?Baixa imunidade?

Talvez você sofra de infecções com muita frequência, e sempre está gripado, com o nariz escorrendo, com dores no corpo e bate ponto no médico quase toda semana. Se você está lidando com isso, pode realmente ser que sua imunidade esteja muito baixa e que você não está se protegendo tão bem quanto poderia.

Geralmente as causas para um sistema de imunidade estar comprometido são incontáveis e a baixa imunidade pode trazer sérias complicações para a sua saúde como um todo. Hoje nós falaremos sobre os sintomas de baixa imunidade e como podemos resolver este problema!

Quais são os Sintomas de baixa imunidade?

Existem diversos sintomas que alertam nosso organismo que precisamos de ajuda. Alguns deles podem incluir:

  • Complicações  de ordem respiratória – gripes e resfriados  podem ser muito frequentes e também demorar a passar, ou evoluírem para algo mais sério como pneumonia.
  • Infecções de origem crônica – entre elas: amigdalite, estomatite, herpes e infecções intestinais.  A grande maioria dessas doenças geralmente são impedidas pelo sistema de imunidade saudável. Contudo, se você lida com isso com frequência pode significar que você está lidando com imunodeficiência.
  • Monilíase (sapinho) por mais de dois meses – aquelas pequenas lesões brancas na língua, gengivas e boca. São bem comuns em bebês por conta de o sistema imune ainda não estarem completamente desenvolvidos, contudo, o surgimento em adultos pode significar um sintoma de baixa imunidade.
  • Cansaço excessivo – Seu corpo gasta bastante energia com a produção dos anticorpos e reparação dos tecidos danificados por agentes externos, gerando muito cansaço.
  • Febre frequente – A febre nada mais é de que seu corpo está enfrentando uma infecção. Se ela acontece com bastante frequência, as defesas de seu corpo podem estar comprometidas.

Quais são as principais causas de baixa imunidade?

As causas são as mais variáveis possíveis. Vão desde coisas simples até coisas mais sérias como a quimioterapia. A verdade é que apresentando estes sintomas você deverá procurar um médico. Veja a seguir:

  • Problemas genéticos – este fator indicativo tem que ser considerado por aqueles que possuem casos na família de pessoas que vivem com baixa imunidade. Fique sempre atento ao próprio organismo!
  • TPM – como desequilíbrio dos hormônios que antecede a menstruação, é normal que haja uma queda no funcionamento do mecanismo de defesa do organismo.
  • Uso de medicamentos – algumas pessoas que são portadoras de doenças autoimunes, têm de tomar os alguns imunossupressores que atuam exatamente suprimindo a ação do sistema imune.
  • Má alimentação – se faltar nutrientes específicos o nosso corpo não consegue produz nada dos nutrientes realmente importantes. Então: vitaminas, gorduras, proteínas e carboidratos tem de ser constantemente inseridas.
  • Quimioterapia – infelizmente para quem está nessa situação, este também é um efeito colateral evidente da quimioterapia. Ela mata as células saudáveis da mesma forma que mata às células doentes. Isso inclui, por suposto, as células que defendem o nosso corpo.
  • Falta de repouso adequado – é no sono que produzimos as substâncias relevantes para o corpo e reparamos tecidos que precisam de reparos. Se você dorme mal por muito tempo, isso pode acabar com a sua imunidade.

Como aumentar a imunidade?

Algumas dicas de como você pode aumentar a sua imunidade

  • Consuma alimentos como: alho, cebola, lichia, gengibre, cogumelo shitake, castanha-do-Pará, batata yacon e iogurte natural;
  • Tenha mais cuidado com a automedicação – pois ela pode disfarçar os sintomas, atrasar o tratamento adequado para cura e ainda por cima aumentar a resistência de bactérias.
  • Cuide da sua higiene pessoal – pois várias doenças podem ser evitadas se você apenas fizer a higiene das mãos antes de se alimentar e após o uso do banheiro, e também lavar bem os alimentos.
  • Analise seu estilo de vida – pense sobre a sua alimentação, se você enfrenta níveis suportáveis de estresse, se você tem vícios nocivos à saúde.

Lembre-se que se você é saudável na grande maioria do tempo e enfrenta uma ou outra queda na imunidade, a solução pode ser apenas uma mudança de hábitos. Contudo, se o seu problema é, como dito acima, recorrente, é necessário consultar um especialista.

Gostou do texto? Veja este vídeo sobre o assunto e fique ainda mais por dentro dele!

Leave a Reply