado oferece vários produtos comprovadamente eficientes. Tem a famosa foliculite, que é gerada após uma depilação ou depois de fazer a barba. Ela nada mais é do que a inflamação dos folículos capilares. Uma dica para evitar isso é hidratar a região logo depois de depilar ou fazer a barba. Usar um esfoliante no dia seguinte também faz milagres para evitar o problema.

Vamos esclarecer um ponto bem importante: mesmo com a quantidade maior de melanina na pele, você não pode deixar se usar filtro solar. Use pelo menos o fator 15 e evite períodos intensos de exposição ao sol, afinal, a melanina protege sim, mas não faz milagres. Nada de exageros na hora de tomar sol, hein.

Sabe aquelas manchas indesejadas na pele? Pois bem, elas são causadas por inflamações. Para combatê-las é muito importante que você utilize produtos que contenham vitamina C em sua formulação, pois ela combate os agentes inflamatórios e oferecem ainda mais proteção para sua pele.

Se você está entre as pessoas de pele negra que possuem a pele mais oleosa, um sabonete esfoliante vai ajudar muito, pois a esfoliação elimina o excesso de oleosidade e de células mortas.

Agora que você ficou por dentro de todas essas dicas e conhece melhor a sua pele, o que acha de conferir um vídeo que selecionamos sobre o assunto? Olha só:

? Cremes Firmadores?

Ainda que você tenha uma vida realmente saudável, e tenha uma dieta balanceada, mantenha uma rotina de exercícios físicos, você está sujeito ao perigo de ter uma pele flácida. O que talvez pouca gente saiba é que, com um tomando as medidas certas e com um pouquinho de ciência, você pode se beneficiar de princípios ativos que colaboram para firmar a a pele e promover um verdadeiro combate ao acúmulo de gordura localizada.

Vamos falar mais sobre os Cremes Firmadores?

Quais os melhores princípios ativos?

Se você quer encontrar o creme firmador mais perfeito para o seu tipo de pele, é importante saber como ler a sua embalagem. Para que você tenha o melhor resultado com o creme escolhido, é necessário que ele tenha pelo menos pelo menos um dos princípios ativos que vamos te mostrar agora:

  • Coenzima Q10 – ele é natural e tem uma química muito semelhante à da vitamina “E” que é produzida pelo nosso corpo. Este princípio ativo é um eficiente antioxidante que capta todos os radicais livres, podendo ser usada no combate a toda sorte de doenças consideradas crônicas, cardíacas e também para a pele através dos cremes firmadores.
  • DMAE – Este princípio ativo pode ser facilmente encontrado nos peixes como a sardinha, na anchova e também no salmão. Ele é um componente que pode ser manipulado e utilizado em concentrações que vão de  3 a 10%. Através do seu uso, ele é capaz de aumentar os níveis de contração dos músculos e promove uma firmeza na pele. Atua também no combate à linhas de expressão proporciona aumento nos lábios.
  • Coup D’eclat – Este é um complexo realmente especial que, através das suas proteínas tensoras, atuam no resgate do aspecto da mais jovem da pele.
  • Raffermine – Este componente é extraído diretamente da soja e quando ele é colocado sobre a pele promove a reorganização das fibras de colágeno, o que proporciona uma melhor a resistência e atua como firmador.
  • Liftline – Extraído do trigo, promove a tensão na cútis e a deixa muito mais firme e macia do que antes, desde que a sua concentração não exceda entre 3 e 5%.
  • Tensine –  que também é feito de proteínas do trigo, contudo de forma purificada. Ele atua de também na pele como um tensor, promovendo uma firmeza definitiva.

Quais são as regiões do corpo que sofrem mais?

Como em tudo que se trata de saúde, algumas regiões do corpo ficam susceptíveis a flacidez. Todas as regiões que ficam mais expostas ao sol são as que sofrem mais pois é isto que acelera o envelhecimento e a ruptura das fibras que atuam na pele para que ela fique firme. E é claro: o rosto também tem que ser citado aqui. Contudo, ele é o que melhor responde qualquer que seja o tratamento de reparação apenas por possuir mais irrigação sanguínea.

O que fazem os cremes firmadores?

De forma geral eles se propõe a recuperar a sustentação da pele e diminuir a flacidez. Existem também alguns outros produtos que prometem reduzir medidas, e que combatem à retenção de líquidos no corpo e também na eliminação de gordura localizada.

Cremes Firmadores de Pele funcionam?

Se eles possuírem algum dos princípios ativos citados acima, você verá uma melhora significativa na flacidez. Encontrando apenas alguma ou outra diferença no que diz respeito a duração do efeito e no potencial de incentivar o corpo a formar elastina e colágeno.

Dicas valiosas para evitar a flacidez

Lembre-se que são coisas simples que fazem toda a diferença! Algumas dicas são:

  •  Usar protetor solar todos os dias: pois o sol, depois do tempo, é o principal inimigo da pele sem proteção;
  •  Lembre-se de beber muita água: pois isso evita a retenção de líquido no seu corpo e essa retenção é uma companheira fiel da sua inimiga, a flacidez.
  •  Cuide com o efeito sanfona: pois muito além de provocar estrias, pelo fato da pele esticar e voltar ao normal com frequência e de forma muito rápida, ela ajuda provocar a flacidez.
  •  Mantenha uma rotina de exercícios: isso firma os músculos sob a pele e melhoram o seu aspecto.

Gostou do texto? Encontre mais materiais como este em: https://www.bildium.com.br / Assista este vídeo onde um especialista explica em detalhes sobre os princípios ativos relacionados aqui.

? Como Esfoliar a Pele ?

A nossa pele é um órgão realmente incrível. Além de ser o nosso cartão de visitas para o mundo, ela protege os nossos tecidos internos, mentem a nossa temperatura sempre regulada,  reserva alguns dos nutrientes fundamentais para a vida e ainda nos permite perceber o sentido do tato.  Você sabia que a pele é o maior órgão do corpo humano? Ou que ela possui três camadas, sendo que a terceira liga a pele ao tecido muscular?

Por isso ao esfoliar a pele temos que tomar alguns cuidados. Vamos entender quais são? Leia este artigo até o final e descubra!

Como a nossa pele é composta?

Epiderme

Como dito logo acima, a nossa pele é composta por três partes. Sendo que a primeira deles é chamada de epiderme. Esta por sua vez, pode ser a camada mais grossa e pode variar de acordo com cada parte do corpo (como podemos observar nas mãos e nos pés). A epiderme é a que contém os produtores de melanina, que definem qual é cor da pele, e também é onde ficam os pequenos folículos onde são gerados os pelos do corpo humano. Você sabia que na Epiderme não existem vasos sanguíneos? Isso é para que os micro-organismos não tenham acesso a eles.

Derme

A segunda camada é conhecida como Derme. Ela é a base da epiderme e é onde fica todo o colágeno e a elastina. Isso quer dizer que é a derme que se parte quando nós engordamos e emagrecemos muito rápido, o que formam as conhecidas estrias. Também é na derme ficam localizados os sensores que são os responsáveis por todas sensações que sentimos ao toque, e é exatamente por esta razão que temos sensações muito mais intensas onde a pele é consideravelmente mais fina como por exemplo nos genitais e nos lábios.

Tecido Adiposo

Há quem diga que a terceira camada não pode ser considerada pele por tratar-se de tecido adiposo. Na verdade é o tecido adiposo que fica responsável pela nossa proteção contra o frio. Ele funciona principalmente como um reservatório de energia, que isola, absorve os choques e fixa os órgãos. Lembra dos tipos diferentes de corpo que você aprendeu no ensino médio? Então, é ele quem modela a nossa superfície corporal e quem define o aspecto diferente e de forma individual a cada parte do corpo através da quantidade de gordura que existe ali.

Como manter uma pele saudável, afinal?

Para realmente ter uma pele saudável, nós precisamos ficar atentos com os cuidados que o nosso corpo demanda. Assim como para com todos os outros órgãos do corpo humano, a alimentação tem uma influência direta na qualidade da nossa pele, e pode deixá-la seca, sem vitalidade, ou muito brilhante e gordurosa. Portanto cuide da alimentação! Também é crucial que você se  hidrate corretamente. Se você tomar bastante água, colaborará para a super hidratação da sua pele. Mas não se engane: mesmo assim a pele pode sofrer por estar seca por conta, por exemplo, de banhos muito quentes. Hidratantes de recuperação profunda valem a pena também, viu?

Você sabia que a nossa pele, assim como nossos cabelos e nossas unhas, possuem algumas células que estão em constante renovação? É desta forma que se formam as cicatrizes! As células se renovaram e expulsaram as células mortas para fora, o que ocasiona o cobrimento do machucado e impede a passagem de microrganismos à corrente sanguínea. Entende agora a importância de esfoliar a pele? Ela sempre se renova de acordo com o que foi feito na epiderme! Ou seja, se lá tem acne, se renova com acne! Se lá tem marcas de expressão? Vai se renovar com marcas de expressão. Por isso tome as providências necessárias para que o seu corpo nunca se tenha uma pele que é áspera e sem vida.

Como esfoliar a pele?

Este procedimento é realmente simples. Você pode esfoliar a sua pele com uso de esponjas naturais, ou ainda uma simples escovas de banho, buchas naturais ou ainda misturando um pouco de açúcar com o sabonete líquido. Indicamos que para o caso do rosto, que é mais realmente muito delicado, você deva usar aveia misturada com mel. Também existe a opção de usar esfoliantes químicos e estes podem combater manchas, rugas e acne. Contudo, este tipo de medicamento só podem ser receitados por dermatologistas por conta dos ácidos presentes em suas fórmulas.

Lembre-se de depois de esfoliar a pele, usar um bom hidratante para colaborar com a cicatrização e também com a renovação da pele.

? Como evitar e tratar flacidez ?

Se você não sabia, agora vai saber! A pele é o maior órgão do corpo humano e a sua principal função é a proteção dos outros órgãos dos fatores externos, também atua na regulagem da nossa temperatura, nos fornecendo o sentido do tato,  a proteção dos tecidos subjacentes e revestindo o corpo. Existem diversos fatores que influenciam na saúde da pele e na sua flacidez. Homens e mulheres sofrem com isso, mas adivinha qual dele são os mais afetados?As mulheres! Isso porque geralmente quando a mulher se torna mãe, boa parte dos seus nutrientes vão para o filho e a pele que precisa constantemente de diversos tipos de nutrientes, fica a ver  navios.

Neste pequeno artigo vamos falar sobre flacidez e também sobre como milhares de mulheres ao redor do mundo vem fazendo para evitar este mal que deixa qualquer autoestima, lá embaixo!

Quais são os diferentes tipos de flacidez?

Podem ser identificados pelo menos  três casos diferentes de flacidez:

  1. A flacidez acentuada;  causada principalmente por perda de peso muito grande em pouco tempo;
  2. A flacidez causada pelo envelhecimento da pele;
  3. A flacidez muscular, causada pela falta de exercício.

Como tratar a Flacidez Acentuada?

Para o caso das pessoas que perderam peso muito rápido, a flacidez se torna irreversível por meios considerados naturais. Este tipo de flacidez é comum em em pessoas que fizeram cirurgia bariátrica,  e é importante saber que ao se submeter a um procedimento como este, será necessária uma cirurgia de remoção de pele. É isso o que o emagrecimento muito acelerado faz e infelizmente este tipo de flacidez só pode ser resolvido com cirurgia plástica.

Como tratar a Flacidez por Envelhecimento?

Para o segundo caso, que é a flacidez por envelhecimento,  ela é muito comum em pessoas idosas e se deve a baixa produção de colágeno e elastina. Em alguns casos o organismo para de produzir completamente. Por isso, este tipo de flacidez é causada principalmente pelo fato de as fibras que sustentam a pele ficarem fracas. É por isso que muitas vezes precisamos ficar atentos a ingestão correta de colágeno, para que quando sejamos mais velhos este tipo de problema não venha acontecer. Alguns fatores como  o sedentarismo e o efeito sanfona colaboram estas fibras fiquem fracas.

Como tratar a Flacidez muscular?

Quando as fibras que sustentam a pele perdem a tonicidade, o músculo perde força. E isso acontece pela falta de estimulo correta nas regiões que estão flácidas. Exemplo disso é o bumbum, que sem os exercícios corretos geralmente fica caído e nada faz com que suba. Também é o caso das bochechas, que sem os exercícios adequados, fica murcha e cai. Por isso, para tratar corretamente a flacidez muscular é importante se exercitar!

Afinal, tem como nunca ficar flácido?

Sempre que falamos de algo como a flacidez é importante dizer que ela é melhor evitada do que combatida. É o velho: “é melhor prevenir do que remediar” de novo. Contudo, ainda é mesmo a melhor solução. Por isso, algumas dicas para que você elimine a flacidez:

  1. Observe a sua alimentação: uma dieta rica em proteínas ajuda na produção de colágeno, que irá manter a pele bonita e firme por mais tempo;
  2. Mantenha uma rotina de exercícios regular:  e de preferência os aeróbicos, pilates e malhação, que ajudarão na perca de gordura e na conquista de massa magra – combatendo ao mesmo tempo a flacidez;
  3. Saiba a hora de tomar um suplemento de colágeno: todo mundo pode ficar flácido e este é mais um dos efeitos indesejados do tempo, por isso, se você quer evitar este estresse flácido na sua vida é mais do que hora de tomar um suplemento de colágeno devidamente hidrolisado. Desta forma, você evitará pelo menos dois tipos de flacidez e garantirá uma pele mais bonita e jovem ao mesmo tempo.

Viu só? São pequenas ações diárias que podem nos ajudar a evitar grandes problemas no futuro. É por isso que as decisões são realmente importantes na nossa vida. Decidir o que comer, o que tomar, como se exercitar, que estilo de vida manter, se vai comer comida gordurosa, se vai cuidar da alimentação, se vai beber refri ou água. Todas essas decisões que parecem corriqueiras são na verdade nosso maior desafio. Afinal, é de gota em gota que se faz o oceano!

? 5 problemas de pele e como tratá-los ?

Geralmente é na adolescência que o mais comum dos problemas de pele aparece: a acne. Contudo, ela não se limita a essa idade e pode surgir também em adultos. Tudo depende de como andam alguns fatores considerados relevantes para a nossa saúde como ingestão de água, alimentação e cuidados com a pele. O fato é que, adolescente ou não, a nossa pele é algo que influencia diretamente na autoestima e pode nos proporcionar fracasso ou sucesso.

E é por isso que vamos abordar neste artigo alguns dos maiores problemas relacionados a pele e também algumas das soluções viáveis para estes males que atingem muito mais do que apenas a pele, mas também a nossa autoestima, autoimagem e a imagem que os outros terão ao nosso respeito.

Vamos entender quais são os maiores problemas de pele que assolam os brasileiros?

A temida Acne

Este é de longe um dos problemas mais comuns e que surgem na adolescência. Parece que é algo simples de resolver, mas na verdade para algumas pessoas a Acne é bem mais do que apenas espinhas que brotam na testa, é uma marca de vergonha, de frustração e também de mudanças. Alguns dos fatores que influenciam diretamente para criação de acne na pele são alterações hormonais, produtos que contém um indice de óleo muito elevado, alguns medicamentos e também uma dieta cheia de açucar refinado. Este mal se apresenta na pele de forma a gerar pequenas erupções e se espalham pelo rosto, peito, costas e braços. O tratamento é indicado de acordo com cada caso, podendo variar de pessoa para pessoa. Alguns deles são: comprimidos, cremes e até ácidos para renovação de toda a pele.

A cansativa Psoríase

Por pior que seja a sua aparência, a pisoríase é uma doença de pele muito comum. Ela ocasiona vermelhidão e também uma irritação profunda na pele. A grande maioria das pessoas que tem essa doença apresentam sintomas como: pele vermelha e bem grossa e pele escamosa branco-prateadas que se soltam ao encostar. Este tipo de doença pode afetar pessoas de todas as idades e a saber: não é uma doença contagiosa. Tudo indica que ela possa ser transmitida geneticamente. Muitos médicos acreditam que ela é uma doença autoimune que atacam as células boas da pele acreditando que elas são ruins, gerando a doença como a conhecemos.

A coceira da Eczema

De acordo com os médicos, existem diversas causas que podem gerar a eczema. E a mais comum de todas elas é alérgica. Essa doença também é pode ser conhecida como dermatite. Existem diferentes tipos de Eczema e elas se manifestam através de diferentes tipos de sintomas. Contudo, via de regra,  elas apresentam-se como uma irritação de pele, que a deixa escamosa, com bolhas e causa muita coceira. As causas podem  ser percebidas pelo contato com direto com substâncias ou materiais ao qual o portador seja alérgico e também por estresse. Como ela atua diretamente na pele fazendo algumas rachaduras, é muito comum que receitem além do antihistamínico, um antiinflamatório para evitar que outras doenças apareçam.

A silenciosa Hiperpigmentação

Este tipo de doença aparece na forma de variações na cor da pele, e faz com que ela se mostre mais escura ou mais clara, dependendo da cor original da pele do portador. Não é uma doença mais grave, é apenas uma disfunção da melanina e pode ser causada por alguns tipos de medicações, ou de doenças endócrinas ou ainda histórico de inflamações na pele. O dermatologista poderá recomendar o uso de alguns cremes, pomadas e existe a possibilidade de algumas manchas voltarem ao normal sozinhas.

A inofensiva Rosácea

Essa doença é uma condição crônica, ou seja, que não tem cura ou que não se resolve por pelo menos 6 meses. Essa doença afeta a pele e causa muito inchaço, algumas inflamações de pele, e se parece com a acne. Uma característiaca é o nariz vermelho e a terrível sensação de ardor na pele. Como boa parte das doenças crônicas, suas causas também são desconhecidas, e por mais que as pessoas portadoras destas doenças se sintam constantemente inseguras, a doença é realmente inofensiva. Até o presente momento, não há nenhuma cura conhecida, contudo existe a possibilidade de suavizar o problema, evitando a continua a exposição ao sol, banhos muitos quentes, reduzindo o estresse e diminuindo as comidas que são muito apimentadas.

Veja também: Renova 31

Viu só? Problemas de pele acontecem com todo mundo! Por isso veja esse vídeo e conheça 8 doenças sérias que a nossa pele pode sinalizar.

You cannot copy content of this page