Tag: alimentação

? Alimentos orgânicos e suas vantagens ?

Em um mercado que vem se tornando cada vez mais capitalista, a alimentação já acabou se transformando em uma comodidade: os vegetais e frutas vêm se contaminando não apenas com vários agrotóxicos, mas também cheios de hormônios para que possam se desenvolver com maior rapidez – isso pra não mencionar a procedência da carne bovina ou suína, que algumas vezes chega contaminada por antibióticos e muitas outras substâncias nocivas produzidas pelos animais por receberem maus tratos. Isso faz com que os alimentos que consumimos venham cada vez mais perdendo a sua qualidade e impacta de forma extremamente prejudicial os pequenos produtores; uma vez que esses procedimentos são aplicados quando busca-se uma produção em massa, que é adotada por grandes empresas.

Por isso, para aquelas pessoas que buscam nos próprios pratos uma verdadeira profilaxia para uma série de doenças e uma fonte de nutrição necessária à vida, é super importante dar vez à uma alimentação orgânica.

O que são alimentos orgânicos?

Várias empresas, ao perceber a crescente oportunidade, usaram esse nicho de mercado a seu favor e vendem nos supermercados vários alimentos embalados e enlatados contendo vegetais supostamente orgânicos a preços astronômicos. Para que fique claro: o vegetal orgânico é aquele que é plantado, semeado ou desenvolvido e mantido de forma natural, sem agrotóxicos e hormônios que acelerem seu desenvolvimento ou melhorem sua qualidade. Existe até mesmo leite e ovos orgânicos: são aqueles que são extraídos sem que haja nenhum tipo de mau trato aos animais, e também não é feito no formato de produção em série. As galinhas botam normalmente e as vacas produzem o leite sem que sejam inseminadas especificamente para isso. Dessa forma os animais não sofrem e as pessoas podem consumir esses alimentos de consciência tranquila.

Confira o vídeo a seguir, relacionado a esse tema, para aprender ainda mais:

Quais os benefícios dos alimentos orgânicos?

Os alimentos orgânicos são muito melhores para o corpo, beneficiam o pequeno produtor e ajudam a preservar o meio ambiente. Sem as químicas comuns nos produtos que encontramos em qualquer supermercado, o solo não será infectado durante o cultivo, isso também colabora para que não haja o aparecimento de doenças provenientes da contaminação e os pequenos agricultores continuarão a produzir produtos com qualidade assegurada.

Veja também: Alimentos que ajudam a rejuvenescer a pele.

Quais as alternativas?

Se você possui o espaço e o tempo necessários, você tem a opção de fazer uma pequena horta nos fundos de casa. O contato com a terra traz relaxamento e tira o stress, sem falar no prazer de ter cultivado os próprios alimentos. Quer satisfação maior que essa?! Basta ter espaço suficiente, adquirir sementes das espécies escolhidas e ter o cuidado de regar e manter o solo sempre de acordo com as necessidades de cada planta. Se você não tem um grande jardim nem muito espaço, pode investir em um vaso grande retangular, e plantar temperos, como salsinha, hortelã, pimentas, orégano, manjericão, tomilho, entre muitas outras opções. Essas plantas vão deixar seus alimentos com um sabor incrível, além de possuírem diferentes benefícios pra saúde – a pimenta acelera o metabolismo, a hortelã tonifica e refresca o trato digestivo, etc. Isso sem falar na maravilha que é fazer uma refeição usando temperos fresquinhos da sua horta!

Essa, inclusive, é uma alternativa super viável e indicada para quem não pode gastar muito dinheiro com a alimentação, mas, ao mesmo tempo, não quer abrir mão das vantagens de consumir algo natural. Outra opção também é procurar esses alimentos orgânicos nas feiras de bairro. Quase toda região tem a sua, e os produtores  sempre levam suas hortaliças, frutas, ovos, temperos para vender diretamente ao consumidor. Dessa forma, é possível ter um maior contato com a escolha dos alimentos que irão ser consumidos, trazendo muito mais consciência sobre o que você põe dentro do seu corpo, além de gastar menos, já que o produto é conseguido direto na fonte, comprando diretamente do produtor. Conversando com produtores, talvez você possa até mesmo conhecer as lavouras e as criações, além de aprender de fato onde e como são produzidos aqueles alimentos incríveis que deixam seu prato mais colorido e sua alimentação mais saudável.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

Para outros assuntos relacionados, clique AQUI.

?Dieta Dash: Conheça os benefícios dessa nova dieta americana?

Se você cansou de dietas restritivas e quer perder peso de forma muito saudável e comendo de praticamente tudo? A Dieta Dash está fazendo o maior sucesso no mundo todo, e é neste post que você descobre o porquê!

Com o grande avanço da tecnologia alimentícia, cada vez mais surgem dietas com propósitos realmente diferentes. Levando em conta essa consideração, escolhemos falar sobre a Dieta Dash que vem transformando a forma como as pessoas perdem peso em todo o  mundo todo, e para desvendarmos quaisquer que seja os seus mistérios, vamos explicar aqui tudo o que é possível saber sobre ela. Então, se você já tentou diversas dietas restritivas, e acabou que não conseguiu alcançar nenhum dos seus objetivos, é mais do que hora de conhecer a Dieta Dash!

O que é a Dieta Dash?

Antes de mais nada temos que entender porque ela leva este nome.  A Dieta Dash foi profundamente estudada e desenvolvida por diversos cientistas americanos antes de chegar no seu resultado final que tem feito a cabeça de milhares de pessoas ao redor do mundo. Em inglês, DASH significa Dietery Approaches to Stop Hypertension – que em uma tradução livre, ficaria “Abordagem Dietética para Impedir a Hipertensão” (ADIH).

Esta dieta foi especialmente desenvolvida para ajudar a você as pessoas que sofrem de problemas relacionados a hipertensão. A grande maioria das pessoas que sofrem deste mal também sofrem do que chamamos de obesidade mórbida.  E as duas doenças concomitantemente fazem com que o organismo sofra profundamente. O processo é realmente simples: o obeso tem o costume de comer muito e muitas coisas com sódio e altas calorias e isso faz com que aumente a pressão correndo risco de morte.

Como a Dieta DASH funciona?

Como dito logo acima, ela foi desenvolvida especificamente para controlar problemas relacionados a hipertensão. Portanto, a Dieta Dash é composta por alimentos sem gordura, sem açúcar e principalmente sem sal. E antes que você tenha um treco, a dieta permitida ao mesmo tempo a ingestão de diversos tipos de alimentos variados, sem que você precise lidar com grandes restrições, como geralmente é na maioria das dietas.

A Dieta Dash emagrece mesmo?

Como explicado no post anterior, função principal da Dieta Dash não é emagrecer e mas controlar a hipertensão do paciente, diminuir o colesterol ruim e exercitar o físico, permitindo a manutenção adequada da saúde. É claro que se você diminuir a quantidade de sal, e melhorar a variedade de alimentos, você terá por consequência da Dieta Dash um emagrecendo saudável podendo desfrutar dos benefícios de uma vida saudável.

Ela funciona sim, mas se você não tem problemas de pressão alta e ou ainda colesterol alto, é importante que você procure um nutricionista que poderá te indicar o melhor tratamento para que você possa perder peso com saúde.

O que é permitido comer na Dieta Desh?

Quando você aderir a dieta, você poderá comer legumes, verduras, folhas, frutas, carboidratos em poucas quantidades, doces em poucas quantidades, aves, peixes, carnes com baixo teor de gorduras, castanhas e cereais. E o melhor de tudo é que é uma dieta realmente fácil de ser mantida simplesmente pelo fato de estar relacionado a muitos tipos de alimentos e não ter grandes restrições como as outras. A verdade é que o grande vilão das dietas, é o sódio. Ele é o o principal responsável por impedir as veias e as artérias do corpo que resultam o que promovem o aumento da pressão arterial. Se o sal for praticamente abolido das refeições, a hipertensão será controlada.

A Dieta Dash funciona com pequenas porções de vários alimentos por dia, pouca gordura e muito pouco carboidrato. Por esse motivo, por ser uma dieta bastante saudável a pessoa acaba ingerindo menos calorias, fazendo um tipo de atividade física e acaba perdendo peso consequentemente.

A seguir a lista de alimentos que você pode e deve adicionar na sua dieta diariamente e sem preocupação:

  • Legumes: cenoura, vagem, chuchu, berinjela, abobrinha, beterraba, abóbora, pepino, nabo, tomate;
  • Verduras: couve, alface, rúcula, espinafre, brócolis, couve-flor, taioba, repolho, couve-chinesa, almeirão;
  • Frutas: maçã, banana, manga, melancia, melão, pêssego, ameixa, morango, maracujá, mirtilo, framboesa, acerola, abacate, abacaxi, limão, laranja;
  • Aveia
  • Derivados do leite sem gordura
  • Castanhas
  • Chia

Quais as sugestões de cardápio para seguir a Dieta Dash?

Se você realmente se interessou pela Dieta Dash, temos algumas sugestões de cardápios que podem ser úteis para te ajudar neste novo processo da sua vida de reeducação alimentar.

Sugestão para o Café da manhã

1 xícara (chá) de café com leite desnatado e sem açúcar
1 fatia de pão integral com 1 colher pequena de requeijão light
1 mamão

Sugestão para o Lanche da manhã

1 maçã ou um pêssego

Sugestão para o Almoço

Salada crua de cenoura com beterraba e brócolis e couve-flor cozidos no vapor
4 colheres (sopa) de arroz integral
1/2 concha de feijão preto (de preferência cozido com uma beterraba dentro)
1 filé de frango médio grelhado no azeite
1 fatia de abacaxi (ou outra fruta de sua preferência)

Sugestão para o Lanche da tarde

  • 3 biscoitos integrais com ricota light
  • 1 xícara de chá sem cafeína
  • 1 banana com canela no micro-ondas

Sugestão para o Jantar

Salada de alface, rúcula e tomate e legumes cozidos no vapor (o de sua preferência)
1 prato de macarrão de massa integral com tomate e manjericão
1 fruta de sua preferência como sobremesa.

Sugestão para o lanche da noite

1 pote de iogurte natural light.

Gostou do texto? Veja este vídeo relacionado ao assunto e fique ainda mais por dentro dele!

?Emagrecer depois dos 40: Dicas para alcançar o peso que você deseja!?

Todo mundo sabe que perder peso é difícil. E quando falamos de perder peso após os 40 anos de idade, sendo mulher, falta rirem da nossa cara! Mas a verdade é que com o acompanhamento correto, você não somente irá emagrecer, mas conseguirá obter uma melhora gradativa e considerável na sua saúde. Não é verdade que os 40 são os novos 20?Pois bem, é verdade sim! E é sobre cuidados para você que tem essa idade e que deseja jogar fora uns quilos que vamos falar hoje. Vamos ver como você pode acabar com estes quilinhos e ficar feliz ao subir na balança?

Porque é mais difícil emagrecer depois dos 40?

Emagrecer é uma tarefa especialmente difícil para mulheres, pois apenas pelo fato de sermos mulheres, temos um metabolismo mais lento e mais cheio de espaço cavernoso para gordura do que os homens, que tem mais músculos naturalmente. Contudo você pode ficar tranquila pois estamos aqui para te ajudar e o melhor, dar dicas se você já passou dos 40 anos e deseja enxugar alguns quilos na balança. Vamos responder algumas perguntas que podem te ajudar com isso?

Devo consultar um especialista?

Sempre é bom estar em dia com as nossas obrigações de médico. A verdade é que existem várias disfunções corporais que podem ocasionar com que você aumente o seu peso de forma considerável. A tireoide por exemplo é algo que atinge muitas mulheres depois dos 40 anos e este é um bom motivo pelo qual um acompanhamento correto com um especialista é crucial. É conhecido que problemas com tireoide podem fazer com que algumas pessoas ganhem peso. E nestes casos somente um médico realmente especialista pode pedir exames para identificar possíveis problemas e também orientar qual seja o medicamento adequado.

Suplementos para emagrecer funcionam?

Sim, eles funcionam! A verdade é que eles, combinado com uma dieta simples e também com exercícios físicos fazem real diferença na sua saúde. E esta indústria para emagrecer evoluiu muito durante o os anos e hoje em dia se consegue oferecer uma infinidade de produtos com as matérias primais mais variadas possíveis. E o melhor é que eles não tratam apenas emagrecimento, mas também para ganho de massa muscular, memória, sono, estrias, celulites, problemas de prisão de ventre e também saciedade. A  maior parte dos suplementos para emagrecer são totalmente naturais, e não possuem sequer efeitos colaterais. Eles potencializam o emagrecimento e te ajudam a chegar no seu objetivo muito mais rápido.

Quais atividades físicas eu devo realizar depois dos 40?

Se você tem 40 anos ou mais já deve saber que atividade física constante é o melhor para diversos aspectos da saúde. O que talvez você não saiba é que praticar uma atividade física é de extrema importância para regulagem de diversas frentes da sua saúde, como pressão arterial, circulação sanguínea e claro, emagrecimento. Lembra que depois dos 40 anos o seu corpo passa a ser mais lento do que antes para quebrar os nutrientes que você dá a ele? Então, o que  vai te ajudar a acelerar esse metabolismo e a ter muito mais energia para as atividades do cotidiano são os exercícios, e por isso eles são super importantes.

Se você nunca praticou atividade física na vida, a nossa recomendação é que você comece aos poucos, com atividades leves e principalmente, que seja prazerosa! Outra dica é a aliar a atividade física com outras atividades como ioga, pilates, que não queimam calorias, mas provocam relaxamento.

Dormir bem emagrece?

Sim! Definitvamente sim! Dormir bem é algo realmente bom para quem deseja emagrecer. Talvez este seja o ítem mais negligenciado neste aspecto, mas a verdade é que durante o nosso período de sono é que o corpo traz o equilíbrio dos hormônios que são ligados ao emagrecimento. E se você não tem conseguido ter noites de sono tranquilas e relaxantes isso pode estar atrapalhando o seu processo de emagrecimento.

Gostou do texto? Veja este vídeo que tem um conteúdo exclusivo sobre o tema!

?Dietas de emergência: entenda como funciona e os perigos?

Quando se quer emagrecer para entrar em um vestido, ou então para aquele evento especial, muitas mulheres apelam às dietas de emergência. Vamos combinar que essa não é uma atitude muito saudável, certo? Além disso, pode criar a médio prazo aquele terrível efeito sanfona que ninguém merece, fazendo você ganhar ainda mais peso.

Tendo isso em mente, vamos abordar aqui os riscos, as vantagens e as dietas de emergência mais comuns, sempre apontando os prós e os contras de cada uma delas para que você possa pesar os riscos e as vantagens. Ficou interessada? Leia esse texto até o final e saiba tudo sobre as dietas de emergência.

Quais os prós e contras das dietas de emergência?

Antes de você escolher uma dieta de emergência, procure fazer as seguintes perguntas: O quão rígida esse dieta vai ser? O quanto ela pode prejudicar meu organismo? E, claro: Quanto de peso eu quero perder? Vale lembrar que você não vai perder apenas a gordura – que, certamente, é o principal motivo da dieta e de você estar lendo esse texto – mas, também,  líquidos e massa muscular.

É importante frisar, também, que cada uma das dietas de emergência que abordaremos não pode passar de uma semana de duração, combinado?

Se você está ciente das advertências e realmente precisa de uma dieta de emergência, confira algumas sugestões de dietas de emergência e veja como elas podem afetar o seu corpo:

  • Dieta hiper proteica: Nessa dieta você deve cortar o consumo de carboidratos e proteínas. Para uma perda rápida de peso, essa dieta é bastante indicada, mas ela pode prejudicar rins e fígado, além de aumentar as chances de desenvolver hipertensão e aumentar o nível de colesterol. Você pode perder até 3 kg fazendo a dieta por uma semana.
  • Dieta do leite: essa dieta é bastante complicada e com várias restrições. Na dieta do leite, as refeições são substituídas por copos de leite e, a partir do segundo dia, algumas frutas. Como ela restringe de forma extrema a alimentação, prepare-se para sentir muita fome. É indicada apenas em último caso. Em uma semana, você pode emagrecer até 8 kg.
  • Dieta das frutas: Mais uma dieta radical, pode-se dizer que ela é uma variação das conhecidas dietas Detox. Na dieta das frutas, sua alimentação se resume a comer somente frutas por até 3 dias e é considerada uma das mais agressivas desse tipo. Tonturas e dor de cabeça não são incomuns durante esta dieta. Além disso, você sentirá mais fome durante essa dieta do que durante as outras dietas de emergência. É possível perder até 4 kg em 3 dias, que é a duração máxima desta dieta.

Que tal considerar a reeducação alimentar?

As chamadas dietas de emergência são extremas e indicadas apenas quando você precisa perder peso muito rapidamente, mas, por pior que seja a chance disso tudo gerar o terrível efeito sanfona (e, sejamos sinceros, é uma possibilidade), as dietas de emergência podem deixar suas refeições desreguladas.

Se você está em processo de perda de peso, ter horários certos para se alimentar é tão importante quanto a quantidade e a qualidade do alimento em si.  Se considerássemos o processo de reeducação alimentar como um esforço que se faz para quebrar um hábito, não haveria sentido nem necessidade de fazer uma dieta de emergência.

Se ainda assim você acredita que precisa perder alguns quilos em função de uma situação emergencial, é de suma importância que você mantenha a quantidade de líquidos que ingere ao longo do dia, principalmente se estiver fazendo uma dieta hiper proteica, que pode ser prejudicial aos rins e ao fígado.

Para que você possa perder peso de forma saudável e aderir a uma reeducação alimentar, é importante disciplinar e respeitar o seu ritmo corporal.

Gostou do texto? Confira o vídeo que separamos sobre o assunto:

?Conheça os alimentos que ajudam a rejuvenescer a pele?

Você já ouviu falar que você é o que você come? Então você de ver maravilhosa não é mesmo? Porque chocolate, cachorro quente e pizza são realmente saborosos! Mas brincadeiras a parte, você realmente é o que você come. Isso quer dizer que muitas vezes, a nossa alimentação é a responsável pelos aspectos mais básicos da nossa saúde, como por exemplo, a saúde da nossa pele. Uma das mais difíceis coisas da nossa realidade é o fato de estarmos sempre correndo. Não conseguimos nos alimentar da forma que deveríamos, não conseguimos analisar o que comemos, não conseguimos fazer exercícios. E o que acontece com o nosso corpo então? Ele realmente definha e a gente passa cada vez mais mal com a nossa qualidade de vida!

E se você for mulher, duplique isso! Pois geralmente as mulheres tem jornada dupla, cuidando de filhos, cuidando de casa e fazendo mil coisas ao mesmo tempo. Por isso, neste artigo quero te mostrar alguns alimentos que você pode ingerir que farão a sua pele brilhar cada vez mais. Você está pronta para começar uma nova vida com uma pele realmente exuberante? Então leia este artigo até o final e descubra como isso é possível! Alguns alimentos que ajudam a rejuvenescer e a deixar sua pele mais brilhante e bonita estão aí, na sua fruteira ou geladeira.

Quais são os alimentos que ajudam a rejuvenescer?

Muitos destes alimentos estão na sua alimentação no dia a dia. Eles são:

  • Alho: que atua na proteção das articulações, promove a eliminação das toxinas do corpo, combate todos os radicais livres, é termogênico e elimina gorduras. O ideal é fritá-lo levemente e ainda melhor  se você conseguir comer um dente de alho cru pode dia.
  • Espinafre: lembra daquele desenho infantil? Então, ele estava correto! Mas ao invés de te dar uma super força, o espinafre é capaz de fortalecer os ossos, e acima de tudo de ajudar a combater o efeito do tempo graças grande quantidade de vitaminas presentes nele.
  • Cenoura: quando falamos da cenoura é importante ressaltar que ela atua no sistema imunológico e na visão.
  • Aveia: ela age como um filtro no seu organismo, que absorve e elimina o colesterol que é ruim. Tem um efeito anti-inflamatório, que combate toda sorte de inflamações. Até combate cáries! Além disso tudo, te ajuda a se focar mais no trabalho.
  • Kiwi: esta pequena frutinha tem uma quantidade considerável de vitamina C e promove uma série de vantagens para o seu organismo.
  • Mamão: ele é conhecido pelo seu efeito no sistema digestivo, que ativa o funcionamento do intestino, contudo ele ainda tem um alto índice de Beta caroteno e papaína, que agem como uma esfoliação natural da pele;
  • Maçã: é ótima para a voz e atua na proteção da pele contra os raios UV. Também possui uma grande quantidade de vitamina C e fibras, e muitos outros nutrientes essenciais para o bom funcionamento do corpo. Coma ela com casca!
  • Tomate: Rico em antioxidantes que ajuda a proteger o corpo dos radicais livres e outras toxinas do corpo, além de minerais para os ossos e vitamina E.

Agora que você sabe o que comer, precisa saber como preparar os alimentos!

Que alguns processos de cozimento dos nossos alimentos diários acabam sendo prejudiciais para o nosso corpo, todo mundo sabe! Contudo, no médio e longo prazo e se não tomarmos as medidas necessárias, estes processos errados podem nos causar sérios problemas de saúde. O uso de óleo para fritura por exemplo, pode gerar gastrite profunda, úlcera, problemas de ordem cardíaca e diversas variáveis disso.

Além do mais, aprenda a consumir as cascas! Pois muitas destas cascas que nós deixamos de lado possuem vitaminas e minerais realmente importantes para nós. Esse é o principal diferencial que torna os alimentos saudáveis ainda mais completos!  Outro conselho que podemos te dar é que você deve realmente diminuir a quantidade de carne. E não, não estamos te pedindo para que você se torne um adepto do vegetarianismo, mas é que você precisa oferecer outras formas de proteínas para seu corpo, além da proteína animal. E sempre que for possível, consuma produtos orgânicos, que não tem agrotóxicos, pois eles são muito melhores digeridos pelo nosso corpo.

Desta forma você não somente terá uma pele jovem, mas todo o seu corpo irá agradecer e sorrir! Ficou interessada em saber mais? Veja este vídeo exclusivo sobre o assunto!

You cannot copy content of this page