Autor: Rafael

🥇Maquiagem de carnaval: Sereia, unicónio, com glitter, com strass e outras inspirações🤔

Já pensou na fantasia para o carnaval? Ainda não?! Pelo menos pensou na make, certo? Se ao menos uma resposta for negativa, fique tranquila! Separamos algumas dicas incríveis para você se inspirar e arrasar nesse carnaval, além de dicas para fazer com que a sua make dure por muito mais tempo. Leia esse post até o final e arrase na fantasia de carnaval!

Dicas para fazer aquela make incrível
A coisa mais importante a se ter em mente é que a maquiagem de carnaval é bem diferente dos outros tipos de maquiagem. Você tem uma liberdade muito maior para fazer combinações de cores e padrões, além de poder exagerar sem medo. A maquiagem pose ser a parte principal da sua fantasia, ou então pode servir como complemento, é você quem decide.

Outro detalhe importante é que essa maquiagem precisa ser bem duradoura e resistente, devido ao suor, afinal, no carnaval ninguém fica parado, não é? Uma dica é procurar produtos à prova d’água, que resistem ao suor e fazem com que a make continue incrível mesmo depois de horas.

Confira algumas dicas para sua make durar muito mais tempo:

  • É fundamental usar um primer de qualidade no rosto e nas pálpebras.
  • Feche bem os poros lavando o rosto com água fria ou gelada antes de começar a sua maquiagem
  • Você pode usar a técnica chamada baking, que é quando se usa pó mineral (solto) em cima de produtos cremosos, deixando a região descansar por alguns minutinhos – daí o nome baking (cozinhando) -.
  • Utilize um bom spray fixador para a sua maquiagem
  • Procure escolher produtos de qualidade, dando uma atenção bem grande ao pó (preferencialmente o pó soltinho ao invés do pó compacto).
  • Se você tem pele oleosa, um ótimo truque que funciona super é passar leite de magnésia logo depois do primer e deixar secar no rosto. Seu rosti vai ficar esbranquiçado, mas fique tranquila, quando for aplicar a base, não vai sobrar nenhum resquício dele no seu rosto. O leite de magnésia segura super bem a oleosidade e mantém a pele sequinha por muito mais tempo.

Que maquiagem escolher?

Confira algumas inspirações de maquiagem super divertidas e criativas para o carnaval:

Maquiagem de sereia

Com certeza você já viu por aí muitas coisas com esse tema. Recentemente podemos encontrar até pincéis de maquiagem inspirados nas sereias. O tema está super em alta e, com sua popularização, ficou super fácil encontrar uma diversidade de produtos inspirados nesse tema. Além da maquiagem, para usar como complemento, vale apostar em colares, tiaras e brincos de conchas.

Provavelmente você já viu aquela maquiagem maravilhosa com efeito de escamas no rosto, certo? Sabia que a forma de fazer é super simples? Tudo o que você precisa é usar uma meia arrastão no rosto e passar a maquiagem nas maçãs do rosto para dar o efeito tão desejado. Não disse que era super simples?

Para completar o look, uma saia longa com top ficam incríveis e super dentro da proposta.

Maquiagem de unicórnio

Outra tendência mundial é o unicórnio. Provavelmente você mesma tem um ou dois acessórios com esse tema. Há uma infinidade de coisas inspiradas: roupas, acessórios, canecas, garrafinhas d’água, maquiagem, chaveiro, enfim! Não pense que é algo infantil. O unicórnio está super em alta e as makes ficam incríveis.

Se você gosta de uma pegada mística, tenho certeza que vai amar as makes inspiradas no lendário unicórnio.

Uma peça fundamental nesse look é a tiara com o chifre de unicórnio, o que você com certeza pode achar em uma variedade enorme de loja de acessórios e até mesmo em casas de festa.

Maquiagem com glitter

Carnaval é a época de se jogar no glitter sem medo, afinal, é a época mais colorida do ano todo! E quando falamos de glitter, não é apenas nos olhos, mas nos batons, muito iluminador, glitter no rosto e no corpo, enfim, onde você quiser. Esse momento é seu, se joga!

O segredo é não ter medo de usar o glitter. Combine cores e faça a festa, afinal, essa é a única época do ano que você pode usar e abusar.

Precisa de mais inspirações?

Pode ser que você não tenha pensado em uma fantasia específica e queira apenas muuuita cor e brilho na sua maquiagem de carnaval, e tudo bem também! As dicas são bastante semelhantes às anteriores, mas tem algumas dicas que vão fazer você arrasar na maquiagem:

Sombras coloridas: Você pode combinar as sombras formando um padrão gradiente de cores ou de forma mais aleatória, como em uma aurora boreal. É uma tendência muito legal que vai completar seu visual sem deixar aquele ar básico que ninguém quer, não é? Você também pode combinar as cores da sua roupa com a sua maquiagem, desde que seja bem colorida!
Cílios postiços enooormes: Pode ser para complementar uma fantasia, para dar um ar mais cômico ou até mesmo para deixar seu olhar super em evidência, os cílios postiços são uma tendência e dão aquele destaque que pode ser carregado de sensualidade ou diversão, dependendo da sua fantasia e da sua intenção.
Alguns outros adereços: Você pode usar a cola de cílios para colar adereços no seu rosto, como strass, pérolas achatadas, lantejoulas. As opções são muitas!
Moldes para fazer aplicações: Tente não fazer aplicações de padrões sem usar molde, para evitar que fiquem tortas. Você pode usar stencils ou uma meia arrastão para criar aquele padrão lindo. Lembre-se sempre de hidratar bem a pele antes de aplicar alguma tinta ou a cola de cílios.

Aposto que depois dessas dicas você já tem algo em mente, não é? Se joga no brilho e nas cores que vai ser só sucesso!

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Maquiagem Mac: produtos e dicas para a make perfeita!🤔

Quando a gente fala de maquiagem, sempre tem aquelas marcas que são nosso xodó, não é? a MAC é uma das marcas gringas que demorou para chegar ao Brasil, mas agora já é, sem dúvida, uma das mais queridinhas. É uma referência de maquiagem de altíssima qualidade, além de sempre buscar inovar nas cores, cobertura, pigmentação e outros indicativos de qualidade que constroem a reputação inigualável dessa marca.

Nesse post vamos falar um pouquinho de alguns produtos da MAC que fazem com que essa marca seja a melhor opção para ficar sempre moderna com estilo.

Qual o diferencial dos produtos MAC?

Toda a linha de maquiagem MAC é bastante diversificada e cheia de estilo. O diferencial da marca está na qualidade, nas cores exclusivas e também na fixação, que é muito maior do que a das outras marcas disponíveis no mercado, o que exige menos retoques ao longo da noite, conferindo à marca o título de uma das mais duradouras no mercado nacional.

Confira alguns produtos maravilhosos da marca:

Mac Pro longwear: Esse é um corretivo ótimo para corrigir aquelas manchinhas e diferenças na coloração da pele do seu rosto. Também é incrível para disfarçar aquelas olheiras depois de trabalhar ou curtir até tarde, além de uma boa opção para cobrir pequenas imperfeições na pele. Tem cores para vários tons de pele, o que é imprescindível para um país miscigenado como o Brasil, no qual existe uma gama de tons de pele.

Mineralize Blush Dainty: Essa é uma ótima pedida de blush, pois tem a coloração mais moderada, o que traz naturalidade à coloração das maçãs do rosto. Afinal, é melhor deixar aquele rosa escandaloso para a festa junina né?Além da cor natural, esse blush confere ao rosto uma iluminação perolizada bem suave, ficando excelente para qualquer tipo de pele.

Paint pot: Esse é um dos produtos mais versáteis de toda a linha da MAC. Pode ser usado como sombra, base para aplicar sombra, e até mesmo como corretivo, dependendo do tom de pele. Além de todas essas opções de uso, os paint pots  tem uma duração absurda na pele e resistem a tudo o que geralmente desmancha as maquiagens.

Qual a importância de usar as técnicas corretas?

Sempre que vemos aquele tutorial de maquiagem bafo na internet, tentamos logo fazer em casa, né? Mas nem sempre sai do jeito que a gente queria, afinal, existem muitas variações, seja no tipo de pele, nos produtos usados. Isso é super normal.

Os produtos da MAC com certeza ajudam a melhorar sua aparência, mas você pode se beneficiar ainda mais tomando alguns cuidados e evitando certos problemas de quem usa maquiagem com frequência.

Use um demaquilante de qualidade: A hora de remover a maquiagem depois da festa, da balada, ou de um dia de trabalho é tão importante quando o momento de aplicar! Sua pele é uma tela que precisa ser limpa com dedicação, para que possa ser usada novamente. Se você deixar qualquer resquício da maquiagem anterior, nem mesmo a maquiagem da MAC vai surtir o efeito que você espera. É preciso cuidar da sua pele com carinho.

Mantenha sua pele sempre respirando: Mesmo que pareça uma estrutura sólida, a nossa pele é cheia de poros que ligam as partes mais profundas da pele à sua parte mais externa. É pelos poros que os pelos e a oleosidade natural da pele saem. É extremamente importante manter esses poros sempre limpos e desobstruídos utilizando produtos de qualidade, assim você terá sempre um resultado incrível quando for se maquiar.

Depois dessas dicas de maquiagem MAC você está pronta para arrasar ainda mais em qualquer ocasião!

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Máscara de pepino: faça em casa e fique ainda mais bonita!🤔

Você provavelmente está acostumada a consumir pepino no seu dia-a-dia, em uma saladinha, certo? Mas e se eu te falasse que o pepino também pode ser usado para melhorar a sua pele, em forma de máscara? Isso mesmo. A máscara de pepino traz muitos benefícios à sua pele, além de trazer frescor à pele, o que é uma ajuda e tanto nesse verão que chegou com tudo, né?

Leia esse artigo até o final e descubra todos os benefícios da máscara de pepino para a sua pele e também dicas para fazer a máscara de pepino em casa, sem precisar apelar para cosméticos que, além de serem caros, geralmente têm muitos compostos químicos em sua composição.

A máscara de pepino funciona mesmo?

Definitivamente! O pepino traz uma série de benefícios para a sua pele, tornando-a mais bonita e também muito mais hidratada. Além disso, ao aplicar a máscara, uma dica é separar duas rodelas para a região dos olhos. A refrescância será imediata e duradoura. Veja outros benefícios da máscara de pepino:

Firmador: Um diferencial da máscara de pepino é sua ação firmadora. Isso acontece devido à quantidade de ácidos contidos no pepino que fazem com que sua pele se renove como se fosse um processo de esfoliação, além de auxiliar na retenção de líquidos.

Controle de oleosidade: O pepino também auxilia no controle de oleosidade da pele, o que, por sua vez, combate os cravos e espinhas, decorrentes do excesso de gordura.

Limpeza: Devido à grande quantidade de vitamina C presente em sua composição, a máscara de pepino é um ótimo antioxidante, além de provocar a limpeza da sujeira causada por agentes externos, como a poluição, fumaça, tabaco, etc.

Ação antirrugas: Devido à grande quantidade de silício contida no pepino, a máscara de pepino tem uma ação antirrugas muito eficiente e pode até mesmo, se usada com frequência, substituir cremes faciais anti-idade.

Efeito relaxante: O relaxamento e frescor proporcionados pela máscara de pepino fará maravilhas à sua pele. Nada melhor para terminar ou começar o dia, não é mesmo? Reserve um momento para você, relaxe e curta o seu momento de beleza.

Como fazer a máscara de pepino em casa?

A máscara de pepino cosmética, que pode ser comprada em uma loja de produtos de beleza pode até oferecer alguns benefícios extra, como outros aditivos que beneficiam a sua pele, mas o lado negativo é que também apresentam aditivos químicos que nem sempre fazem muito bem para a pele.

A máscara de pepino caseira tem a vantagem de ser completamente natural e a chance de causar algum problema de pele ou reação alérgica é praticamente zero. O único ponto negativo é que sua duração não é muito grande, visto que tem como base o iogurte natural.

Confira a receita:

  • 2 colheres de sopa de iogurte natural e açúcar.
  • 2 colheres de sopa de mel.
  • ½ pepino.
  • Salsa fresca.

É só bater todos os ingredientes no liquidificador até virar uma pasta com textura lisa. Aplique-a por todo o rosto, deixando espaço ao redor dos olhos para as duas fatias de pepino, o que é ótimo para diminuir as olheiras! O recomendado é deixar agir por 20 minutos a meia hora e então lavar com água fria, para fechar bem os poros.

Agora que você já sabe as vantagens de usar a máscara de pepino, experimente fazer em casa! Certamente vai ser um sucesso e trará ótimos benefícios para a sua pele.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Frases para tatuagem: vá além dos clichês e arrase!🤔

Se você busca fugir do clichê e inovar com frases para tatuagem, você precisa pensar fora da caixinha. Não que as tatuagens mais clássicas com frases marcantes sejam uma péssima ideia, mas é importante que a sua tatuagem signifique mais algo importante para você do que para as outras pessoas. Desde versículos bíblicos, referências cinematográficas, frases de livros  e até mesmo referências de séries de TV, as tatuagens com frases são um sucesso absoluto e falam muito sobre a pessoa.

Falaremos agora sobre onde buscar inspiração para escolher aquela frase perfeita e também dicas importantes sobre como escolher um bom tatuador e também que fonte é mais adequada para a tatuagem.

Qual é o ponto principal?

O ponto crucial da sua tatuagem é saber onde buscar as ideias e também compreender de fato o que aquela determinada frase tem de importante para você. O que a frase significa na sua vida, como ela te marcou. Como a tatuagem é algo permanente, letras de música podem ser algo arriscado, pois pode ser algo apenas passageiro na sua vida, e tornar determinada frase ou verso uma tatuagem é algo bastante sério e que pode gerar futuros arrependimentos.

Procure se inspirar em alguma coisa que tenha uma relação íntima com o seu jeito de ser, uma característica que geralmente as pessoas elogiam em você ou até mesmo uma forma de expressar um tipo de resposta para as cobranças que o mundo te impõe. Talvez um trecho de uma música que te lembra de uma pessoa querida, uma homenagem a alguém que já partiu ou que mudou a sua vida de forma singular. A ideia de frase pode vir de qualquer uma dessas sugestões e de muitas outras fontes.

Você pode escolher um trecho daquele livro que mudou sua vida, ou que te fez ter um estalo e finalmente compreender algo profundo. Vale praticamente tudo na hora de fazer a escolha da frase, desde que não cause arrependimento ou sentimentos de tristeza posteriormente.

Quais os riscos desse tipo de tatuagem?

A verdade é que nem todas as pessoas se identificam profundamente com frases para tatuagem, ou então algumas pessoas não encontram frases ou trechos de músicas que a definam, mas sim a um relacionamento. No primeiro momento pode soar como algo bonito, uma declaração, mas acaba tendo quase o mesmo resultado de tatuar o nome de um namorado: aquela frase sempre vai lembrar determinada pessoa, e, caso ela saia da sua vida, algo que era para ser bonito pode se tornar bastante doloroso.

Para não errar, o ideal é que você pense muito sobre a frase que deseja tatuar, sobre o quanto ela representa e define você. Outra questão é escolher um tatuador o qual você já acompanha e confia no trabalho, pois caso algum traço saia errado, ficará gravado para sempre em você. Caso tatue uma frase pequena, procure usar letras de forma ou manuscritas, se forem bem definidas, para que não acabem se sobrepondo e se tornem ilegíveis. Muito cuidado com tatuagens baratas demais, geralmente não são um bom indicativo. Um bom trabalho, muitas vezes, exige um valor que está à altura do profissionalismo.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Lipocavitação: o ultrassom em prol da beleza🤔

A gente sabe que mesmo fazendo dietas e exercícios físicos regularmente, algumas vezes o corpo simplesmente continua acumulando gordura, não é mesmo? Quando esse tipo de situação acontece, não há motivo para se desanimar, pois existe hoje o processo de lipocavitação. Não sabe o que é? Vem com a gente que explicaremos o que é, como funciona, os prós e os contras da lipocavitação.

Como funciona o processo de lipocavitação?

Nesse procedimento é um emissor de ultrassom é utilizado para ajudar a combater as gordurinhas localizadas. A lipocavitação dissolve a gordura e faz com que ela possa ser expelida de forma natural pelo corpo. Enquanto é feita a aplicação, a gordura se agita e acaba por dissolver-se. Isso faz com que parte dela seja eliminada de forma natural pelo fígado e a parte que sobrar, é eliminada pelos rins, junto com a urina.

Ainda que seja uma liberação de gordura natural e não ofereça sérias consequências para o corpo, há momentos em que a lipocavitação não é recomendada, podendo ser até mesmo perigosa, pois pode acumular uma quantidade de gordura no sistema linfático, o que acarreta é prejudicial para os rins. É sempre recomendável realizar um check up antes de se submeter ao tratamento.

Quando a lipocavitação é feita por um profissional sério e competente, pode até mesmo auxiliar no combate à celulite, uma vez que elimina as células de gorduras que estão originando as micro inflamações, que são chamadas de celulite.

Quais os cuidados precisam ser tomados com a lipocavitação?

O mais importante é tomar muito cuidado com a clínica onde será feita a lipocavitação. Procure clínicas com renome ou que alguma conhecida já tenha feito o procedimento, afinal, o equipamento e a forma de aplicação garantem o bom resultado. Há casos em que aparentemente fazem efeito, porém, as moléculas de gordura simplesmente perdem água, não sendo dissolvidas por completo. Outro risco que se corre, caso o equipamento não seja manuseado de forma correta é o de gerar queimaduras externas e internas, visto que o ultrassom usado na lipocavitação cria uma reação parecida com a de um microondas. Vale ressaltar que se for bem aplicada, a lipocavitação é praticamente indolor.

Nesse processo, são liberados os ácidos graxos diretamente no sistema linfático, que então são levados diretamente ao fígado. O fato de não passarem pela corrente sanguíneo e não afetarem o colesterol é muito bom, porém, se a pessoa tiver um problema de gordura no fígado, chamado de esteatose hepática, o processo de lipocavitação não é indicado como boa opção. Se já possuir algum histórico de taxa de colesterol alta, o recomendado é verificar os detalhes com um médico antes de se submeter a este procedimento.

Essas questões relacionadas aos rins podem ser corrigidas se você consumir a quantia diária de água adequada e também mantiver uma dieta balanceada e rica em fibras, o que ajudará o seu corpo a eliminar impurezas e excessos.

O recomendado é que em casa sessão sejam tratadas duas áreas do corpo. Você pode conseguir um resultado mais completo depois de 4 a 8 sessões, dependendo das áreas a ser tratadas.

Lipocavitação e drenagem linfática

Como falamos anteriormente, acaba sendo exigido bastante do sistema linfático durante a lipocavitação. Uma drenagem linfática pode ser uma ótima saída, pois, dessa forma, você estará auxiliando seu corpo na eliminação de ácidos graxos de forma mais apropriada.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Saídas de praia: você esta pronta para o verão?🤔

Com esse calor cada vez mais forte dá até para enxergar os feriados logo ali, não é? Com isso a moda praia se torna novamente a preocupação das mulheres. Vamos falar sobre as saídas de praia, quais as melhores combinações para formar um look leve e descontraído, perfeito para esse clima que alguns não gostam, mas que muita gente acha uma delícia! A melhor parte? Daremos dicas de como combinar a saída de praia para poder dar uma esticada em um barzinho depois do banho de praia ou de piscina. Vem com a gente!

 

Saída de praia? O que é?

A saída de praia nada mais é do que uma roupa que se usa depois do banho e mar ou piscina, e tem como objetivo dar a liberdade de circular sem ser usando apenas maiô ou biquíni, já que nem sempre é conveniente.

O tecido das saídas de praia geralmente é bem leve e mais fácil de vestir do que as roupas do cotidiano. Além da leveza, geralmente as saídas de praia são bastante estampadas, o que é perfeito para o clima do verão e momentos de lazer e diversão. O ponto é que elas são bastante confortáveis sem serem reveladoras demais.

Quais são as saídas de praia mais usadas?

 

Vestidos

Eles são leves e podem ser ótimas saídas de praia, pois são muito fáceis de usar e geralmente tem estampas cheias de cores. Procure optar por tecidos bem leves e tente evitar cores conflitantes entre o vestido e seu biquíni ou maiô, especialmente se a saída de praia escolhida tiver alguma transparência. A principal vantagem de usar um vestido como saída de praia é que confere um ar de elegância, diferente do usual coloquei qualquer coisa por cima da roupa de banho. Fica ótimo com uma sandália baixa ou até mesmo chinelo.

Túnicas

As túnicas conferem um ar mais exótico e despojado ao seu look. Geralmente as túnicas são recomendadas apenas para uso na beira-mar, visto que são bem mais curtas que as outras opções de saída de praia, o que pode gerar algum desconforto se você não estiver disposta a mostrar o bumbum. Evite usar túnicas com cintos ou cordões e deixe-a soltinha para dar mais naturalidade e leveza ao seu look.

Camisas ou batas

Assim como as túnicas, camisas e batas são perfeitas para usar na beira-mar ou em volta da piscina, mas não é recomendado usá-las para sair do ambiente. Ficam ótimas no corpo e tem a vantagem de poderem ser usadas mais decotadas, conferindo mais sensualidade ao look. É uma forma divertida de mostrar ao mesmo tempo em que esconde. Se for utilizar camisas ou batas para ir para outros ambientes, um short ou saia ficam ótimos e permitem uma infinidade de opções lindas de composição.

Shorts e camisetas ou blusas

Essa opção você pode usar com as roupas do seu próprio armário. Uma combinação simples de short com camisa ou blusinha fazem uma saída de banho incrível, tomando sempre o cuidado para não destoar da cor do biquíni ou maiô. Você também pode usar uma cropped se o short tiver cintura média ou alta. Um look mais soltinho ajuda a no frescor e também ajuda a esconder algum detalhe indesejado.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Maquiagem para a noite: dicas e conselhos🤔

Seja uma comemoração, um jantar especial ou uma festa, a maquiagem é sempre crucial, mas é preciso ter cuidado. A maquiagem para a noite geralmente é mais forte e pesada do que a maquiagem usada para o dia, por isso mesmo é preciso uma atenção especial na aplicação e nas escolhas de tonalidade e intensidade.

Daremos várias dicas interessantes para você arrasar na maquiagem para a noite sem parecer algo pesado ou forçado demais.

O que difere a maquiagem para a noite?

A maquiagem indicada para se usar à noite requer cuidado e eficiência, deve ser marcante, mas não marcada e também não pode desmoronar no meio do evento. Além disso, são considerados os melhores looks, aqueles que aparentam terem sido pensados de forma harmoniosa e completa, no qual as partes conversem entre si.

Uma dica é combinar o vestido com um olhão bem destacado. Se surgir aquela dúvida cruel sobre que roupa usar, você pode pensar no restante do look a partir do sapato ou de um acessório escolhido, acompanhando aquela determinada tonalidade. Uma outra dica importantíssima é tomar cuidado na combinação entre delineador e sombra, para que não gere conflito nem excesso de informação no mesmo lugar, afinal, você não quer ficar parecendo alguém que só está no evento para chamar atenção, certo?

Quanto ao batom, a liberdade é bem maior, mas, ainda assim, é importante criar um tipo de relação com todo o conjunto da obra. Se você está usando um look romântico e que passa delicadeza, provavelmente um batom escuro vai criar uma confusão de informações contraditórias, o que fará com que toda a elegância vá por água abaixo.

Se você gosta daquele vermelho de arrasar quarteirão, procure compor seu look pensando nessa pegada mais ousada e sensual. A maquiagem para a noite deve sempre se relacionar com o seu look e com a ideia que você quer passar. Outro ponto bem importante é não pesar nos lábios e nos olhos ao mesmo tempo. Se quer um olho marcado e escuro, procure não fazer o mesmo com os lábios, caso contrário, a maquiagem vai trabalhar contra você.

Como escolher o tipo certo de maquiagem para cada evento?

Ainda que muitos eventos que acontecem à noite tenham suas semelhanças, uma maquiagem para um baile de gala certamente terá de ser diferente do tipo de maquiagem usada para uma balada, por exemplo. Seja nos produtos usados ou mesmo nas cores.

No caso do baile de gala, no qual geralmente há muito julgamento por todos os lados, não é desejável carregar na maquiagem ou torná-la chamativa, em contrapartida, não combina em nada sair para a balada com uma maquiagem suave e sensível, senão vai acabar desmoronando no meio da noite.

O indicado para usar nessas ocasiões é algo que tenha um efeito mais duradouro, que aguente o suor e que não te obrigue a ficar toda hora indo ao banheiro para retocar.

É possível ter liberdade ao se maquiar?

Com toda a certeza. Nenhum tipo de maquiagem, seja ela leve, pesada, co cores vibrantes ou tons delicados, dá o direito a quem quer que seja de te desrespeitar, nem fazer qualquer tipo de pressuposição a seu respeito. Não se deixe levar por comportamentos machistas e se permita! Seja você em toda e qualquer ocasião. Use roupas que te fazem sentir bem, maquiagens que te façam despertar ainda mais o amor próprio e, acima de tudo, se ame!

 

🥇Os cuidados com o cabelo tingido que nem todo mundo conhece🤔

Provavelmente você já  se deparou com dúvidas como “será que a forma como eu cuido dos meus cabelos tingidos é a correta?”, você acredita no que dizem sobre o cabelo tingido ficar ainda mais danificado, mas não faz nada para ajudar? Ou, pior ainda, deixa de aplicar aquela cor incrível porque seu cabelo está danificado?

Daremos algora várias dicas, algumas bem famosas, outra menos conhecidas, que vão te ajudar, e muito, a cuidar dos cabelos tingidos.

Quais os cuidados devo ter com cabelos tingidos?

Se você está tingindo seus cabelos pela primeira vez, procure usar uma cor parecida com a cor original dos fios. Isso vai ajudar o cabelo a se acostumar com todo esse processo de tintura, além de não gerar aquele desconforto que sentimos diante de uma mudança brusca. Caso você deseje realmente fazer uma mudança radical, o melhor é começar fazendo mechas ao invés do cabelo todo.

Tome muito cuidado com sol, mar e piscina. Esse trio já é adversário do cabelo naturalmente, e tingidos fica ainda mais complicado. Assim que sair do banho de mar ou de piscina, procure lavar os cabelos com um produto que seja anti-resíduos, ou então use uma máscara de silicone sem enxágue, para que possa criar uma película protetora nos seus cabelos. Em relação ao sol, é aconselhável que você sempre tenha um chapéu ou lenço consigo, para evitar que os cabelos tingidos recebam raios diretos do sol por muito tempo.

Procure não trocar a marca da tintura com frequência, pois isso pode acarretar numa reação desagradável no seu cabelo, principalmente se você trocar muitas vezes de marca em um curto período de tempo. Analise a marca de tinturas que se adapte melhor aos seus cabelos e procure ser fiel a ela. Caso resolva tingir os cabelos em casa, não pule nenhuma etapa nem as inverta. O processo deve ser igual ao recomendado pelo fabricante.

O que devo utilizar para cuidar dos cabelos tingidos?

Água fria e óleo quente: Lave seus cabelos preferencialmente com água de morna para fria, isso faz com que os fios percam menos umidade e também desbotem menos, pois a água fria selará as cutículas dos cabelos. Acrescente a isso tratamentos com óleos específicos aquecidos. Eles ajudarão seu cabelo a manter a hidratação e a fortalecer os fios mais fracos.

Hidratação, shampoos específicos e máscaras de queratina: Você pode achar que é uma quantidade absurda de produtos para cuidar dos cabelos tingidos, mas a longo prazo você economizará, mantendo o tom de seus cabelos lindo por muito mais tempo. Se você hidratar seus cabelos ao menos a cada 15 dias, usar shampoos específicos para cabelos tingidos, você certamente terá os mais bonitos cabelos tingidos!

Procure reduzir a utilização da chapinha e de escovas: esses dois são inimigos dos cabelos tingidos. Tratamentos que usam altas temperaturas combinados à tintura deixam os cabelos extremamente frágeis. Tomando esses cuidados, seus cabelos se manterão mais tempo com a coloração, ficarão sempre brilhantes e isso fará com que você tenha muito menos problemas ou necessidade de retocá-los.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Depilação: quais os tipos existentes?🤔

Uma das grandes preocupações da mulher moderna é a depilação. Seja pensando sobre os métodos, os resultados e até mesmo sobre o quão socialmente impositiva ela pode ser. De um jeito ou de outro, cedo ou tarde, toda mulher acaba tocando no assunto.

Mostraremos a seguir os métodos mais utilizados para se livrar dos pelos corporais e também a razão de algumas mulheres simplesmente optarem por não fazê-lo.  Além disso, abordaremos as consequências que esses debates causam na vida cotidiana.

Quais são os principais tipos de depilação?

Como você provavelmente sabe, a depilação consiste no processo de remoção de pelos corporais, seja pensando na higiene quanto na questão estética. O processo de depilação, assim como diversos rituais de beleza cotidianos, passou por diversas mudanças, porém, ainda nos dias de hoje, espera-se que as mulheres sempre depilem as pernas e a região íntima.

Dentre as diversas formas de depilação, as mais comuns e utilizadas são as seguintes:

Depilação utilizando uma lâmina: geralmente feito durante o banho, esse tipo de depilação está entre os mais comuns e consiste em utilizar lâminas específicas para depilação, similares às lâminas de barbear utilizadas pelos homens, para a remoção dos pelos. A principal vantagem desse processo é a facilidade, além de não ser necessária a ajuda de nenhum profissional, o que, por sua vez, faz com que seja um dos métodos mais baratos. A principal desvantagem é que tem de ser feita continuamente, além de ter grandes chances causar irritações na pele. Também há a possibilidade de causar cortes e o surgimento de pelos encravados.

Depilação utilizando um aparelho elétrico: esse método é indicado para mulheres que tem o dia muito corrido e que não tem tempo para demorar no banho com a depilação com lâminas. A duração é menor, mas é bem mais prático, principalmente para a região das pernas, que precisam estar lisas quando se usa saia. As desvantagens consistem no preço, que geralmente é elevado, e também a chance de provocar pelos encravados.

Depilação usando cremes depilatórios: Os cremes depilatórios utilizam um processo químico para a remoção dos pelos, afinando-os já no próximo crescimento, diferente dos métodos anteriores que são mecânicos. A maior vantagem dos cremes depilatórios é que não existe a possibilidade de cortes nem dor, mas em contrapartida podem causar irritações e alergias na pele, além de ter um tempo específico de aplicação e também o cheiro, o que torna esse método indicado apenas para situações que não sejam urgentes.

Depilação usando cera: Esse método é um dos mais conhecidos, por ser mais eficiente e durar mais tempo que os outros. Ainda assim, também apresenta seu lado negativo com a possibilidade de entupir os poros e causar pequenos ferimentos. Isso sem falar da dor na hora da remoção dos pelos.

Depilação usando laser: Esse tipo de depilação é algo mais definitivo, uma vez que impede os pelos de crescerem novamente. É o método mais caro e demorado dentre todos os que estão à disposição atualmente, no entanto, tem a vantagem de encerrar de uma vez por todas o crescimento de pelos.

Afinal, nós somos obrigadas a nos depilar?

Essa questão tem como origem a discussão sobre o fato da depilação feminina ser ou não uma imposição machista, afinal, os pelos corporais masculinos são muito mais bem aceitos socialmente.  Em contrapartida, há diversos exemplos de homens que se depilam, o que não afeta em nada sua masculinidade.

O recomendado é que você possa escolher entre se depilar ou não, qual método utilizar, levando sempre em consideração sua opinião própria do que é certo e do que deve ou não ser feito. O importante é que você se sinta bem com a sua decisão, seja ela qual for.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Design de sobrancelhas: em busca da beleza ideal🤔

As sobrancelhas conferem um diferencial para o rosto e criam uma imagem totalmente diferenciada do rosto feminino. Uma sobrancelha quando bem feita pode suavizar as feições, deixando o rosto mais jovem, leve e harmonioso. Aliado ao visagismo, o design de sobrancelhas faz cada vez mais sucesso e sua busca pelas mulheres em geral só aumenta.

Trataremos sobre o trabalho de design de sobrancelhas, qual seu diferencial, além das vantagens que ele trará à sua aparência.

Como é feito o design de sobrancelhas?

Quando pensamos que antigamente esse tipo de serviço era feito em casa ou salões generalistas, acabamos achando que os serviços especializados, que tem o foco apenas no design de sobrancelhas são exagerados ou apenas um modismo superficial, criado para gastar mais dinheiro em troca de um certo tipo de promessa de beleza. No entanto, os serviços de design de sobrancelhas são bem diferentes dessa concepção antiquada.

O design de sobrancelhas é feito por esteticistas especializadas, que possuem precisão e o conhecimento necessário para saber o tipo de sobrancelha que mais harmoniza com seu tipo de rosto.

Os procedimentos realizados por um designer de sobrancelhas são:

  • Projeto: É feito com lápis, mostrando à cliente a melhor forma de transformar sua sobrancelha, que geralmente aproveita o desenho natural e também corrige os excessos.
  • Corte: Nesse procedimento é feito um corte a tesoura, que alinha os fios e dá mais harmonia ao conjunto.
  • Depilação: São retirados os excessos de pelo, geralmente usando cera de alga, por ser menos agressiva à pele. Esse procedimento é bastante delicado e é feito com todo o cuidado para evitar agressões à pele.
  • Acabamento: Nesse ponto qualquer imperfeição é corrigida, com o uso de uma pinça.
  • Pós procedimento: Aqui são usados produtos hidratantes e protetores que garantem a proteção e a recuperação total da pele da área afetada.
  • Finalização: Nessa última etapa usa-se o lápis para finalizar o design, o que deixa o desenho mais demarcado e confere maior precisão ao processo. Se for necessário, pode ser usado branqueador em qualquer pelo que tenha restado, cobertura de henna ou até mesmo a micropigmentação para correção de falhas.

O procedimento é super rápido, durando cerca de 15 minutos e fará uma diferença enorme na sua aparência.

Quais os cuidados para manter o design das sobrancelhas?

Depois do procedimento, é importantíssimo manter a região sempre hidratada, principalmente porque é indicado passar pelo design de sobrancelhas ao menos a cada 15 dias, para que elas não percam o contorno.

Também é importante avaliar se o resultado ficou da forma que você desejava. Muitas vezes, nós gostamos de certos diferenciais do nosso corpo, que às vezes são vistos como “defeitos” por outras pessoas. Se uma sobrancelha um pouco mais grossa faz com que uma característica da sua personalidade que te agrada seja ressaltada e se sente mentindo para si mesma, a melhor opção é mudar o design, mantendo um pouco do volume, mas também adaptando o contorno para realçar ainda mais beleza.

O mais importante é fazer com que os recursos estéticos sempre trabalhem a seu favor, mas que não te deixe refém deles, ainda que a opinião de um esteticista não deva ser desconsiderada.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Spa em casa: Saiba como fazer o seu!🤔

Se você é uma daquelas pessoas que vive sem tempo para nada, tem muito stress e é extremamente impaciente, a ideia de passar um dia no spa certamente lhe é muito atrativa. Aqui no Brasil, os spas acabam tendo uma ênfase maior nos tratamentos estéticos, como diminuir a celulite e as estrias, além de oferecerem pacotes de relaxamento, porém essas coisas não são as mais baratas. Ainda assim, você pode recriar um ambiente de relaxamento e obter os mesmos resultados que teria em um spa, contando apenas com a sua criatividade.

Como criar o ambiente?

A primeira coisa a se fazer é criar um clima de relaxamento. Deixe uma música ambiente tocando, acenda alguns dos seus incensos ou velas perfumadas favoritas e deixe o ambiente à meia-luz. Procure usar alguns minutos para desacelerar o corpo e também seus pensamentos. Sente-se de olhos fechados e respire fundo. Tente esvaziar sua mente e deixar seus pensamentos e preocupações se dissolverem lentamente. Foque em cada músculo do seu corpo, para que ele pare de receber tensão e possa relaxar. Aproveite seu spa em casa.

Como cuidar da pele?

Corpo e rosto apresentam tipos diferentes de pele, sendo a pele do rosto bem mais delicada. Nesse momento você pode se dedicar a pequenos rituais que envolvam cada parte do seu corpo, como as mãos, os pés, os braços, ou então fazer tudo isso junto, caso prefira  algo mais rápido.

Pés – Eles tem a responsabilidade de sustentar seu corpo durante o dia todo, o que pode ocasionar em inchaço, calos e pele seca. Cuide disso preparando uma bacia com água quente e misturando nela um óleo essencial do seu agrado. Caso tenha à sua disposição, misture duas colheres de sal de Epson na água – ele irá ajudar a relaxar os músculos.

Mãos – Procure cortar e lixar as unhas da maneira que preferir, depois faça uma mistura com açúcar mascavo e mel para esfoliá-las. Massageie uma mão usando a outra, e então enxágue-as com água morna e seque-as. Termine utilizando um hidratante com um cheirinho gostoso.

Rosto – A pele dessa região pode revelar seus maus hábitos. Por exemplo, se a pele estiver sem vida, pode indicar falta ou pouco consumo de água, olheiras denunciam noites mal dormida e acne pode significar desequilíbrios hormonais. Ferva água e coloque em uma bacia. Posicione então seu rosto em cima do vapor com uma toalha sobre a cabeça (cuidado para não acabar se queimando!). Isso irá abrir os poros e ajudará a retirar as impurezas. Depois, procure esfoliar a pele em movimentos circulares usando uma mistura de aveia e mel. Use um hidratante para o rosto e então coloque saquinhos gelados de chá de camomila na região dos olhos, aproveitando a sensação durante alguns minutos.

Corpo – Para realizar uma esfoliação em todo o corpo, misture açúcar e sabonete líquido. Esfregue sua pele com cuidado para não se machucar, enxaguando bem no final. Aproveite o momento de aplicar o creme hidratante e se dê uma mini massagem. Afinal, seu spa em casa tem que oferecer o serviço completo, certo?

Como ter um cabelo de revista?

Lave os cabelos utilizando um xampu anti-resíduos e use uma máscara hidratante poderosa. Depois de deixá-lo agir por alguns minutos, retire o creme e enxágue-os. Termine com um último enxágue usando água fria e vinagre – que você pode fazer misturando uma colher de vinagre para cada 100 ml de água. Como resultado seu cabelo ficará muito mais brilhante e com as cutículas seladas, e não precisa ter medo de ficar cheirando salada! Depois de seco, o cheiro do vinagre desaparecerá por completo.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Libido feminina: saiba quais são os mitos e as verdades🤔

A libido é uma denominação bastante usual para desejo sexual, e todos sabemos que a sexualidade feminina é cercada por uma série de mitos e pressões da sociedade. Desde a infância, devido à nossa sociedade patriarcal, há sempre uma repressão praticamente inconsciente da libido feminina.

Quais as maiores dificuldades das mulheres em relação à libido?

O primeiro ponto a ser ressaltado é que existe uma dificuldade crônica em muitas mulheres de conhecer suas zonas erógenas (aquelas áreas do corpo que causam sensação de prazer). Seja por motivos psicológicos ou sociais, as mulheres acabam bloqueando sua libido e muitas mulheres deixam sua libido sob domínio da libido do marido ou companheiro.

Até mesmo as mulheres solteiras são recriminadas quando se deixam guiar pelo desejo de forma mais livre, e todos sabemos que é um incômodo pensar nas consequências de seguir a libido e fazer sexo de forma livre. É quase como se houvesse algum tipo de censura em relação ao corpo feminino.

Seja como for, a busca por compreender a libido feminina é um caminho de autoconhecimento que deve ser trilhado ao longo da vida. Seja com uma só pessoa ou encontros ocasionais, é imprescindível que o sexo seja prazeroso, consensual e mais do que qualquer outra coisa, sensual e delicioso.

Como despertar a sua libido?

Existem muitas coisas que devem parar de ser vistas como tabu no que diz respeito ao seu corpo e à forma como você se relaciona com o sexo para poder melhorar a relação com a sua libido.

Se toque e se conheça: Muitas mulheres não conhecem seu  próprio corpo principalmente porque não se tocam de forma sensual. Perca a vergonha de descobrir quais áreas provocam maior excitação e a forma que elas devem ser tocadas. Se você não tem esse costume, procure se masturbar ou ao menos excitar seu corpo para descobrir as áreas mais desejadas e use esse conhecimento para ajudar a pessoa com quem você esta tendo relações sexuais da próxima vez.

O prazer da mulher é diferente do prazer masculino: mesmo que sejam muito similares, a forma como eles alcançam o prazer é totalmente diferente. A relação sexual, para o homem, é sempre uma ascendente de excitação que termina, se não for interrompida, em um orgasmo. Já a feminina, por sua vez, sofre diversas alterações que são muito mais relacionadas com a qualidade e quantidade de excitação nas zonas erógenas do que com a penetração em si.

Sexo não é só penetração: O sexo é algo que nem sempre é destinado à reprodução e sim ao prazer de todos os envolvidos. A penetração não é, nem de longe, a única forma de sexo e muito menos a mais importante delas. O envolvimento de outras partes do corpo como seios, bumbum, língua e mãos na busca de um aumento da libido e um consequente orgasmo é fundamental.

Ajude a outra pessoa: As zonas erógenas de cada mulher são únicas, e por isso é muito importante que você guie a  outra pessoa pelos caminhos do prazer do seu corpo. Busque dar dicas, e procure apenas mandar ou ordenar se isto for excitante para os dois.

A busca por uma sexualidade mais livre e desinibida é fundamental para todas as mulheres.

 

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Gerovital: Para que serve? Ele é bom mesmo? Explicamos aqui!🤔

Com a rotina cada vez mais atarefada, faltam horas no dia para conseguir dar conta de tudo. Além disso, ainda temos que ter muita energia e estarmos dispostos fisica e mentalmente para fazer todas as tarefas diárias.

em todas essas coisas, o laboratório EMS desenvolveu o Gerovital, que é um complexo vitamínico fitoterápico, à base de ginseng, que elimina aquela sensação de fadiga e  oferece vitaminas que você geralmente não ingere nas refeições.

Se você quer saber mais sobre o Gerovital, leia este artigo até o fim!

Pra que serve o Gerovital?

Com o dia tão corrido, geralmente uma alimentação balanceada acaba ficando de fora. O Gerovital é um suplemento multivitamínico e energético indicado para pessoas que apresentam deficiência de vitaminas, ou apenas que precisa se livrar do stress físico ou mental, além de trazer mais disposição para realizar as atividades diárias. Além disso, também ajuda a reduzir os níveis de stress e ansiedade.

Onde posso comprar? Qual o preço do Gerovital?

Esse produto é encontrado facilmente nas farmácias do Brasil inteiro, e seu preço está em média 50 reais a caixa com 60 cápsulas. Caso você prefira mais comodidade, também pode adquiri-lo pela internet e receber em casa.

Qual a sua composição?

O principal ingrediente do Gerovital é o ginseng. Essa raiz auxilia na redução do cortisol, que é o hormônio do stress, é bom para o coração, leva mais oxigênio ao cérebro e também possui ação anti-inflamatória.

Além dos benefícios que o ginseng traz, o Gerovital também traz benefícios através das vitaminas que fazem parte da sua composição:

  • Vitamina A:  possui ação antioxidante e também previne infecções, além de conferir um aspecto saudável à pele;
  • Complexo de vitaminas B: ajudam na proteção do coração, dos músculos, da pele, dos cabelos, do fígado e também do sistema nervoso;
  • Vitamina C: aumenta a produção do colágeno, e também ajuda o organismo a lidar melhor com o stress e com as infecções;
  • Vitamina D3: aumenta a absorção do cálcio, o que traz ainda mais resistência aos ossos e dentes;
  • Vitamina E: tem efeito antioxidante e também ajuda a prevenir doenças.

O Gerovital leva mais de 19 vitaminas e minerais em sua composição, o que faz com que o metabolismo melhore e também diminua as chances de contrair doenças infecciosas, como a gripe e o resfriado.

Quais os benefícios de usar Gerovital?

Além de todos os benefícios que citamos anteriormente, o Gerovital ainda apresenta propriedades que contribuem para a saúde e para a beleza do seu corpo:

  • Aumenta e mantém a energia, por meio do aumento da atividade metabólica do organismo;
  • Combate a fadiga;
  • Aumenta a elasticidade da pele, deixando-a mais hidratada e firme;
  • Auxilia na memória e na concentração;
  • Previne a aterosclerose (doença cardíaca);
  • Apresenta ação anti-inflamatória;
  • Ajuda a ganhar massa magra (hipertrofia muscular);
  • O Gerovital como conhecemos hoje foi criado na década de 1950, e surgiu como uma vitamina antienvelhecimento.  Como tem propriedades antioxidantes, também ajuda a retardar ou até mesmo eliminar os efeitos e sinais do envelhecimento da pele, como as rugas.

Ele engorda? Possui efeitos colaterais?

Muitas pessoas que usaram o Gerovital disseram que engordaram, porém, as vitaminas, aminoácidos e minerais presentes em sua composição não possuem calorias ou gorduras. Portanto, não poderiam ter causado o ganho de peso.

A explicação mais correta para as pessoas que engordaram durante o uso do Gerovital é o metabolismo acelerado e também o fato de as vitaminas ajudarem na absorção dos nutrientes ingeridos.

Não foi relatado nenhum efeito colateral expressivo associado ao uso do Gerovital, mas é recomendado que não seja consumida uma dose maior que 3 cápsulas ao dia, por, no máximo, de 3 meses.

O uso do Gerovital pode acarretar na alteração na cor da urina (que acaba ficando mais amarelada) e dor de cabeça nos primeiros dias.

Se surgiram sintomas como alergia, coceira, manchas e irritação na pele, o uso deve ser interrompido.

Gerovital é bom?

Gerovital é muito bom porque complementa as vitaminas as quais se fazem necessárias para que o nosso corpo funcione normalmente, além das que não são ingeridas na alimentação (ou que não são absorvidas pelo organismo), além de todos os benefícios à saúde que abordamos anteriormente.

Gerovital ou Centrum, qual deles é o melhor?

Os dois são multivitamínicos (assim como o Pharmaton e o Virilon) e tem a mesma função, que é a de suprir a deficiência de vitaminas no organismo. O que pode definir qual dos dois será melhor para a pessoa é levar em conta seu objetivo e as vitaminas que a pessoa mais precisa, para que dessa forma, possa ser escolhido o que pode atender melhor à essa demanda.

Se você for vegetariano, por exemplo, precisará repor a Vitamina B12. As pessoas que precisam de mais energia e disposição, carecem de minerais como o sódio, ferro, fósforo, sódio e vitamina B12. Para melhorar ainda mais a saúde e o bem estar, recomenda-se tomar as vitaminas A, C e D.

Para verificar qual dos dois é o mais indicado, basta ler a bula ou então procurar seu médico.

 

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Dieta semanal: Uma forma prática de emagrecer🤔

Uma das maiores dificuldades das pessoas que não conseguem emagrecer é o fato de comer ou preparar refeições muito rapidamente. Ao consumir alimentos de forma rápida, a alimentação se torna ruim e completamente inadequada, além de fazer com que a pessoa coma uma quantidade maior do que a necessária.

Leia esse artigo até o final e aprenda uma dieta semanal que vai desde a compra dos produtos, passa pela preparação e consumo dos alimentos e vai até a preparação de um cardápio semanal, que fará com que sua alimentação deixe de ser algo monótono e se torne bem mais interessante, fazendo com que você leve uma vida muito mais saudável.

Como posso aderir à dieta semanal sem muito tempo para cozinhar?

A dieta semanal é uma espécie de manual de o que comer durante a semana. É muito mais do que uma simples dieta: é uma reeducação alimentar. A dieta semanal é composta por um cardápio bastante balanceado que será utilizado para deixar organizada sua rotina de alimentação. Além de ser uma espécie de guia de o que você deve pegar e qual a quantidade no buffet por quilo, irá direcionar sobre o que deve ser colocado na marmita que você leva para o trabalho.  Além desses benefícios, você ainda conseguirá deixar sua semana mais organizada, caso more sozinho, ou aproveita a oportunidade e melhora os hábitos alimentares de toda a família, ajudando a manter organizadas as compras do mês.

É importante frisar que por ser uma dieta mais generalizada e não uma daquelas dietas com foco na perda de peso, ela deve ser feita juntamente com atividades que ajudarão na perda de peso, como o aumento de fibras na alimentação, alimentos que desintoxicam, uma rotina de exercícios e o consumo de água necessário e em quantidade suficiente.

Para fazer com que a dieta semanal funcione, principalmente se você deseja melhorar sua qualidade de vida mesmo que não disponha de muito tempo, é preparar a comida da semana nos finais de semana e congelar as porções, deixando para fazer na hora somente o que for acompanhamento. Uma outra vantagem é que, além de fáceis de carregar, as frutas são muito práticas e ao consumirmos porções de salada de frutas ou biscoitos com quantidades elevadas de fibras, ajudamos a manter a vontade de comer doce bem longe!

Quando você passar a fazer a dieta semanal para regularizar a forma como se alimenta, seu organismo vai se acostumar com uma determinada quantidade de comida naquele horário específico, o que ajudará bastante no equilíbrio alimentar.

Como posso variar a minha dieta semanal?

Quando você for montar sua dieta semanal, pense em um almoço e um jantar compostos por estes elementos:

  • Base do prato: É a porção principal do prato, que deve ser sempre um carboidrato,  servido em uma porção reduzida, mas que te satisfaça. Por exemplo: arroz e feijão, quinoa, lentilha, batatas (em forma de purê ou simplesmente assadas ou cozidas). O prato pode combinar mais do que uma única porção, desde que não se passe da quantidade de uma porção de cada um dos componentes.
  • Prato principal: É composto por uma proteína, que pode ser animal ou vegetal. De preferência, sirva-se de uma porção um pouco menor que a da base, mas que também possa lhe oferecer uma base energética satisfatória.
  • Saladas e guarnições: Verduras e legumes, preferencialmente crus, acompanhados, vez ou outra, de pequenas porções de proteína, que darão um sabor a mais no prato e fornecerão o restante de vitaminas e minerais necessários.

Usando esses elementos você pode criar o prato que melhor se adeque à sua dieta semanal, levando em conta seu paladar e também seu orçamento. Além disso, é sempre bom preparar tudo preferencialmente cozido ou assado.

A dieta semanal é uma ótima opção para começar uma reeducação alimentar e tornar o ato de se alimentar algo prático, mas sempre interessante. Se você busca dieta diferenciada, pode também procurar um nutricionista.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Queimaduras solares: como prevenir e tratar?🤔

Queimaduras solares são bastante comuns nessa época de verão, pois muitas pessoas acabam exagerando no tempo de praia, na piscina etc. Apesar de ser mais comum de acontecer nas crianças, os adultos também sofrem com as queimaduras solares. Seja como for, elas são sempre consequência da exposição ao sol sem uma proteção adequada.

Vamos listar agora um guia bem completo para ajudar você a se prevenir e também combater as queimaduras solares, além de explicar todas as consequências que elas podem desencadear para a saúde da sua pele.

O que são queimaduras solares e como elas surgem?

Em suma, são queimaduras causadas pela exposição excessiva da pele aos raios UV. Sempre que a temperatura aumenta e a estação favorece as visitas às praias ou piscinas, os casos de queimaduras solares aumentam drasticamente e causam muitos problemas, o que pode comprometer as férias e a viagem.

O principal sintoma de uma queimadura solar é a vermelhidão na pele, que fica extremamente sensível, devido à perda de hidratação, o que muitas vezes a deixa com aspecto ressecado e pegajoso. Além disso, a a camada mais externa da pele acaba descascando e causando uma sensação bem incômoda de dor e ardência. Nos casos mais graves de queimadura solar, a pele pode até mesmo apresentar bolhas.

O horário recomendado para a exposição ao sol é antes das 10:00 e após as 16:00, ou antes das 11:00 e após as 17:00 nas regiões que tem horário de verão, no entanto, muitas pessoas não respeitam esse horário e acabam expondo a pele ao sol por grandes períodos de tempo dentro desses horários não recomendados, o que causa as queimaduras solares. Há casos ainda mais graves, quando algum elemento ácido se encontra na pele e é exposto ao sol. O mais grave de todos é quando o sumo do limão está na pele e entra em contato com o sol, o que deixa manchas permanentes na pele.

Quais as consequências das queimaduras solares e como preveni-las?

A melhor forma é evitar a exposição solar nos horários que citamos anteriormente. Mesmo que seja dentro do horário recomendado, é sempre bom usar um protetor solar de fator alto a fim de evitar doenças e problemas de saúde decorrentes das queimaduras solares.

A consequência mais grave que uma queimadura solar pode desenvolver é o câncer de pele, que surge quando a pele sofre tantas agressões que passa a se reproduzir de forma incorreta, criando então o câncer. O câncer de pele é considerado um dos mais perigosos e mortais tipos de câncer, e pode se tornar um problema enorme para a pessoa que o desenvolve.

Outra doença atrelada às queimaduras solares é o envelhecimento precoce da pele, que faz com que surjam rugas e marcas de expressão muito antes da hora.  Isso acontece porque quando há muita exposição solar sem proteção ou fora dos horários recomendados, a pele vai, pouco a pouco, perdendo a capacidade de se regenerar.

Como posso tratar as queimaduras solares?

Quando não forem muito graves, é possível amenizar as queimaduras solares com um tratamento caseiro, composto por uma mistura de algum analgésico leve (como dipirona ou paracetamol) e bastante hidratação no local, além de loções específicas para queimadura solar, que são vendidas em várias farmácias no país inteiro.

Já se for um caso de queimadura solar mais grave, que apresente bolhas no local, ou você apresente febre ou algum tipo de infecção na pele, procure um médico o quanto antes para que possa te orientar e fornecer um diagnóstico.

Aproveite essas dicas para deixar sua pele mais segura e evitar as queimaduras solares, que, ainda que sejam superficiais, são bastante desagradáveis. Seguindo essas dicas seu verão será muito mais tranquilo e livre de preocupações.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Atroveran funciona? Saiba mais sobre ele🤔

O Atroveran é um poderoso e diferenciado remédio, e é indicado para evitar tanto as cólicas quanto as dores menstruais, pois ele é um analgésico e também antiespasmódico. Ele é um dos mais tradicionais remédios do Brasil , e é amplamente utilizado para cólicas em geral. Se você não sabe ao certo como ele funciona, leia esse artigo até o final e fique por dentro dos detalhes do Atroveran, dos seus diferenciais e também suas restrições. Além disso, falaremos também sobre como ele age em seu organismo para acabar com as tão indesejadas cólicas.

Como funciona o Atroveran e quais seus princípios ativos?

Como já esclarecemos anteriormente, o Atroveran é um remédio que possui efeito analgésico e antiespasmódico, que é capaz de aliviar não somente as dores decorrentes da menstruação, mas também outros tipos de cólica, como as de rins e fígado. O Atroveran, além de ser considerado um anestésico muito eficaz, ainda possui em sua composição o alcaloide papaverina, que ajuda no controle dos espasmos da dor. Isso tudo é somado aos efeitos da atropa belladonna, também presente em sua composição, que é capaz de diminuir os movimentos involuntários do corpo que aumentam ainda mais a dor dos espasmos quando eles acontecem. Assim, o Atroveran é muito eficiente para aquela dor característica que causa espasmos, que é proveniente da menstruação, de se alimentar em excesso ou até mesmo de cólicas provenientes de outros sintomas.

A principal vantagem do Atroveran em relação aos outros antiespasmódicos disponíveis é que ele é completamente eficiente combatendo a dor, pois a dipirona em sua composição atua como analgésico principal e auxilia no controle da pior parte das cólicas: as dores.

O Atroveran possui contraindicações?

Como todos os medicamentos, o Atroveran também possui algumas contraindicações, sendo uma delas a hipersensibilidade a algum composto de sua fórmula, especialmente se for a dipirona ou a papaverina. Também tem o fato de que há algumas patologias as quais o medicamento ocorre como uma interação contrária, como o glaucoma, a hipertrofia da próstata e problemas respiratórios considerados graves, como bronquite, asma e relacionados.

Também há que ser levado em conta as interações medicamentosas, que podem acarretar em algo desagradável. As combinações do Atroveran com medicamentos entorpecentes ou hipnóticos podem levar até mesmo ao coma.

Também é altamente recomendável evitar o consumo de bebidas alcoólicas simultaneamente ao uso do Atroveran, pois pode causar os mesmos riscos que a interação de Atroveran com os medicamentos entorpecentes.

Como fazer com que o Atroveran alcance sua máxima eficácia?

Uma questão muito importante sobre o remédio é a posologia, ou seja, o modo se usar. Se você não tomar a quantidade suficiente, sua dor pode diminuir, mas não acabar de vez, mas também, caso utilize uma dose muito grande, você pode ter sérios problemas. Por isso mesmo é tão importante saber a posologia deste medicamento.

Recomenda-se tomar de 1 a 3 comprimidos assim que você começar a sentir dor. Espere pelo menos uma hora para verificar se o remédio fez efeito antes de tomar outra dose. Não ultrapasse a quantidade de 8 comprimidos de Atroveran por dia, pois isso pode acarretar em problemas com seus movimentos peristálticos.

Como você pôde notar, o Atroveran é um medicamento muito eficiente, se for usado de forma consciente e correta, pois ele pode livrar você do sofrimento que essas dores lhe causam e isso certamente trará uma qualidade de vida bem maior.

Procure sempre ter Atroveran em sua casa, ou na bolsa, principalmente se você costuma sofrer bastante durante o período menstrual ou até mesmo se você, vez ou outra, exagera na bebida ou naquele almoço de domingo com os familiares.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Bioquito: Sua solução definitiva para perder peso🤔

Sua vida será revolucionada pelo Bioquito. E concentra, em cápsulas bem práticas, dois tipos de fibras, que vão agir no seu corpo e te fazer perder peso de forma natural e eficaz, Trazendo muito mais saúde e qualidade para a sua vida.

Abordaremos a seguir os pormenores do Bioquito, qual o papel dele na melhora da sua saúde, e também todas as numerosas vantagens e benefícios desse produto incrível.

Quais as vantagens e os diferenciais do Bioquito?

O Bioquito irá fornecer fibras alimentares que quase nunca consumimos, pois hoje em dia, com toda a correria, fica difícil manter uma dieta que seja rica em fibras. Pelo contrário, geralmente nossa dieta é carregada de carboidratos processados, o que faz engordar com absurda facilidade.

Além de ajudar na regulação do intestino, essas fibras alimentares tem a vantagem de fazer com que sua necessidade de se alimentar diminua, pois as fibras presentes no Bioquito ocuparão um espaço maior no seu estômago e levarão você a comer menores quantidades. Isso, é claro, fará com que você perca aqueles quilinhos indesejados.

Que fique claro:  essas fibras não são quaisquer fibras. As fibras que foram selecionadas para compor o Bioquito são chamadas Psyllium e Quitosana e atuam de forma muito eficiente, retiram a gordura de circulação, previne o aumento da taxa de colesterol e por consequência outros problemas cardíacos que estão relacionados ao colesterol alto.

O Bioquito é uma forma incrivelmente prática de fazer uma mudança na sua vida, portanto, considere a sua compra!

O Bioquito funciona mesmo?

Sem sombra de dúvida! Além de possuir uma quantidade enorme de benefícios, não há praticamente nenhum efeito colateral. Ele é classificado como estando no exato limite entre um remédio natural e um suplemento alimentar, pois ele supre a necessidade de fibras, as quais praticamente não consumimos, mas ele faz isso de forma ainda melhor, pois utiliza fibras especiais, conhecidas grandemente pela alta capacidade de limpar e purificar o corpo.

Se você vive na correria e não tem tempo de fazer uma mudança drástica na sua alimentação, com certeza o Bioquito é a sua melhor opção, pois é super prático e vai trazer muitos benefícios para a sua vida. Geralmente essas mudanças drásticas acabam sendo praticadas por pessoas que estão tentando perder peso, mas é extremamente difícil reconsiderar toda a alimentação e apelar para algo drástico. O Bioquito é uma maneira bem mais tranquila de obter as fibras necessárias para o seu corpo e também trazer uma saciedade mais rapidamente.

Obviamente, a perda de peso vinda desse produto não vai ser significativa se você não mudar em nada sua dieta e seus hábitos alimentares, mas é muito vantajoso justamente por não precisar ser uma mudança radical da noite para o dia. Será necessária, sim, uma mudança na quantidade de exercícios que você pratica e também deixar que o Bioquito te ajude na dieta, diminuindo a quantidade de alimentos que você consome. Você também pode contribuir aumentando a quantidade de fibras que consome. isso facilitará muito o processo todo!

Onde posso adquirir o Bioquito?

O Bioquito é um produto vendido apenas na internet, e para adquiri-lo ainda tem um desafio adicional. É uma pena, mas o sucesso de vendas desse produto atraiu não somente as pessoas que querem mudar a qualidade de vida, mas também pessoas mal intencionadas, que hospedam sites falsos nos quais anunciam o produto por valores menores, mas no fim das contas mandam um produto falsificado ou, em casos piores, sequestram seus dados bancários.

Para que você não seja uma dessas pessoas que foram enganadas por esses sites falsos, recomendamos que você compre seu Bioquito por esse link, que irá te redirecionar para o site original.

🥇Levotiroxina sódica: O que é e como pode te ajudar?🤔

Levotiroxina sódica é um medicamento bastante eficiente para pessoas que tem problemas de tireoide, devido a esse motivo, apresentam o que chamamos de metabolismo preguiçoso.

Esse medicamento é uma grande vantagem, pois antes o tratamento tratamento era feito com extratos de tireoide natural, que era retirada de animais, o que não é a forma mais indicada de tratamento. Com o surgimento da levotiroxina sódica, felizmente, isso foi solucionado.

Abordaremos a seguir os pormenores da levotiroxina sódica, suas vantagens e a necessidade de fazer uso dela apenas em casos de recomendação médica, para que seja evitados problemas ainda maiores.

O que é e qual o uso da levotiroxina sódica?

É uma fórmula sintética que tem a função de limitar o hormônio  T4, que é criado pela glândula tireoide e que determina qual será o ritmo do corpo e de seus processos naturais. Além disso,  determina também como será feito o consumo de energia da pessoa. Com o passar do tempo, percebeu-se que grande parte das pessoas que tem problemas com obesidade e que tem bastante dificuldade para emagrecer apresenta algum tipo de hipotireoidismo.

O  hipotireoidismo torna o processo de perda de peso muito mais difícil, podendo ser um empecilho na busca de um corpo saudável. Nesses casos, se a pessoa tomar levotiroxina sódica,  terá uma chance enorme de reverter esse quadro, já que o medicamento fará com que cópias artificiais do hormônio T4 sejam liberadas em sua corrente sanguínea e cumprirá os mesmos papéis, além de mudar bastante a reação do corpo, que irá desenvolver um metabolismo mais rápido. Isso será feito de forma bastante eficiente e irá provocar uma melhora na forma como sua energia é consumida, tornando mais fácil solucionar os problemas de saúde que você possa ter em decorrência do hipotireoidismo.

Vale frisar que, apesar de parecer algo facilmente solucionável, bastando apenas tomar levotiroxina sódica, o problema do hipotireoidismo não deve ser encarado com superficialidade.

Quais os pontos negativos da levotiroxina sódica?

Por ser um hormônio artificial, ele pode causar problemas bem graves no seu equilíbrio do seu corpo, visto que muitas vezes ocorrem problemas de diagnóstico em relação ao hipotireoidismo. Em muitos casos uma tireoide que funciona parcialmente, é logo diagnosticada como não funcional e nesses casos os hormônios artificiais presentes na levotiroxina sódica irão competir com os hormônios naturais já existentes.

Se todas as pessoas se adaptassem facilmente ao T4 artificial, isso não seria nenhum problema, no entanto, em alguns casos, o corpo tem dificuldade em transformar o T4 em T3, que é o hormônio responsável por fazer quase todo o trabalho associado ao T4.

A levotiroxina sódica emagrece ou engorda?

EM suma, não há garantias de nenhum dos dois casos. Pensar nesse medicamento como sendo um emagrecedor ou até mesmo um termogênico é uma atitude leviana e irresponsável. Justamente por esse motivo a automedicação com a levotiroxina sódica não é recomendada, uma vez que ela pode vir a desregular toda a estrutura do seu sistema endócrino e trazer problemas ainda maiores.

Com todas essas questões em mente, é imprescindível procurar um médico e questioná-lo se a levotiroxina sódica é o medicamento ideal para você, visto que existem outras alternativas para o tratamento desse problema. Vale lembrar que suplementos hormonais só devem ser considerados em casos urgentes.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Cápsulas de colágeno: o que elas podem fazer por sua pele?🤔

Atualmente, existem muitas formas de consumir o colágeno hidrolisado. Dentre estas formas, no entanto, a que costuma ser a mais utilizada, até mesmo por ser especialmente tradicional, são as cápsulas de colágeno.

Essas pequenas cápsulas, que não têm gosto e são bastante simples de serem tomadas, oferecem uma das formas mais diretas para consumir colágeno, que, além de fazer muito bem para a pele e atuar como um moderador de apetite, ainda oferece muitos outros benefícios.

Abordaremos a seguir estes benefícios, o que as cápsulas de colágeno podem fazer em seu benefício e qual a dosagem recomendada.

O que as cápsulas de colágeno fazem por você?

Inicialmente o colágeno era consumido em forma de cremes e similares, até que foi descoberto que seria muito mais eficiente se fosse ingerido. Isso acontece porque quando ele é ingerido,  firma a pele de dentro para fora, além de fornecer outros benefícios, como um poderoso antirrugas e anti-idade.

Isso ocorre porque o colágeno é um nutriente que conserva a estrutura da pele estável, bonita e esticadinha. Ou seja, é o colágeno que dá firmeza e jovialidade à pele, e quando você ingere cápsulas de colágeno, você está fazendo com que sua pele seja renovada de forma muito mais eficaz e potente.

Algo que  muitos se esquecem é que o colágeno é naturalmente produzido pelo corpo, no entanto, essa produção vai diminuindo com o passar do tempo e isso faz com que a pele vá perdendo a elasticidade e o viço.

Além da pele, quais os outros benefícios?

Já havíamos abordado a parte da moderação de apetite, que acontece porque a cápsula de colágeno, assim que é ingerida, funciona de forma bem parecida aos shakes dietéticos, que acabam inchando no estômago, absorvendo água e se tornam uma espécie de gel que por sua vez é absorvido ou então eliminado, sem gerar nenhum tipo de gordura e ocupando um espaço no seu estômago que seria ocupado por alimentos bem mais calóricos.

Outro ponto importante que só foi descoberto muito tempo depois é que o colágeno também ajuda a proteger as suas juntas. Atleta profissional ou apenas de fim de semana, o colágeno auxilia na diminuição das dores nas articulações e além disso faz com que a perda da mobilidade, comum no decorrer da idade, diminua.

Por que devo consumir cápsulas de colágeno?

As cápsulas de colágeno apresentam uma série de vantagens e desvantagens se comparadas a outras formas de consumo do colágeno, sendo as principais:

  • As cápsulas de colágeno não possuem gosto, e isso faz com que sejam uma opção para quem não gosta do colágeno vendido em sachês.
  • Outra diferença entre as cápsulas de colágeno e os sachês é que as cápsulas saciam menos a fome que o colágeno em sachê, mas também são absorvidos mais rápido.
  • Para obter a quantidade de colágeno que você precisa, dependendo de como a cápsula é formulada, será necessário tomar de 10 a 12 cápsulas diariamente.

O melhor de tudo é que as cápsulas de colágeno são vendidas em farmácias e supermercados e por ser um suplemento natural, não precisa ter receita!

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇O que é o Parto Humanizado? Saiba mais aqui🤔

A gestação pode ser cheia de dúvidas e inseguranças, desde coisas simples como a cor que irá pintar a parede do quarto do bebê, até o nome e a escolha de como será realizado o parto. Pode parecer algo simples, e essa pergunta pode até mesmo nem chegar a passar pela mente de alguns pais e mães, mas é algo para se pensar. Com toda a certeza  valerá à pena tentar tornar seu parto um processo mais fácil e menos traumático.

Antes de mais nada: o parto humanizado não é classificado como um “tipo de parto”, mas um processo que consiste em tornar esse momento único (e também difícil) algo que seja mais natural e instintivo.  Para você pode ser um choque, mas as mulheres indígenas sempre deram à luz de agachadas nas cachoeiras. Isso pode soar bem estranho, mas muitos historiadores afirmam que partos feitos dessa forma eram a forma mais comum, e que isso foi  se modificando há alguns séculos para o parto da forma como conhecemos atualmente, que, infelizmente, causa muito mais dor e desconforto.

Como é feito um parto humanizado?

Quando falamos em parto humanizado, é essencial entender que existem somente dois protagonistas: a mãe e o seu bebê. O intuito do parto humanizado é proporcionar um ambiente no qual a mãe se sinta o mais confortável possível e que provoque a menor quantidade possível de stress para o bebê. Justamente por esse motivo, quando se opta pelo parto humanizado, alguns procedimentos que geralmente são feitos em hospitais, não são utilizados, como a indução do parto, o uso de anestesia, a raspagem dos pelos pubianos, tampouco a cesariana. A não ser, claro, que a gestante opte por querer usar algum desses procedimentos.

O Parto Humanizado é um processo que perdura por todo o período da gravidez. Da mesma forma que é feito com o parto normal, a mãe tem que se preparar e conversar muito com o seu cuidador, que geralmente é um médico obstetra ou ginecologista. Caso você esteja considerando a ideia de escolher esse processo, faça uma busca por médicos humanizados, ou seja, profissionais que realizem o parto humanizado.

O cuidador é importante no parto humanizado?

Como já citamos anteriormente, o parto humanizado tem seu foco em auxiliar a mãe e o bebê, por isso mesmo é muito importante manter contato frequente com o seu cuidador desde o início, visto que existem alguns cuidados que a mãe deve receber quando opta pelo parto humanizado. Como se inteirar sobre exercícios e massagens para estimular o períneo, preparando-o para a hora do parto, e também tomar consciência da necessidade ou não da anestesia.

No processo de parto normal, um dos procedimentos é a injeção com um hormônio sintético criado para imitar a ocitocina no corpo da mulher para causar a indução do parto. É justamente essa ocitocina produzida artificialmente que faz com que a dor do parto seja tão ruim. Durante um parto humanizado, esse procedimento não é realizado, e foi constatado que a gestante tem a capacidade de suportar a dor do parto. Ainda mais com a ajuda do seu cuidador, que pode oferecer um banho de água quente, massagens e também indicar posições corporais que ajudam a diminuir a intensidade da dor.

Depois do nascimento, o bebê não deve ir direto para o exame do pezinho, mas para os braços da mãe, para que ele se acalme e, o que é muito importante: para que esse primeiro contato entre mãe e filho seja o menos estressante possível, proporcionando dessa forma um maior estimulo para a amamentação, que é um processo que conecta mãe e filho.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Colica menstrual: dicas para suportar🤔

A natureza é realmente implacável. Mês após mês as mulheres sofrem com indesejáveis dores na região abdominal, provocando muito incômodo antes ou durante a menstruação. Também chamada de dismenorreia, a cólica menstrual, é tão desagradável quanto o seu nome sugere.

Por qual motivo as mulheres tem cólica?

To corpo feminino possui estruturas reprodutivas, como o útero, os ovários e as trompas. Todos os meses essas estruturas se preparam para gerar um bebê. Durante essa preparação, é criada uma camada dentro do útero chamada endométrio, que tem a função de nutrir o embrião. Quando o corpo se dá conta de que o óvulo não foi fecundado e de que não terá a necessidade de suprir o tal embrião, ele inicia o processo de maneira inversa – o endométrio percebe que não terá mais utilidade e libera a prostaglandina. Essa substância faz com que o útero se contraia para que o endométrio seja eliminado do organismo. As contrações do útero faz com que os nervos e os vasos sanguíneos à sua volta se comprimam, causando as dores no baixo-ventre. E é assim que, então, que surge a cólica menstrual.

Como suportar as cólicas menstruais?

Quando dores muito grandes se tornam rotina na vida de uma mulher, é indicado procurar um ginecologista para averiguar o motivo de todo esse incômodo, fornecendo o diagnóstico correto através de exames clínicos e laboratoriais.

Se a causa da dor for reflexo dos hormônios do período menstrual, a melhor forma de tratar é praticar exercícios físicos para que seja liberada a endorfina, para que ela colabore com o relaxamento do corpo. Ingerir alimentos ricos em fibra também é recomendado, além da aplicação de algumas bolsas de água quente. Certamente isso já será suficiente para aliviar as dores. Mas, se a cólica tiver um fundo patológico, será necessária a ingestão de medicamentos de acordo com a orientação do seu médico.

Para saber qual o tratamento ideal para sua cólica menstrual, procure um ginecologista, pois ele, como um especialista no assunto, poderá fornecer o diagnóstico correto e, caso necessário, iniciar o tratamento mais indicado para você.

No entanto, aqui vão algumas dicas que aliviam a dor da cólica menstrual:

Procure um médico que lhe oriente algum medicamento: Os tratamentos  geralmente são feitos à base de antiespasmódicos ou com um anticoncepcional, caso seus sintomas da TPM sejam muito severos. Alguns médicos chegam até mesmo a recomendar o uso de anticoncepcionais como o elani ciclo, diclin ou ciclo 21. Mas lembre-se que somente ele, por meio de exames, poderá recomendar sua utilização.

Dê uma chance à homeopatia: Alguns remédios como Lachesis, Sépia, Calcarea Carbônica, Caulophyllum e Chamomilla são bastante indicados para os casos de cólica, mas a recomendação vai depender das características de cada pessoa.

Se possível, repouse: Só o fato de deitar com a barriga para baixo, deixá-la apoiada em um travesseiro, de modo a comprimi-la, já irá diminuir as dores da cólica menstrual.

Pratique exercícios físicos: Algumas atividades como o alongamento, a ioga, a caminhada ou até mesmo pedalar ajudam bastante. Se forem feitos de forma regular e moderada, eles liberam endorfina no seu organismo, que faz com que as dores amenizem.

Consuma chás: Procure fazer chá de ervas como Angélica chinesa, que apresenta efeito antiespasmódico, agoniada (Himatanthus lancifolius), que também tem ação analgésica, ou canela, que é muito utilizada desde tempos antigos no tratamento da cólica.

Use uma bolsa de água quente: Coloque-a na região lombar e no abdome. O calor vai estimular a irrigação, relaxar a musculatura e amenizar o impacto das contrações do útero.

 

Consuma os seguintes alimentos: Alimentos ricos em cálcio (laticínios e vegetais escuros), magnésio (presente na soja, banana, beterraba, aveia, tofu, couve e abobrinha) e gorduras poliinsaturadas (presentes no salmão, atum e castanha do Pará) irão te ajudar.

Pratique pilates: As dores serão amenizadas pelo trabalho concentrado no centro de força, que fica na região abdominal. O controle da espiração também contribui bastante para diminuir  as tensões que agravam as dores. As aulas durante esses períodos devem ser modificadas, tendo a intensidade dos exercícios diminuída, especialmente os exercícios abdominais. Alguns profissionais também recomendam que seja feita a massagem tailandesa de forma a aliviar essas dores.

Procure evitar os seguintes alimentos: Esqueça os alimentos com muita gordura, pois eles favorecem a maior produção de hormônios femininos. Evite também os embutidos e as bebidas que contenham cafeína (café, chá preto e refrigerantes).

É válido ressaltar que, ainda que muitas dessas dicas funcionem efetivamente, apenas um médico poderá fornecer um melhor diagnóstico.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Aprenda 3 dicas para começar a emagrecer após ter tido seu bebe🤔

A gravidez vem sempre com uma mistura de sentimentos e emoções. Durante a gestação, a busca para que o peso se mantenha todos os meses é constante e quando o bebê nasce, logo vem a preocupação: como será que meu corpo vai reagir, depois de ter passado por tantas mudanças? Como posso voltar ao corpo que eu tinha antes?

Não há motivo nenhum para de desesperar! Se você se cuidou durante a gravidez, e não chegou a relaxar muito, voltar a ter o peso de antes do bebe nascer não será grande um bicho de sete cabeças. É só seguir algumas dicas, que em poucas semanas você estará de volta à sua forma.

Abordaremos agora 3 dicas incríveis para você ter seu corpo de volta. Vamos a elas!

Primeira dica: amamente

A cada 3 horas de produção de leite e a cada mamada, seu corpo reage como se você tivesse praticado 2 horas de exercício em uma esteira, ou praticado outro exercício aeróbico. Dessa forma, você gasta aproximadamente 500 calorias, levando em conta todas as mamadas do dia. Se pararmos para analisar, você já perde alguns quilinhos no final do mês, só pelo fato de amamentar!

Além da perda de peso, quando você amamenta você elimina também o peso do leite está em seu corpo e, com o tempo, isso vai se mostrar na balança, pois quando o leite é produzido em excesso, ele faz um peso desnecessário ao seu corpo. Mas se você produz muito leite, não precisa se alarmar, afinal seu peso estará mais concentrado em seus seios, mas vai diminuir gradativamente após cada mamada.

Segunda dica: dieta

A dieta é sempre um dos pontos chaves do emagrecimento. No entanto, você deve se atentar à sua alimentação, pois ela irpa refletir no leite produzido, que será ingerido pelo bebê.

Mais do que fazer uma dieta, é importante que você tenha uma alimentação equilibrada e saudável. Se você estiver amamentando, precisa se alimenta a cada 3 horas, pois o seu corpo produz e também precisa de um número muito maior de nutrientes do que antes, logo, sua  fome também será maior.

Por esse motivo, consumir alimentos saudáveis é fundamental. Evite comer besteiras como fastfood e alimentos muito diferentes, que tenham muita gordura, para não acabar prejudicando seu bebê, afinal de contas você não sabe como o corpo dele vai reagir com tudo isso. Lembre-se que tudo o que você come é novo para ele. Além disso, evitar alimentos gordurosos certamente vai melhorar sua saúde e evitar mais gordurinhas.

Hidrate-se bastante, consuma alimentos como verduras, legumes e frutas, opte pelos glicídios integrais e em proteína com baixo nível de gordura, como frango, clara de ovos, etc.

Terceira dica: pratique exercícios

Uma das maiores dificuldades para uma mãe recente é se exercitar. Com uma nova rotina e com o recém-nascido, já é impossível sair na esquina de casa, que dirá ir para uma academia. No entanto, você precisa se exercitar para que gaste mais calorias e ative a queima de gordura. Depois dos primeiros 3 meses do seu bebê, você poderá começar a praticar movimentos leves, criando uma nova rotina, mesmo que  você se exercite por menos tempo que antes, é importante  praticar exercícios. Sem eles, vai ser impossível eliminar a gordura que seu corpo acumulou.

Uma dica para começar um exercício leve é fazendo caminhadas com o seu filho por cerca de 20 minutos.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Mamãe Sarada: Emagrecimento para quem tem pouco tempo!🤔

Uma das realidades mais difíceis da maternidade é que muitas mulheres acabam por ganhar peso durante a gestação. Esse fato é totalmente comum e se deve à enorme quantidade de mudanças pelas quais o corpo da mulher passa ao longo do processo.

A maioria das mulheres, no entanto, deseja voltar à antiga forma depois do nascimento do bebê, mas a rotina, agora cada vez mais corrida, e todas as novas responsabilidades com o filho pequeno faz com que as rotinas saudáveis, que antes eram bastante acessíveis, se tornem praticamente impossíveis.

O programa Mamãe Sarada foi criado justamente para essas ocasiões. São rotinas curtas com exercícios bem interessantes que vão ajudar as novas mamães, que em muitos casos têm de lidar com a injustiça da jornada dupla.

Abordaremos a seguir as vantagens desse programa, o porquê de ser a melhor opção e também explicar qual o diferencial dele e o que o torna tão eficiente.

Como posso comprar o Mamãe Sarada?

O programa Mamãe Sarada é classificado como um produto digital, ou seja, você irá receber todas as orientações que precisa por e-mail para que possa começar o seu treino assim que a sua compra for confirmada. Após isso, você passará a fazer parte de um grupo de várias mulheres que tem a mesma rotina e os mesmos problemas, e inciará uma rotina de exercícios que funcionam de verdade.

Todos os cartões de crédito são aceitos, além de boleto bancário e PayPal, e o melhor de tudo é que no cartão você ainda pode parcelar o valor final em 12x! sendo que no cartão ainda é possível parcelar em 12x! Clique na imagem a seguir para comprar!

mamae-sarada
* atenção! o preço informado pode aumentar a qualquer momento e sem aviso prévio. Corra para garantir a sua vaga no Programa Mamãe Sarada.

Por que o programa Mamãe Sarada funciona?

O Mamãe Sarada é um programa criado pela professora Gabriela, que o desenvolveu de forma bastante interessante: Após engravidar pela segunda vez e passar por todos os problemas que as mulheres que engravidam costumam ter, ou seja, as gordurinhas a mais que elas tem maior dificuldade de se livrar, e também depois de se dedicar e pesquisar muito, ela desenvolveu uma fórmula para que as mulheres pudessem se livrar desse incômodo de forma totalmente eficiente usando, pasme, no máximo 14 minutos do seu dia!

Como isso acontece?!

É simples! Ela chegou à conclusão de que exercícios de alta intensidade e localizados apresentam o mesmo efeito no corpo do que exercícios que tem maior duração, como uma corrida, por exemplo. Através dessa incrível descoberta ela criou o Mamãe Sarada, dando maior atenção às partes do corpo feminino que são mais afetadas pela gravidez.

Dessa forma, você certamente começará a sentir uma diferença e mudará sua vida de forma bem mais rápida e eficiente, além de prática e sem que isso atrapalhe a sua rotina.

Não há necessidade de aparelhos nem de nenhum tipo de acessório exclusivo, nada que você tenha que comprar junto. O programa Mamãe Sarada irá realizar uma mudança no seu corpo e na sua saúde, dando a você a oportunidade de voltar ao corpo que tinha antes da gravidez e até mesmo ir além, com uma forma até mais saudável e fitness!

mamae-sarada-2

Por que devo comprar o Mamãe Sarada agora?

Se você ainda não se convenceu totalmente, mesmo com todos esses argumentos incríveis, alguns fatos adicionais podem ter ajudar a decidir comprar o Mamãe Sarada:

É Prático: As aulas podem ser feitas em qualquer lugar, basta apenas uma conexão com internet e um aparelho (pode ser até mesmo o seu celular), não precisa marcar horário e  está dentro das suas possibilidades.

Foi pensado para você:  Não existe mais nenhum outro programa de exercícios pensado apenas para mulheres depois da maternidade, o que reflete a solução ideal para uma quantidade grande de mulheres.

Etapas: Diferente de muitos programas, que necessitam de condicionamento físico prévio, o programa Mamãe Sarada sabe que você talvez esteja sem fazer exercícios há bastante tempo, então todas as aulas são ministradas em dois níveis: fácil  e difícil. Se não se adequar logo de primeira ao difícil, pratique no nível fácil e depois volte e faça no nível difícil.

Não perca essa chance de mudar completamente a sua vida! Além de todos esses benefícios, se você não se sentir satisfeita em até 30 dias, você pode receber todo o seu dinheiro de volta. Compre seu Mamãe Sarada aqui, e garanta brindes exclusivos e um valor promocional!

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Pedra na vesícula: Sintomas, prevenção e tratamentos🤔

A pedra na vesícula, também chamada de colelitíase, é algo relativamente simples, que afeta  mais de 2 milhões de pessoas por ano no Brasil e causa grande desconforto e problemas decorrentes. Ainda que seja difícil, a pedra na vesícula pode acarretar em problemas mais sérios, como o entupimento da vesícula e seu possível rompimento, que são consequências muito mais graves e problemáticas do que costumamos lidar.

Abordaremos a seguir a função da vesícula, como são formados os cálculos, quais as consequências e também o que fazer para prevenir este problema ocorre com mulheres na maioria dos casos.

Qual a causa da pedra na vesícula?

A vesícula nada mais é do que um reservatório da bile, que por sua vez é produzida pelo fígado e então vai para lá. Quando seu corpo entra em processo de digestão, a vesícula se comprime e lança a bile no intestino, que dá continuidade ao processo de digestão e também inicia o processo de absorção de alimentos. Quando ocorre um desequilíbrio entre os elementos que compõem a bile, os componentes em excesso acabam por formar o que chamamos de “pedras”, que algumas vezes apresentam sintomas, outras não, mas em todo o caso sempre podem trazer consequências bem desagradáveis.

Este desequilíbrio tem sua raiz em várias possíveis causas, desde a predisposição genética, obesidade, idade já avançada, o uso de anticoncepcionais em comprimido  e também um emagrecimento abrupto.

Quais os principais sintomas da pedra na vesícula?

Na maioria dos casos, a pedra na vesícula não causa nenhum sintoma até que haja algum tipo de bloqueio ou uma cólica, o que pode ser um sinal de que a pedra na vesícula está prestes a  ser expelida pelo corpo. Dependendo do tamanho e da formação desse cálculo, ele pode ser expelido do corpo de forma natural através da urina, ou pode se tornar algo maior, podendo até mesmo acarretar na destruição da vesícula biliar. Isso faria com que, devido ao acúmulo de bile e pus, poderia dar margem para um tipo de infecção ainda maior dos outros órgãos.

Por esse motivo, as dores e também as cólicas são um alerta para se preocupar quando o assunto é pedra na vesícula. Além disso, a pessoa com pedras na vesícula também pode apresentar enjoos e dores de cabeça.

Dito isso, se qualquer um desses sintomas citados anteriormente aparecerem sem mais nem menos, é bem importante procurar um médico, que irá solicitar uma ultrassonografia para compreender o motivo dessa dor.

Qual a prevenção e o tratamento?

Na maioria dos casos, caso a pedra na vesícula não seja expelida de forma natural, ou seja, na urina, é feita a retirada da vesícula. Geralmente esse procedimento é feito por uma cirurgia realizada por vídeo.

Saiba que após a retirada da vesícula, existirá muito menos bile no sistema digestivo da pessoa, portanto é recomendado baixar o consumo de gorduras depois da operação. Essa dieta, diferente das dietas comuns, deverá ser seguida pelo resto da vida. Também deve ser diminuído o consumo de carnes de modo geral, pois, além das gorduras, também tem proteínas que serão digeridas com mais dificuldade pelo organismo, visto que a concentração de bile será menor.

Prevenir a pedra na vesícula é relativamente fácil: basta levar uma dieta saudável e fazer exames regularmente, mantendo sempre a vesícula em modo de vigilância.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Amamentação: importância e dicas🤔

Quando ouvimos alegações de que é uma prática criminosa, que deveria ser feito entre quatro paredes ou até mesmo coisas de cunho sexual em relação à amamentação em público, só podemos chegar à conclusão de que a sociedade, definitivamente, não está aberta para as necessidades da mulher.

O maior problema com este tipo de pensamento é a forma de sexualizar esse momento que tem muito mais a ver com um ato de amor entre mãe e filho do que qualquer outra coisa de cunho sexual.

Muitos artistas e celebridades fizeram ensaios para demonstrar a beleza desse ato com o intuito de encorajar as mulheres a sentirem-se livres para amamentar em público. Certamente, a conotação sexual de um ato tão puro, só pode vir de uma sociedade que vê o corpo da mulher como um objeto.

Nos posicionamos completamente favoráveis a este ato, de amamentar onde for possível, e para defender nosso posicionamento, abordaremos as vantagens para as mães e seus filhos, além, é claro, de falarmos sobre como ajudar seu bebê com a amamentação ideal.

Quais as vantagens da amamentação?

 

Amamentar é  fundamental, para a mãe e também para o bebê. A amamentação fortalece poderosamente os laços entre mãe e filho, além disso, existem muitas outras vantagens:

  • O bebê tem menos chance de adoecer, principalmente no primeiro ano, que é um período em que os bebês são extremamente sensíveis.
  • Uma das vantagens que poucas pessoas conhecem é que o leite materno é capaz de se adaptar às necessidades do bebê de acordo com o seu crescimento, pois é muito mais eficiente do que a fórmula artificial em se tratando de satisfazer por completo as necessidades do bebê.
  • Além disso, as vantagens ao amamentar também se apresentam para as mães: além do gasto de calorias, amamentar previne a mulher de diversos problemas, inclusive o câncer de mama e de ovário.

Quais as dicas de amamentação para as iniciantes?

A sensação da primeira mamada tende a ser incrível, mas algumas mulheres ficam tão inseguras quanto ao ato da amamentação que isto acaba afetando o bebê, e isso pode dificultar todo o processo.

Se você seguir estas dicas iniciais e, acima de tudo, deixar que a relação com seu bebê se estreite e ganhe intimidade com ele, amamentar será muito mais fácil:

  • A amamentação não pode doer, então se você sentir qualquer tipo de incômodo, procure ajudar seu bebê a encaixar-se melhor no bico do seu seio
  • Permita que ele sugue com vontade; isto vai estimular seu corpo a produzir ainda mais leite. Faça também com que seu bebê ponha a auréola quase inteira na boca para mamar.
  • Nos primeiros 4 dias, você produzirá uma quantidade bem menor de uma substância muito mais grossa, que é chamada de colostro. Pode deixar seu bebê consumi-lo sem medo, o colostro é excelente para ele.
  • Os itens que você pode considerar bem importantes nesse momento são:  os absorventes de seio, sutiãs de amamentação e também pomadas de lanolina, além, também, das conchas de silicone, que ajudam as mulheres que não possuam um bico muito desenvolvido.

Mais importante do que qualquer coisa é não sentir-se envergonhada de amamentar onde quer que seja, principalmente se você for uma mulher trabalhadora e não puder passar muitos momentos com seu bebê. Não deixe que a forma errada de enxergar esse momento transforme algo puro em qualquer outra coisa.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Citomegalovírus: Saiba como se prevenir🤔

O citomegalovírus (CMV) é um vírus muito potente e resistente, parente do vírus que causa a catapora e a herpes. Infelizmente, é um vírus que não abandona a pessoa e deve sempre ser mantido sob controle, pois pode causar infecções constantes, diminuir a capacidade de defesa contra outras doenças e também pode ser transmitido de muitas formas. Faremos agora uma abordagem geral do citomegalovírus e de todos os problemas relacionados a ele.

Como o Citomegalovírus é transmitido e quais são os sintomas?

O citomegalovírus é transmitido de muitas formas:

  • Via respiratória (transmissível pelo ar)
  • Transfusão sanguínea, e também o contato sem proteção com o sangue
  • Sexo sem proteção
  • Hereditariedade (transmissão de mãe para filho)

Um dos maiores problemas ao contrair o citomegalovírus é que ele pode não apresentar sintomas na sua fase inicial, principalmente para pessoas que possuem um sistema imunológico resistente. O citomegalovírus, no entanto fica encubado no corpo, aguardando uma baixa no sistema imunológico para poder  iniciar com diversos destes sintomas:entrar em ação. Nessa fase os sintomas são:

  • Febre
  • Dor de garganta
  • Inchaço fígado e do baço provocado pela maior quantidade de impurezas a serem filtradas
  • Presença de linfócitos atípicos.

No entanto, todos esses sintomas podem ser tomados por uma mononucleose comum. Somente um exame específico pode atestar a presença do citomegalovírus na mulher.

Quando a doença inicia o processo de vencer seu sistema imunológico, surgem úlceras, que podem se desenvolver em todo o sistema digestivo (da boca até o intestino delgado, causando dores e incômodo ao se alimentar), problemas nos olhos, problemas no sistema nervoso central e outras dificuldades. O citomegalovírus é particularmente perigoso se somado ao HIV, pois ele se aproveita da baixa que o HIV causa ao sistema imunológico para causar ainda mais problemas.

Como conviver com o citomegalovírus?

Ao ser diagnosticada com o citomegalovírus, a mulher deve se esforçar ainda mais para se manter sempre saudável. Se tiver problemas relacionados à nutrição, como metabolismo extremamente acelerado ou mesmo anemia, deve se tomar um cuidado adicional com a transmissão (sugerimos que evite todas as fontes de contato citadas anteriormente).

Também deve se ficar alerta para infecções pequenas, sinal de que o seu sistema imunológico sofreu uma baixa. Tome sempre vitaminas e suplementos alimentares para evitar este quadro e, caso apresente sintomas de infecção pelo citomegalovírus, consulte o quanto antes seu médico para que possa ser feito um tratamento.

Em casos graves, é feito um tratamento com um antiviral, que não pode durar mais de um mês, devido aos efeitos colaterais que o medicamento pode causar ao seu corpo.

Quais são os prejuízos do citomegalovírus para a gravidez?

O maior problema com o citomegalovírus, no entanto, é a contaminação congênita, ou seja, quando a mãe passa o vírus ao bebê. Quando isso ocorre, pode haver uma série de dificuldades que envolvem até mesmo más formações, aumento dos órgãos, perda de audição e muitos outros problemas. Se estiver no início da gravidez, não esqueça de solicitar ao seu médico o exame para que possa verificar se está infectada com o citomegalovírus.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Quelóide: identificando e tratando🤔

A cicatriz mais temida entre as mulheres. Ele mesmo: o queloide. Geralmente apresenta um formato inchado e muito desagradável de se olhar. É comum ser confundido com outros tipos de cicatrizes, que por sua vez são incorretamente qualificadas como queloides e precisam de tratamento para regredirem até o estado de uma cicatriz comum.

Discutiremos agora o que qualifica uma cicatriz como queloide e como pode ser tratado, além de outros tipos de cicatriz que são confundidas com o queloide.

O que é e qual a causa do queloide?

O queloide se forma quando a pele produz colágeno de forma excessiva. O colágeno é uma proteína que o corpo usa para unir a pele que tenha sofrido um corte. Com o excesso dessa “cola”, a cicatriz acaba atravessando a pele saudável e formando uma calosidade geralmente dolorida e avermelhada, que caracteriza o queloide. A cicatriz hipertrófica é a mais confundida com o queloide, pois ela cria um relevo na pele ferida. A principal diferença é que a cicatriz hipertrófica  desaparece naturalmente, após algum tempo da cirurgia (de 6 a 16 meses). Qualquer outro tipo de cicatriz não caracteriza um queloide e não deve ser tratada da mesma forma. Em caso de dúvida,  sempre consulte um dermatologista.

Quais os tratamentos para o queloide?

Antes de mais nada, o importante é identificar o queloide e evitar que ele progrida, porque quando mais cresce, mais difícil  é fazê-lo regredir. Pressioná-lo por com bandagens ou placas de silicone para fazer com que o excesso de colágeno não desponte na pele é um bom começo, e então faça um tratamento com corticoides, que vai impedir o acúmulo de colágeno.

Os lasers também são uma forma de tratamento, porém, ainda não tem eficiência comprovada, por esse motivo não são recomendados. A betaterapia, no entanto, é considerada um dos métodos mais eficazes no tratamento dos queloides. A betaterapia é um tipo de radioterapia para a pele, que faz com que o fibroblasto diminua a produção de colágeno, diminuindo assim a expansão do queloide.

Outra terapia, porém considerada mais extrema, é a operação do queloide, que “reinicia” a cicatriz. Ainda neste caso, o ideal é começar a betaterapia um dia depois da cirurgia.

É possível conviver com queloides?

Sim. Apesar de irem contra o padrão estético, alguns queloides acabam se formando , mesmo com todos os cuidados. Apesar de cicatrizes nunca serem muito agradáveis, também não podem ser encaradas como motivo para a perda da autoestima nem da autoconfiança. Se a cicatriz for um motivo para tirar sua paz, uma dica é criar uma tatuagem ou outros tipos de artes corporais para disfarçar queloides que não podem ser tratados, e cicatrizes em geral.

O principal, nesse caso, é tentar manter sua saúde e aprender a conviver com pequenos queloides. Sempre cumpra o pós-operatório à risca, sem desobedecer às ordens médicas. Essa é uma excelente forma de evitar dificuldades de cicatrização e queloides ou outras cicatrizes, que aparecem quando os pontos cedem demais.

Ser feliz, seja com ou sem queloide, é a coisa mais importante!

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Hidroquinona: clareamento natural da pele🤔

Hidroquinona é um composto ativo presente em vários medicamentos usados para o clareamento de manchas da pele, sejam elas manchas de nascença ou causadas por acidentes. Ainda que bastante eficiente, a hidroquinona tem algumas contraindicações e não pode ser usada sem aconselhamento médico.

Abordaremos agora as suas vantagens, a forma como funciona e também quais as contraindicações.

Como a Hidroquinona funciona?

A Hidroquinona é um composto químico natural que age na melanina da pele, ocasionando a diminuição dos sinais de idade, sardas e outras manchas escuras da pele. Ela elimina os depósitos de melanina que causaram as manchas indesejadas e anula o processo de síntese pelo qual a melanina passa e isso faz com que a cor da pele se uniformize.

A maior preocupação que se deve ter durante o uso da Hidroquinona é a questão da exposição da sua pele aos raios solares, visto que ela estará bem mais sensível. Recomenda-se que o tratamento com Hidroquinona seja feito à noite, e caso não tenha como fazê-lo em outro horário, nunca deixe de usar filtro solar no mínimo fator 50, para evitar  que novas manchas  apareçam e também para evitar queimaduras em geral, pois, como já comentamos, sua pele estará muito mais fragilizada.

Como devo usar a hidroquinona e quando começará a fazer efeito?

Você pode aplicar normalmente a pomada, mas não é recomendado seu uso em áreas sensíveis do corpo, como virilha e axilas, visto que a possibilidade de deixar a pele irritada, ainda mais por serem áreas de fricção, é enorme. Caso precise tratar manchas nessas regiões, você pode usar produtos específicos, que são mais sensíveis.

É comum a pele apresentar vermelhidão nos primeiros dias de uso, uma vez que existem células da pele que estão sendo eliminadas no processo. No entanto, se ocorrerem irritações da pele como pequenas pústulas e bastante coceira, suspenda o tratamento e procure um dermatologista.

Quais outros problemas o uso da Hidroquinona pode causar?

Crianças e gestantes não podem usar Hidroquinona. Ainda que você não pertença a nenhum desses dois grupos, existe a possibilidade de você apresentar alergia devido ao uso do produto, portanto, faça um teste aplicando uma quantidade pequena do produto antes de tratar uma área grande do corpo, especialmente se a mancha estiver localizada em uma área sensível, como o rosto.

Há quem diga que o uso da Hidroquinona pode causar câncer, no entanto, não há nenhuma conclusão a esse respeito. Por outro lado, como o produto causa uma alteração celular, a hipótese não está completamente descartada. Como os estudos sobre essa possibilidade ainda não chegaram a nenhuma conclusão, não se deve entrar em pânico. É provável que isso ocorra apenas em casos de superdosagem.

Além de gerar alergia, a utilização da Hidroquinona pode criar grandes manchas de tons azulados, chamadas de ocronose, que são praticamente impossíveis de sair. Por esse motivo recomenda-se terminantemente que a dosagem seja reduzida depois de um mês.

Agora que você tem todas essas informações, já sabe que é sempre importante consultar um dermatologista para que possa iniciar o tratamento com segurança.

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

🥇Cirurgia plástica: cuidados e questões relacionadas🤔

Apesar de comum nos dias de hoje, cirurgia plástica é um tema bastante polêmico. Ainda mais no que se refere às motivações que levam as pessoas a fazê-las. Sempre que vemos artistas e pessoas famosas apelando a elas, seja para para conter o avanço do tempo ou para se manterem dentro dos padrões de beleza, pensamos no quanto isso pode ser prejudicial para uma sociedade que é influenciada por pessoas da mídia, e talvez a forma como as pessoas encaram estes procedimentos pode estar errada.

Por esse motivo, resolvemos comentar sobre os cuidados que as pessoas devem tomar antes mesmo de optar por uma cirurgia plástica e também o quanto podemos estar equivocados na forma como tratamos nossos corpos.

Para quem é feita a cirurgia plástica?

A cirurgia plástica deveria ter como intuito o aperfeiçoamento de nossos corpos, para que pudéssemos criar uma imagem externa que tenha mais relação com a forma como nos sentimos por dentro. Se, devido a algum problema ou  até mesmo por dificuldades da vida, ganhamos mais peso do que o desejado, ou temos alguma marca de nascença que nos incomode profundamente, ou ainda algum aspecto do corpo que não nos agrada, como a falta de simetria entre os seios e os quadris, ou algo nesse sentido. Esses deveriam ser os principais motivos.

O grande problema, é que nem sempre são esses os motivos que nos levam a fazer uma, ou até mesmo várias cirurgias plásticas.

Várias vezes ouvi histórias de mulheres bem jovens que fizeram cirurgias plásticas perigosas devido às pressões da sociedade ou até mesmo dos familiares. Isso é muito triste.

Devemos ter plena consciência de  que precisamos agradar apenas a nós mesmas quando tomamos a decisão de fazer uma cirurgia plástica.

Preciso de acompanhamento psicológico antes?

Sim. Essa é uma parte imprescindível do processo da cirurgia plástica. Além de investigar a fundo quais as motivações para tal procedimento, o acompanhamento psicológico prepara a paciente para encarar as mudanças que vão acontecer na vida dela como resultado da cirurgia plástica.

Mesmo que seja uma cirurgia plástica considerada pequena, ser sedada e acordar diferente, mesmo que ciente previamente disso, pode ser bem chocante, ainda mais se a marca ou a imperfeição que foi corrigida tenha sido algo traumático.

Para algumas, mesmo após a cirurgia, a marca continua. Por esse motivo o acompanhamento psicológico se torna imprescindível. Caso você esteja em situação semelhante e deseja realizar uma cirurgia plástica, procure um psicólogo antes, pois isso pode ser algo bem mais sério do que um problema estético, visto que a forma como enxergamos a nós mesmos pode ser nublada por problemas psicológicos.

O que fazer após a cirurgia plástica?

Não há nada novo no fato de que existe um certo período de recuperação física de, ao menos um mês após a realização da cirurgia plástica, no entanto,  algumas pessoas podem enfrentar maiores dificuldades de adaptação do que isso.

Um detalhe bem importante, especialmente quando falamos de cirurgias plásticas relacionadas à emagrecimento, é questionar se a causa do ganho de peso foi tratada antes da cirurgia plástica, pois  realizar, por exemplo, uma abdominoplastia, para após um período recuperar o peso que havia sido perdido e anular os resultados da cirurgia, além de causar riscos de desenvolver algum efeito colateral, é algo bastante complicado.

Sendo assim, é sempre importante ser muito sincera consigo mesma e também durante o acompanhamento psicológico pré-cirúrgico, mesmo que isso signifique adiar ou até mesmo descartar a possibilidade de realizar o procedimento naquele momento.

Que tal conferir o vídeo que separamos para você sobe o assunto?

🥇Terapia florais de Bach: entenda como funciona🤔

O que é a terapia dos florais de Bach?

A terapia dos florais de Bach foi desenvolvida em 1929 por um médico britânico chamado Edward Bach. Trata-se de uma terapia alternativa e holística que utiliza um sistema simples, mas extremamente eficiente, no qual as doenças do corpo físico também são tratadas com um viés mais psicológico.

Utilizando essências em álcool comestível, esse sistema é totalmente natural e funciona de forma sutil em relação aos remédios alopáticos, uma vez que não são usados compostos químicos puros, mas as tinturas diluídas em um tipo de uísque.

Saiba agora como esses remédios naturais podem mudar positivamente sua vida e a importância de procurar um especialista para direcionar sua utilização.

Como funcionam os florais de Bach?

De acordo com essa terapia, seu aspecto emocional afeta diretamente em seus problemas físicos. Devido a vários estudos, todos sabemos que, de fato, altos níveis de stress podem, sim, evoluir para condições psicológicas que consequentemente, afetam o organismo. A abordagem da terapia dos florais de Bach age na raiz do problema e pode prevenir dificuldades futuras, além do fato de que os florais podem ajudar de forma sutil nos problemas de cunho emocional e de uma forma muito menos agressiva do que remédios moduladores de humor.

Os florais apresentam uma proposta bastante simples, mas inegavelmente eficiente. A terapia florais de Bach apresenta 38 remédios, que são misturados, em quantidades diferentes para cada problema a ser tratado. Uma vez que cada um dos florais está estritamente relacionado a um tipo de emoção e, consequentemente, com um problema. Não vamos abordar os 38 remédios, mas a forma como eles são extraídos é muitíssimo interessante.

Cada um dos remédios é feito com uma mistura de flores e plantas diferentes, que por sua vez são extraídas das plantas por meio de aquecimento da água, o que chama-se de tintura matriz. Dessa tintura matriz são feitas várias diluições em uísque até chegar no resultado final, que é então vendido nas farmácias naturais. As flores e plantas  que forem mais delicadas, são colocadas em taças de água e expostas ao calor do sol, para que a tintura seja produzida e as que são mais lenhosas e resistentes, são submetidas ao método de fervura padrão, obtendo assim a essência mais pura da planta, e  também os resultados menos agressivos.

Por que é preciso procurar um especialista?

Uma vez que, aparentemente, não há riscos, você pode considerar a automedicação, afinal, tudo não passa de “essências de plantas e uísque”, certo?

Errado! Além de ser uma atitude desrespeitosa para com os profissionais de naturologia, a automedicação com tentativas de reproduzir seus próprios Florais de Bach, é perigosa para sua saúde física e psicológica.

Não ache que só porque a ação da terapia dos florais de Bach é mais sutil do que as outras oferecidas com medicamentos de farmácia, por exemplo, que ela, se usada erroneamente, não possa trazer consequências graves à sua saúde. É imprescindível estar sempre orientado por um terapeuta de confiança, para que a dosagem seja ministrada adequadamente e o resultado seja adequado.

Além do mais, também é muito importante que seu médico seja informado do tratamento com florais, pois, apesar de praticamente inexistente, há uma chance de o álcool, em interação com outros remédios, desencadear algum tipo reação indesejada.

A terapia com os florais de Bach podem ser úteis em várias situações, e justamente por ter um efeito preventivo, pode ser considerada um paliativo sem igual para aliviar problemas crônicos. Aconselhamos que você procure um terapeuta de sua confiança e questione-o sobre os Florais de Bach.

Que tal conferir um vídeo que preparamos para você sobre o assunto?

 

🥇Gravidez: cuidados para a mulher moderna🤔

 

Houve uma mudança extremamente significativa na vida das mulheres nos últimos 30 anos. Nos dias de hoje, não é tão difícil encontrar mulheres em funções de comando – como exemplo tivemos até a primeira presidente mulher da nossa história!- e cada vez mais existem mulheres assumindo o papel de comando de suas famílias e, mais do que isso, no comando de suas próprias vidas.

Entretanto, esses fatos não deveriam interferir o processo de gravidez de uma mulher, embora todos saibamos que isto não é a pura verdade. A sociedade ainda não está totalmente preparada para lidar com esta questão, e sabemos que há pouca ou nenhuma consideração pelas necessidades especiais as quais uma mulher grávida tem de enfrentar no mercado de trabalho.

Falemos de alguns cuidados fundamentais para as gestantes que trabalham, e também como manter a gravidez tranquila, mesmo nos dias em que a situação da empresa estiver indo de mal a pior.

Como administrar uma gravidez e uma empesa?

Como vocês sabem, existem algumas vantagens e também desvantagens que abrangem cada cargo que você ocupa em uma empresa, e dependendo da sua situação, é muito importante seguir com uma postura comunicativa e eficiente.

  • Se você for contratada dentro do regime CLT, você tem muitas garantias, mas certamente você não vai permitir que sua gravidez seja um empecilho para sua carreira, nem o contrário. Alcançar o equilíbrio é fundamental, bem como a honestidade, pois seus colegas de trabalho e superiores irão certamente entender suas necessidades diferenciadas durante esse período. Apesar de ter menos garantias, os cargos terceirizados e as autônomas também possuem algumas vantagens.
  • Se você for empresária, tente adequar seu regime de trabalho para que a empresa consiga se manter durante sua gravidez. Pense que seus gestores devem ser muito bem instruídos, além de terem a autonomia para decidir coisas de menor importância. Se você é uma trabalhadora compulsiva, sua gravidez certamente será a cura.

  • Não existe nada que seja mais importante do que o pré natal. Remarque qualquer compromisso que possa coincidir com uma consulta pré natal. Se não for possível reagendar, mande um substituto ao compromisso.
  • Evite o stress sempre que possível e alimente-se da forma mais saudável que conseguir. Isso fará muita diferença na saúde do bebê, e também na sua recuperação depois do parto.

Quais as fragilidades da gravidez?

 

Em vários momentos da gestação, devido à grande quantidade de hormônios em ação no seu organismo, você se sentirá mais frágil e sensível, podendo até mesmo entrar em desespero e se sentir mal por perder o controle.

Esteja certa de que isto é normal, ainda mais que se você estiver em um cargo estressante, a gravidez vai fazê-lo parecer ainda pior.

Atualmente as empresas tendem a ser bem mais humanizadas que no passado, devido à repercussão negativa que algo assim pode trazer para a imagem da empresa frente à sociedade. Espera-se que uma companhia leve em consideração as particularidades de uma gestante, e que também entenda que nem sempre a funcionária vai conseguir produzir tanto quanto antes.

Como pudemos perceber, o principal segredo para manter equilibradas carreira e maternidade é saber quais são suas prioridades, que variam de acordo com o momento.

Seja como for, o que realmente importa é nunca deixar de curtir as maravilhas da gravidez em prol de uma carreira.

 

Que tal conferir o vídeo que separamos para você sobre o assunto?

🥇Os perigos da automedicação🤔

O que é automedicação?

Na maioria das vezes vista como recurso imediato para aliviar uma dor ou mal estar, a automedicação é uma prática utilizada pela maior parte das pessoas. Os motivos para que isso aconteça são inúmeros:  a falta de acesso ao atendimento de um médico, a falta de recursos financeiros, o costume de sempre tentar curar os problemas de saúde pedindo a opinião de amigos e parentes, etc. Também tem culpa, em partes, a numerosa divulgação sobre medicamentos, que pode induzir pessoas leigas a usarem medicamentos inadequadamente. É muito importante frisar aqui que nenhum medicamento, por mais inofensivo que possa parecer, está livre de efeitos colaterais.

A automedicação pode oferecer consequências muito sérias e é considerada um problema de saúde não somente no Brasil, mas no mundo todo. Pesquisas do Sistema Nacional de Informações Tóxico-Farmacológicas (SINTOX) apontam que medicamentos ministrados de forma indevida são a principal causa de intoxicação no território nacional.

O que a automedicação pode causar?

Por causa de seu fácil acesso, analgésicos, antitérmicos e anti-inflamatórios estão no topo da lista de medicamentos que mais provocam intoxicação. O uso desmedido de medicamentos pode desencadear ou até mesmo agravar doenças ao encobrir determinados sintomas, causar reações alérgicas severas além de intoxicações. No que se refere à automedicação com antibióticos, o perigo é ainda mais grave: isso aumenta a resistência dos microorganismos a determinado medicamento e compromete a eficácia de tratamentos futuros.

Além disso, um dos principais pontos de atenção é o que chamamos de interação medicamentosa. Isso acontece quando dois medicamentos são utilizados juntos e três situações podem acontecer: um remédio potencializa o outro, um anula completamente os efeitos do outro ou ainda um dos medicamentos pode modificar a absorção do outro pelo corpo. Sem falar nos casos em que a ingestão de medicamentos acompanha o uso de outras substâncias prejudiciais como bebidas alcoólicas, cigarro ou entorpecentes.

Outro problema comum nos casos de automedicação, provavelmente por ausência de conhecimento, é crer que qualquer medicamento categorizado como fitoterápico está livre de contra indicações. Medicamentos, sejam eles fitoterápicos ou homeopáticos, só devem ser usados com orientação de um profissional. É extremamente comum que pacientes apresentem reações indesejadas com o uso de medicamentos desse tipo e, mesmo assim, continuem a utilizá-los pela falsa crença de que o remédio não é industrializado, só porque possui algum extrato vegetal em sua composição.

Quais os riscos da automedicação?

Entre os riscos mais comuns do uso indiscriminado de medicamentos, estão:

  • A automedicação pode levar a falsos diagnósticos, com possibilidade de piorar uma doença;
  • Apenas um médico pode orientar sobre o uso correto ou troca dos medicamentos prescritos;
  • Sintomas iguais nem sempre têm causas iguais. Sintomas são apenas indicadores de que algo está incorreto no organismo;
  • Medicamentos antes prescritos podem não ser eficazes se empregados em uma reincidência da doença;
  • Interações medicamentosas podem ter consequências gravíssimas.

Se você acha que apresenta um problema de saúde, busque um médico o mais rápido possível e tente evitar recomendações de conhecidos. Caso vá comprar medicamentos de venda livre, ou seja, que não exigem bula, como um analgésico, é de suma importância buscar auxílio do farmacêutico. Ele é responsável pela manipulação e pela venda de medicamentos. Não caia na ideia antiquada de que ele é somente a pessoa que atende no balcão da farmácia. Em muitos casos ele poderá orientar sobre o medicamento mais indicado e também sobre interações entre os remédios.

Que tal conferir um vídeo que preparamos para você sobre esse assunto?

🥇Benefícios em dançar🤔

A dança é uma das manifestações artísticas mais antigas que existem, tendo nascido naturalmente com a criação da música. Na Antiguidade a dança também era praticada como forma de homenagear os deuses. É considerada uma das primeiras manifestações artísticas, tendo surgido juntamente com a criação da música A dança é conhecida por trazer benefícios à saúde, tendo um papel importante no emagrecimento e combatendo diabetes, síndrome do pânico, depressão e até mesmo alguns tipos de câncer. Atualmente existe uma variedade enorme de tipos de danças, então citaremos os benefícios de algumas delas: a dança do ventre, a dança de salão e também a zumba.

Dança do Ventre

A dança do ventre tem uma origem um tanto desconhecida, sabe-se apenas que se deu entre 7000 e 5000 anos antes de Cristo, nas regiões do Oriente Médio e da Ásia Meridional. Seu objetivo era preparar as mulheres através de ritos religiosos que eram dedicados aos deuses da fertilidade, para que pudessem se tornar mães. Com a invasão muçulmana da Península Ibérica, a dança se espalhou mundo afora e ganhou  um caráter sensual, chegando a ser proibida em alguns países árabes de posicionamento conservador.

 Benefícios

  • Fortalece e enrijece as pernas, glúteos, barriga, ombros e braços;
  • Os órgãos internos são massageados devido aos movimentos oscilantes;
  • Corrige a postura da coluna;
  • Aumenta a auto-estima;
  • Valoriza e modela os seios;
  • Queima muitas calorias, contribuindo para o emagrecimento;
  • Melhora a coordenação motora e o equilíbrio;

Dança de Salão

Essa denominação, na verdade, refere-se a mais de um tipo de dança, executada sempre por um par de dançarinos. A dança de salão possui diversas origens: algumas nasceram, inclusive, no Brasil, como o forró, a lambada, o samba de gafieira, o maxixe e outras. Ao redor do mundo são realizadas inúmeras competições de dança de salão. A dança de salão sempre exerceu um papel social, já que em sua origem, era através das danças na corte que se reuniam pares destinados ao casamento.

Benefícios

  • Aumento da confiança e perda da timidez;
  • Equilíbrio emocional;
  • Estímulo da circulação sanguínea;
  • Aumento dos batimentos cardíacos;
  • Melhora na capacidade respiratória;
  • Bem estar físico e psicológico;
  • Queima muitas calorias.

Zumba

A zumba une  dança e exercícios e foi inspirada nas danças latinas, desenvolvida por um coreógrafo e bailarino de Miami chamado Alberto Perez. A zumba logo se tornou febre em todo o mundo, devido à possibilidade de associar o exercício físico com a diversão, além do fato de poder ser praticada por todas as pessoas.

Benefícios

  • Trabalha e enrijece músculos inferiores, como coxas, glúteos, panturrilhas e os músculos do abdômen, cintura e quadril;
  • As coreografias são mais fáceis de aprender;
  • Não há discriminação: não é preciso saber dançar para praticar zumba;
  • Queima de 500 a 1000 calorias, dependendo da intensidade do treino;
  • Eleva a auto-estima;
  • Prática alegre e divertida;
  • Melhora a coordenação motora e melhora os reflexos.

Com o passar dos anos, as danças perderam seu caráter unicamente sagrado e se tornaram um tipo de manifestação da linguagem corporal, além de um meio de engajamento social e entretenimento.

Que tal conferir o vídeo que separamos para você sobre o assunto?

🥇Exercícios para queimar calorias: Veja aqui a lista com os melhores!🤔

Atualmente o padrão de saúde exige que muitas pessoas busquem um corpo mais magro e saudável. Homens e mulheres praticam exercícios físicos diariamente para queimar aquelas colorias extras. Não é um objetivo fácil de ser alcançado e é necessário muito esforço  e força de vontade, mas com os exercícios certos você chega lá. Para secar, invista nos exercícios que queimam calorias. Entre eles, escolha aqueles que melhor se adaptam ao seu condicionamento físico e vá em frente. Antes de iniciar qualquer atividade, procure fazer um check-up com seu médico. Veja algumas dicas de exercícios para queimar calorias.

Quais os exercícios para queimar calorias?

Qualquer atividade que você faça queima calorias, algumas mais e outras menos. Se você pretende emagrecer e desenvolver resistência física, ter mais disposição naquela subida, por exemplo, você deve investir em exercícios aeróbicos, que são aqueles que usam o oxigênio para gerar energia. De moro geral esses exercícios trabalham vários grupos musculares ao mesmo tempo e de forma rítmica, por esse motivo são excelentes para queimar calorias.

Confira uma lista com os melhores deles:

Caminhada

É um ótimo exercício que pode ser praticado por qualquer pessoa, pois não causa grande impacto sobre as articulações, assim como a natação. Se você não pratica nenhum tipo de atividade física, uma caminha de 10 a 15 minutos pode trazer efeitos incríveis para a sua saúde e corpo. Dentre os benefícios da caminhada, estão:

  • melhora a capacidade respiratória;
  • melhora a circulação sanguínea;
  • ajuda na perda de peso;
  • Previne a osteoporose;
  • Promove a saúde do cérebro;
  • Diminui a sensação de cansaço e sonolência;
  • Ajuda a controlar a vontade de comer;
  • Previne derrames e infartos;
  • Causa sensação de bem-estar.

Dentre muitos outros outros benefícios.

Como posso praticar?

No início você pode praticar caminhadas 3 vezes por semana, de 10 a 15 minutos. Depois de um tempo, quando não se sentir mais tão cansado com esse tempo, aumente gradativamente para 20 depois para 30 minutos. Você também pode aumentar a frequência do exercício, caminhando mais dias na semana, a medida que seu corpo vai criando mais resistência e se acostumando ao exercício. Se depois de um tempo você ainda não quiser ou puder mais que 3 vezes por semana, você pode aumentar a duração do exercício.

Se você deseja auxiliar a perda de peso com a caminhada, é necessário que caminhe por mais tempo e que adquira um ritmo um pouco mais acelerado. Você pode praticar na rua ou em casa se tiver uma esteira.

Corrida

Essa é uma das formas mais rápidas de emagrecer, e também traz muitos benefícios à saúde: melhora o condicionamento cardíaco e também melhora o funcionamento do cérebro. Correr durante uma hora gasta em média 900 calorias. Além disso a corrida:

  • Melhora a circulação sanguínea;
  • Controla a pressão arterial;
  • Melhora a auto-estima;
  • Diminui o nível de estresse;
  • Combate a depressão;
  • Fortalece as articulações dos joelhos;
  • Reduz as dores nas pernas;
  • Melhora a memória;
  • E também gasta muitas calorias, o que leva ao emagrecimento.

Como posso praticar?

Corra de 30 a 45 minutos, três ou quatro vezes por semana. Algumas pessoas gostam tanto que fazem da corrida um estilo de vida e passam a praticar o exercício mais frequentemente ou por mais tempo.

Para começar a correr é necessário que você escolha um tênis com bons amortecedores, para que possa diminuir o impacto que a pisada causa na coluna durante a corrida.

Ciclismo

Pedalar é outro exercício que não é prejudicial às articulações . Dependendo da intensidade e do tempo, pode gastar em média 840 calorias.  Assim como a corrida, essa atividade também melhora o condicionamento cardíaco e promove a saúde do coração. Além disso, andar de bicicleta

  • Ajuda a perder peso;
  • Previne as doenças cardiovasculares;
  • Ajuda a se recuperar de lesões e artrite;
  • Ajuda a tratar depressão, ansiedade e o nível de estresse;
  •  Aumenta o tônus muscular;
  • Melhora a coordenação motora.

Como posso praticar?

Antes de começar, sempre ajuste o banco da bicicleta para a altura do seu quadril. Você nunca deve esticar toda a perna para pedalar, pois isso pode desgastar o joelho e a coluna. Ajuste o banco, escolha um lugar tranquilo ou com ciclovia e começa a pedalar. Você pode começar pedalando de 20 a 30 minutos e aumentar o gradativamente o tempo e a intensidade do exercício. Você deve praticar no mínimo 3 vezes por semana.

Natação

Além de ser um exercício gostoso, é aeróbico, intenso e também não causa impacto nas articulações.  Praticar natação trabalha toda a extensão do corpo e aumenta sua flexibilidade. Nadar durante uma hora queima em média 540 calorias, dependendo da intensidade. A natação também:

  • Melhora a artrite;
  • Aumenta a força e o tônus muscular;
  • Melhora a saúde do coração;
  • Ajuda na perda de peso;
  • Melhora a asma e as alergias;
  • Ajuda no controle do colesterol;
  • Auxilia no tratamento de depressão, ansiedade e estresse.

Como posso praticar?

Para ter todos esses benefícios o ideal é que você pratique natação com o acompanhamento de um profissional. Você deve escolher um lugar com piscina e equipamentos apropriados. Nunca deixe de se alongar antes de começar a nadar, para evitar cãibras.

Pular corda

Assim como correr, pular corda é um exercício que queima um alto nível de gordura. Para começar a atividade é preciso testar suas condições físicas, pois o esforço e o impacto são fortes, assim como na corrida. A corda pode ser facilmente trasportada e você pode pular em quase tudo lugar. Tudo o que precisa é de algum espaço. Praticar este exercícios traz muitos benefícios e entre eles:

  • Melhora o equilíbrio;
  • Queima uma grande quantidade de calorias;
  • Melhora coordenação motora;
  •  Melhora a saúde do sistema cardiovascular;
  • Melhora o tônus muscular;
  • Ajuda a recuperar lesões;
  • Melhora a saúde os ossos.

Como praticar?

Para que o exercícios traga benefícios e não prejudique seu joelhos e nem sua coluna, você precisa pular do jeito certo. Assista o vídeo abaixo para aprender a maneira correta de pular corda:

🥇Jejum intermitente: O que é? Como fazer? Faz mal?🤔

Perder peso não é só  questão de estética. Muitas pessoas precisam se reeducar com dietas para melhorar sua saúde. Dependendo do objetivo e das metas, uma dieta pode ser mais eficaz que a outra, dar resultados mais rapidamente ou oferecer menos restrições alimentares. Seja qual for seu motivo para estar lendo esste artigo sobre o jejum intermitente (também chamado de JI), iremos esclarecer todas as possíveis dúvidas sobreo J, explicar como fazê-lo, citar os benefícios, se ele pode fazer mal, se qualquer pessoa pode praticá-lo e muito mais. Leia esste artigo até o final e aprenda tudo sobre o Jejum Intermitente.

O que é jejum intermitente?

O Jejum Intermitente nada mais é do que uma dieta em que você deve ficar sem comer por um tempo e pode se alimentar em outros momentos, os quais são chamados de janelas de alimentação.

Como fazer este Jejum?

Existem muitas formas de fazer o jejum intermitente. principal diferença entre elas é o período em que a pessoa pode ficar sem comer. Veja a seguir como fazê-lo:

Método 16/8

Nesse método, você jejua 16 horas por dia e encaixa 2 ou 3 refeições durante a janela de alimentação, que tem a duração de 8 horas. No JI, um jeito fácil de ficar 10 horas sem comer é deixando de tomar o café da manhã e fazendo a primeira alimentação do dia algumas horas mais tarde. No jejum intermitente, o importante é o tempo em que a pessoa consegue ficar sem comer. Outra dica é jantar cedo. Desse jeito é fácil fazer essas 16 horas de jejum, contando com as 8 horas de sono.

Dieta 5/2

Nessa dieta você pode comer normalmente por um período de 5 dias na semana e precisa consumir apenas 500 calorias durante os outros 2 dias da semana.

Come-Para-Come

Quando você faz jejum durante de 24 horas seguidas, em um ou dois dias na semana, podendo comer normalmente nos outros dias.

Jejum em dias alternados

Você delimita uma quantidade máxima de calorias para ingerir em dias alternados.

Dieta do guerreiro

Nessa dieta você pode comer frutas e vegetais crus durante o dia e uma refeição bem elaborada à noite.

Pular uma refeição:

Como o nome diz, você pula uma refeição para aumentar o tempo que passa em jejum. Todos fazemos jejum durante a noite,  pois deixamos de comer por um período de até 8 horas e quebramos o jejum ao acordar, tomando um café da manhã reforçado – afinal, dizem que é a refeição mais importante do dia. Ao pular o café da manhã você aumenta o tempo de jejum e diminui algumas calorias.

Aconselhamos que você consulte um médico endocrinologista ou um nutricionista para que possa escolher a melhor forma de fazer o jejum intermitente.

Quais são os benefícios do jejum intermitente?

Existem diversos especialistas que acreditam que o benefício mais importante do jejum intermitente é diminuir a quantidade de refeições por dia. Além disso você pode acordar mais tarde, afinal não precisará preparar o café da manhã e se alimentar antes de sair de casa. Gasta-se menos dinheiro na rua, com lanches de 3 em 3 horas, e tem-se um dia mais produtivo, já que você também não faz pequenos intervalos para se alimentar no decorrer do dia.

Outra vantagem é a perda de peso, que acontece se a pessoa não compensar a quantidade de comida ingerida durante a janela de alimentação. A ideia é lógica: Comendo menos, o consumo de calorias é menor. Além disso, durante o jejum intermitente o corpo passa a usar a gordura de reserva como fonte de energia.

O jejum intermitente pode fazer mal?

A resposta mais prática é: não. Você pode ficar até 36 horas sem comer sem com que faça mal.

O jejum intermitente só é contra-indicado para gestantes, lactantes, idosos, diabéticos. Pessoas que fazem uso contínuo de medicamentos que deixem o sistema imunológico prejudicado ou pessoas com desordens alimentares, como anorexia e bulimia, por exemplo, também não devem aderir.

Confira o vídeo que separamos para você ficar ainda mais por dentro do assunto:

🥇Ácido Glicólico: Conheça este poderoso aliado nos cuidados da pele!🤔

Fazer uso de cremes para melhorar as imperfeições da pele e retardar o envelhecimento é sempre um bom investimento, afinal, manter a pele saudável nunca é demais! Existem muitos cosméticos que podem ajudar e o ácido glicólico está presente na composição de muitos deles. O ácido glicólico ajuda a aperfeiçoar ainda mais o seu rosto e apresenta vários benefícios que vão deixar sua pele muito mais bonita e jovem.

O que é ácido glicólico?

O ácido glicólico é um alfahidroxiácido, proveniente da cana de açúcar e de vegetais doces. Ele é um ácido incolor e inodoro. A sua fórmula contém os seguintes componentes:

  • Ácido Glicólico – 4%
  • Alfa-arbutin – 2%
  • AA2G – 2%
  • Alfa bisabolol – 1%
  • Hidroquinona – 2%

Qual a utilidade do ácido glicólico?

Saiba que ele foi testado e aprovado pela ANVISA, e serve, de maneira geral, para melhorar sua pele em vários sentidos, tendo como alguns de seus benefícios:

  • Rejuvenescimento da pele;
  • Redução das linhas de expressão e rugas;
  • Diminuição os poros;
  • Combate ao envelhecimento da pele do rosto;
  • Redução das cicatrizes de acne;
  • Diminuição das estrias.

Como você pode ver, as vantagens são incríveis!

Como funciona o ácido glicólico?

Os seus componentes funcionam como radicais livres e ajudam a produzir mais colágeno. A fórmula do ácido glocólico tem menos estrutura molecular do que os outros ácidos, o que o torna menos invasivo e melhora a absorção pela pele se comparado ao ácido retinóico, que é um famoso componente usado em cremes para a melhora da pele. Além das vantagens, oferece menos efeitos colaterais.

Para quem é indicado este produto?

O ácido glicólico é indicado para pessoas que querem deixar a pele melhor, suavizar manchas e linhas de expressão, cicatrizes, poros e estrias.

Este produto possui alguma contra-indicação?

Infelizmente sim. O ácido glicólico não deve ser usado nos seguintes casos:

  • Durante o período de gravidez;
  • Durante a amamentação;
  • Pele sensível;
  • Pele exposta ao sol com frequência;
  • Pele recém queimada;
  • Pele negra;
  • Pele com infecções.

O uso em peles sensíveis e com alergia ao produto pode ocasionar manchas, queimação na pele e até mesmo formação de bolhas. No caso de alta exposição ao sol pode causar vermelhidão, descamação e manchas.

Também não é indicado aplicar nas pálpebras para não provocar irritação nos olhos. Caso você aplique em estrias nas pernas, evite a depilação com cera, pois o ácido glicólico pode deixar a região sensível e causar queimaduras.

Posso usar o ácido glicólico para clarear manchas na pele?

Certamente. Esse, inclusive, é um dos benefícios que o ácido glicólico oferece. Ele tem poder de descamar a pele e fazer com que ela se renove, dando efeito esfoliante que proporciona clareamento.

Como usar o ácido glicólico?

Ele pode ser usado em forma de peeling ou em produtos que contenham o ácido em sua fórmula. Cada um tem sua forma de ser aplicado é é importante ler o modo de usar. A aplicação sempre deve ser feita na pele limpa (lavada com sabonete especial), desengordurada e seca. Também é sempre recomendada a aplicação do protetor solar de FPS alto após o uso do ácido glicólico para proteger a pele dos efeitos do sol.

É importante frisar que o uso do ácido glicólico deve ser prescrito por um médico que possa orientar sobre a quantidade do componente para o seu tipo de pele.

Em quanto tempo os resultados aparecem?

O tipo de tratamento que oferece resultados mais perceptíveis em menos tempo é o peeling, que apresenta a mistura mais concentrada. Em questão de poucas semanas já é possível notar as melhoras na sua pele. Se for usado no tratamento diário com cremes, Você terá resultados visíveis a partir do segundo ou terceiro mês de uso.

Onde posso comprar o ácido?

Você encontra o ácido glicólico em lojas de cosméticos em forma de cremes, sabonete, gel, pomada, sérum e além disso também encontra em farmácias físicas, online e farmácias de manipulação.

Ácido glicólico da Hinode

A Hinode oferece a versão do ácido glicólico em forma de spray em um frasco de 30 ml. A concentração é de 6% e o valor é R$62,00. A versão em spray auxilia na remoção das células mortas e facilita a eliminação da camada queratinizada.

Ácido glicólico da Adcos

A Adcos também possui um produto com ácido glicólico em sua composição. Em versão de creme facial em gel, possui 50 g. Sua composição tem:

  • Ácido glicólico 10%;
  • Niacinamida 4%;
  • Dermawhite;
  • Complexo Reparador e Nutritiv.

Você encontra o produto pelo valor de R$220.

Confira o vídeo que selecionamos para você, que fala mais sobre o assunto:

🥇Manchas vermelhas na pele: Saiba o que pode ser🤔

Provavelmente já aconteceu com você alguma vez: perceber uma ou até mesmo várias manchas avermelhadas em uma parte do corpo durante o banho ou troca de roupas. Assim como podem ser pequenos problemas, associados a outros sintomas, as manchas vermelhas podem ser algo bem mais grave.

Para que você entenda quais são os verdadeiros riscos de manchas avermelhadas na pele, vamos falar mais das doenças que apresentam manchas vermelhas como um de seus sintomas, como se prevenir e saber a hora de procurar auxílio médico.

Manchas avermelhadas na pele: Devo esperar dois dias para ver se saem?

O antigo conselho de esperar um ou dois dias para ver se as manchas desaparecem não é, nem de longe, a mais aconselhável. Se as manchas se somarem a outros sintomas, você pode ter algo muito mais grave, dificultando o tratamento por ter demorado a diagnosticar.

Fato é que a forma mais inteligente é notar outras alterações que acompanhem as manchas vermelhas na pele, mesmo que diminuídas por algum tipo de medicação que você tenha tomado recentemente. Você sabia que a Dengue e o Zika vírus causam manchas vermelhas e podem ter outros sintomas amenizados por remédios com paracetamol?

Vejamos agora  algumas dessas doenças, os sintomas que você pode apresentar, a gravidade de cada uma delas e, além disso, apresentaremos características específicas de cada mancha, para facilitar a identificação de cada caso.

Alergia:

As alergias podem ser externas ou internas, e são quase sempre acompanhadas de coceiras, incômodos estomacais (quando a alergia é alimentar), algumas vezes  até mesmo o bloqueio das vias respiratórias e outras situações. Dependendo quantidade e da gravidade das manchas, é muito importante consultar um médico para verificar a necessidade de tomar um antialérgico.

Eczema:

Esse é um problema um pouco mais sério, pois trata-se de um processo inflamatório que causa manchas avermelhadas e doloridas na pele, onde costuma formarem-se feridas devido ao atrito da coceira. É de suma importância ir ao médico o mais rápido possível, para que um anti-inflamatório seja receitado.

Micose:

O quadro de micose apresenta manchas vermelhas na pele, mas além disso também podem ser esbranquiças e outras  manchas ainda podem desenvolver outras cores, dependendo da causa. Não é uma doença tão grave, mas mesmo assim pode ser bem inconveniente.

Dengue e relacionados:

A dengue, bem como a malária, o Zika vírus e a Chikungunya são vírus relacionados e também podem formar manchas vermelhas na pele, mas além das ,manchas eles são acompanhados de outros sintomas como febre, vômitos e dores no corpo. Se você suspeitar de uma destas doenças, procure imediatamente auxílio médico, pois o quadro pode se agravar rapidamente nos dias seguintes.

Devo procurar um médico por apresentar manchas vermelhas no corpo?

Às vezes estes pequenos sintomas, principalmente quando persistem e quando se está recuperando de um quadro complicado, podem ser um sinal de um novo desafio à sua saúde, então é melhor manter o  seu médico a par da situação, pois ele pode iniciar rapidamente o tratamento de uma doença muito mais complicada, que pode ser identificada, por exemplo, com o pedido de um exame de sangue, e pode ser tratada com mais tranquilidade por ter sido descoberta logo no início. Em suma, seu médico sempre deve estar a par de qualquer situação para melhor aconselhar.

O que pode ser manchas vermelhas durante a gravidez?

A gravidez é um momento bastante delicado, no qual a mulher passa por muitas transformações, principalmente no próprio corpo. Por isso, é bastante comum surgirem manchas na pele durante esse período. Algumas pesquisas apontam que 90% das mulheres notam o surgimento de manchas e vermelhidões no período da gestação.

O tipo mais comum é o melasma, porém, ele não possui uma cor avermelhada, mas um tom mais escuro do que o tom da pele. É bem importante saber identificar as características do melasma para conseguir diferenciar os tipos de manchas que possam surgir durante a gravidez. Para evitar o melasma, o principal cuidado que deve ser tomado é o uso do protetor solar todos os dias.

Porém, alguns casos de manchas avermelhadas durante a gravidez devem receber uma atenção extra. Isso porque esse é um dos principais sintomas de infecção pelo Zika vírus, como vimos anteriormente, que é o causador da má formação de bebês, causando microcefalia. Por isso, se você estiver grávida e perceber qualquer mancha vermelha na pele, é muito importante que procure um médico o mais rápido possível, para que ele possa examinar as manchas e avaliar se realmente são devidas a infecção pelo Zika vírus.

O que são manchas vermelhas na pele do bebê?

Se as gestantes precisam dedicar uma atenção especial quando o assunto é manchas na pele, com os bebês não é diferente, pois a pele deles é muito mais sensível que a dos adultos. Devido à sensibilidade, assim que você notar esse tipo de mancha na pele do bebê, procure imediatamente um pediatra. A principal causa das manchas avermelhadas nos bebês são as reações alérgicas, e o primeiro passo é identificar o causador da alergia. Pode ser devido à fralda, ou até mesmo o sabonete.

Outra causa bastante comum são as brotoejas, que se manifestam geralmente nos lugares em que e a pele sofre atrito, principalmente nas  sobrinhas das pernas. Além disso, o calor excessivo também pode favorecer o aparecimento de brotoejas. A principal forma de manter o bebê livre delas é cuidar para manter sua pele sempre sequinha e fresca.

Que tal conferir esse vídeo que separamos para você e que fala sobre o assunto?

🥇Foliculite: O que é? Quais as causas e tratamentos?🤔

Sabe aquele quela sensação desagradável causada por pelinhos encravados? Ninguém merece, né? E, além a parte estética, que, convenhamos, é importante, o surgimento desses pelinhos também podem evoluir para algo maior chamado de foliculite. Bateu aquela dúvida? Ou então aquela preocupação? É só ler esse texto até o final que você vai aprender sobre o que é a foliculite, como identificar os tipos, como tratá-la e se ver livre desse incômodo.

O que é foliculite?

A foliculite é a inflamação ou infecção dos folículos pilosos,  que são as cavidades na pele onde os pelos nascem. De forma simplificada, é  quando ocorre a inflamação do pelo encravado.  Essa inflamação tem como causa as bactérias do tipo staphylococcus aureus, que se desenvolvem na pele devido ao excesso de umidade, como o suor, ou até mesmo devido à alguma lesão, como resultado de uma depilação.

O aspecto é de pequenas bolinhas avermelhadas e salientes, e podem ou não conter pus. O resultado é uma pele irritada e áspera ao toque.

Quais os tipos de foliculite?

Existem dois tipos de foliculite, a superficial e profunda. Ainda assim, dentro dessas classificações existem subtipos:

  • Foliculite superficial

É o mais comum dos tipos de foliculite e afeta somente a parte superior dos folículos pilosos. Dentro da classificação de foliculite superficial, os subtipos são:

Foliculite Estafilocócica

Esse tipo ocorre quando é infectado por bactérias staphylococcus aureus, comumente chamadas de estafilococos. Ela surge em qualquer região do corpo que tenha pelos e causa coceira e pus nos folículos. No caso dos homens, esse tipo de foliculite também pode afetar a barba, sendo nesse caso também chamada de “coceira do barbeiro”. Nesses casos apresentados, não indicamos que a área seja raspada ou depilada, pois pode ferir ainda mais o local já irritado. O tratamento, geralmente, é feito com antibiótico tópico (pomadas ou sprays) ou oral (comprimidos).

Foliculite por pseudomonas (também chamada de foliculite da banheira quente)

Esse tipo é causado por bactérias chamadas pseudomonas aeruginosa e é chamada comumente de foliculite da banheira quente porque é o lugar mais propício para que essas bactérias se proliferem: ambientes aquáticos onde os níveis de cloro e o Ph da água não são muito bem regulados. Os sintomas, geralmente, são os mesmos: erupções avermelhadas na pele que coçam e apresentam pus. O tratamento é feito com loções que aliviam a coceira, aplicadas diretamente nos lugares afetados.

Pseudofoliculite da barba

Esse tipo de foliculite se desenvolve nos homens, na região em que a barba cresce. Acontecem quando os pelos raspados, ao invés de crescer normalmente para fora e seguir o caminho natural, se curvam e crescem dentro da pele, o que causa inflamação no local. Para evitar esse tipo de foliculite, é indicado que os homens tomem um cuidado especial na hora de se barbear, usando sempre água morna, para ajudar a abrir os poros e facilitar o barbear, e massageando a região, aplicando uma loção hidratante na sequência.

Foliculite Pitirospórica

Essa foliculite também ocorre nos homens e tem como causa um fungo que se desenvolve geralmente nas costas e no peito. A aparência é a mesma que a da barba, porém sem pus. Nesse caso, trata-se com antifúngicos tópicos ou orais.

  • Foliculite profunda

Essa é mais rara que a foliculite superficial que vimos anteriormente, e acontece quando há uma complicação da foliculite superficial. Os tipos são:

Sycosis barba

Também surge na região da barba e além disso no lábio superior, na mandíbula e também queixo. A causa é também o pós barbear, e também pode ocorrer se o barbear é feito de forma muito frequente. O indicado nesse caso é fazer um tratamento com o uso de compressas locais ou também antibiótico.

Foliculite gram-negativo

Nesse caso, a foliculite se dá com o surgimento de bactérias gram-negativas que se desenvolvem na região do nariz devido ao uso de antibióticos por períodos longos, geralmente durante algum tratamento de acne. Se o uso do medicamento for interrompido, a foliculite irá desaparecer gradativamente. Caso o tratamento não possa ser interrompido, a alternativa é procurar medicamentos que possam ser aplicados no local.

Furúnculos e carbúnculos

Nesse caso, surgem inflamações que incham bastante, são avermelhadas e febris (calor na região), e tem como causa a infecção pelos estafilococos. Também apresentam pus, o que contribui para o inchaço da região e deixa-a dolorida. Já os carbúnculos ocorrem quando muitos furúnculos se formam bem próximos, o que faz com que a infecção seja ainda mais profunda. Nesses casos, geralmente ficam cicatrizes na pele. Os locais em que são mais comum de se desenvolverem são as costas, as coxas, a parte de trás do pescoço e os ombros. Se for um furúnculo apenas, a solução é drená-lo através de uma pequena incisão. No caso dos carbúnculos, além da incisão, é provável que também seja necessário o uso de antibióticos.

Foliculite eosinofílica

Esse tipo causa manchas inflamadas na pele, que são feridas que coçam e apresentam pus, geralmente no rosto, mas também podem ocorrer nos braços. Geralmente as áreas em que esse tipo de foliculite se desenvolve ficam mais escuras que o restante da pele. O tratamento desse tipo de foliculite é feito com o uso de corticoides e, em casos mais graves, a medicação oral também é utilizada.

Quais as causas da foliculite?

Assim como existem diversos tipos de foliculite, suas causas também variam, no entanto, as mais comum são: Pequenas lesões durante o barbear, o atrito que as roupas muito apertadas causam, o excesso de suor (transpiração excessiva), condições em que sua pele já tem pré-dispocição inflamatória, como nos quadros de acne e dermatite, lesões ou feridas em decorrência de cirurgias, curativos ou adesivos de material plástico aplicados na pele, resistência a infecções reduzidas devido a condições de saúde como diabetes, transplante de órgãos, leucemia crônica e também infecções por doenças autoimunes, obesidade, casos em que a pessoa se expões frequentemente à água quente e também podem ser causadas devido a alterações hormonais.

Quais são os sintomas da foliculite?

Como já vimos anteriormente, os sintomas variam. No caso da dermatite superficial, os mais corriqueiros são: pequenas espinhas avermelhadas, podendo ou não apresentar pus, vermelhidão e inflamação na pele e também coceira e sensibilidade na região.

No casos de foliculite profunda, os sintomas são: manchas vermelhas em áreas maiores, lesões com inchaço e que apresentam pus amarelado, áreas da pele doloridas e com grande sensibilidade, e também dor intensa.

Como posso evitar a foliculite?

Considerando os tipos de foliculite em que você pode controlar, as dicas são: evitar roupas apertadas, especialmente durante o calor, ter um cuidado especial durante o barbear ou a depilação, tomando o cuidado de sempre hidratar a pele da região e também pegar leve nos remédios para acne.

Quais os remédios para tratar a foliculite?

Geralmente em casos de foliculite superficial, o problema desaparece antes que seja necessário o tratamento através de remédios. Caso a inflamação persista, os remédios indicados são: Bactroban, Ceclor, Cefadroxila, Cefalotina, Ceftriaxona Sódica e Dissódica, Ciprofloxacino, Cipro, Claritromicina, Clindamin C, Clocef, Dicloxacilina via oral, Doxiciclina, Mupirocina de uso tópico e Oxacilina.

Vale frisar que os remédios devem sempre ser tomados apenas sob prescrição médica. Considere consultar um profissional da área para melhor avaliação.

E aí, gostou da matéria? Que tal conferir esse vídeo que selecionamos sobre o assunto?

🥇Como cuidar da pele negra? Conheça os detalhes🤔

Se comparada aos outros tipos de pele, a pele negra tem muitas vantagens e características específicas, que demandam cuidados, também específicos, como a questão de manchas e algumas outras questões que os outros tipo de pele não apresentam.

Por mais globalizado que o mundo seja, a indústria de cosméticos ainda está engatinhando no que se refere à disposição de produtos específicos para a pele negra. Por ser diferente dos outros tipos de pele, vamos dar várias dicas de cuidados para sua pele fique ainda mais incrível e você possa aproveitar totalmente as vantagens que sua pele já tem. É só ler esse texto até o final e se preparar para fazer ainda mais sucesso.

Quais são as vantagens da pele negra?

Ótimas notícias: você não vai precisar se preocupar com envelhecimento precoce! A pele negra tem uma proteção incrível contra os raios UV, que são prejudiciais à pele, e dessa forma, o efeito do sol é muito menor. Essa proteção toda se dá graças a duas coisas: a melanina, que está presente em maior quantidade na pele negra e também a uma presença maior de colágeno, que deixa a pele firme e evita rugas e aquelas marcas indesejadas de expressão.

A pele negra possui desvantagens?

Bom, a melanina, que a gente acabou de ler que está presente em maior quantidade na pele negra faz o papel de boa moça, mas às vezes também acaba sendo uma vilã: a pele negra pode apresentar manchas devido a uma concentração excessiva de melanina em uma parte da pele.  Tem também a questão dos queloides, que podem aparecer com uma frequência maior em pessoas que tem pele negra devido à maior quantidade de colágeno. Veja que para cada vantagem, há também um contraponto. Além disso, a pele negra também tem uma tendência a apresentar maior oleosidade (mas também pode ser seca, mista ou normal, não vamos generalizar!). Devido à essa tendência a ser mais oleosa, o quadro de acne na pele negra tam uma probabilidade maior de ocorrer.

Como evitar esses problemas e cuidar da pele negra?

Nesse ponto a gente já se deu conta de que a pele negra não é melhor nem pior do que as demais, ela apresenta vantagens e desvantagens diferentes e precisam de produtos específicos, justiça seja feita! É muito importante que você conheça produtos mais específicos para a sua pele, para que possa cuidar dela melhor e evitar os pontos negativos que vimos anteriormente.

No caso da acne o merado oferece vários produtos comprovadamente eficientes. Tem a famosa foliculite, que é gerada após uma depilação ou depois de fazer a barba. Ela nada mais é do que a inflamação dos folículos capilares. Uma dica para evitar isso é hidratar a região logo depois de depilar ou fazer a barba. Usar um esfoliante no dia seguinte também faz milagres para evitar o problema.

Vamos esclarecer um ponto bem importante: mesmo com a quantidade maior de melanina na pele, você não pode deixar se usar filtro solar. Use pelo menos o fator 15 e evite períodos intensos de exposição ao sol, afinal, a melanina protege sim, mas não faz milagres. Nada de exageros na hora de tomar sol, hein.

Sabe aquelas manchas indesejadas na pele? Pois bem, elas são causadas por inflamações. Para combatê-las é muito importante que você utilize produtos que contenham vitamina C em sua formulação, pois ela combate os agentes inflamatórios e oferecem ainda mais proteção para sua pele.

Se você está entre as pessoas de pele negra que possuem a pele mais oleosa, um sabonete esfoliante vai ajudar muito, pois a esfoliação elimina o excesso de oleosidade e de células mortas.

Agora que você ficou por dentro de todas essas dicas e conhece melhor a sua pele, o que acha de conferir um vídeo que selecionamos sobre o assunto? Olha só:

🥇Dietas de emergência: entenda como funciona e os perigos🤔

Quando se quer emagrecer para entrar em um vestido, ou então para aquele evento especial, muitas mulheres apelam às dietas de emergência. Vamos combinar que essa não é uma atitude muito saudável, certo? Além disso, pode criar a médio prazo aquele terrível efeito sanfona que ninguém merece, fazendo você ganhar ainda mais peso.

Tendo isso em mente, vamos abordar aqui os riscos, as vantagens e as dietas de emergência mais comuns, sempre apontando os prós e os contras de cada uma delas para que você possa pesar os riscos e as vantagens. Ficou interessada? Leia esse texto até o final e saiba tudo sobre as dietas de emergência.

Quais os prós e contras das dietas de emergência?

Antes de você escolher uma dieta de emergência, procure fazer as seguintes perguntas: O quão rígida esse dieta vai ser? O quanto ela pode prejudicar meu organismo? E, claro: Quanto de peso eu quero perder? Vale lembrar que você não vai perder apenas a gordura – que, certamente, é o principal motivo da dieta e de você estar lendo esse texto – mas, também,  líquidos e massa muscular.

É importante frisar, também, que cada uma das dietas de emergência que abordaremos não pode passar de uma semana de duração, combinado?

Se você está ciente das advertências e realmente precisa de uma dieta de emergência, confira algumas sugestões de dietas de emergência e veja como elas podem afetar o seu corpo:

  • Dieta hiper proteica: Nessa dieta você deve cortar o consumo de carboidratos e proteínas. Para uma perda rápida de peso, essa dieta é bastante indicada, mas ela pode prejudicar rins e fígado, além de aumentar as chances de desenvolver hipertensão e aumentar o nível de colesterol. Você pode perder até 3 kg fazendo a dieta por uma semana.
  • Dieta do leite: essa dieta é bastante complicada e com várias restrições. Na dieta do leite, as refeições são substituídas por copos de leite e, a partir do segundo dia, algumas frutas. Como ela restringe de forma extrema a alimentação, prepare-se para sentir muita fome. É indicada apenas em último caso. Em uma semana, você pode emagrecer até 8 kg.
  • Dieta das frutas: Mais uma dieta radical, pode-se dizer que ela é uma variação das conhecidas dietas Detox. Na dieta das frutas, sua alimentação se resume a comer somente frutas por até 3 dias e é considerada uma das mais agressivas desse tipo. Tonturas e dor de cabeça não são incomuns durante esta dieta. Além disso, você sentirá mais fome durante essa dieta do que durante as outras dietas de emergência. É possível perder até 4 kg em 3 dias, que é a duração máxima desta dieta.

Que tal considerar a reeducação alimentar?

As chamadas dietas de emergência são extremas e indicadas apenas quando você precisa perder peso muito rapidamente, mas, por pior que seja a chance disso tudo gerar o terrível efeito sanfona (e, sejamos sinceros, é uma possibilidade), as dietas de emergência podem deixar suas refeições desreguladas.

Se você está em processo de perda de peso, ter horários certos para se alimentar é tão importante quanto a quantidade e a qualidade do alimento em si.  Se considerássemos o processo de reeducação alimentar como um esforço que se faz para quebrar um hábito, não haveria sentido nem necessidade de fazer uma dieta de emergência.

Se ainda assim você acredita que precisa perder alguns quilos em função de uma situação emergencial, é de suma importância que você mantenha a quantidade de líquidos que ingere ao longo do dia, principalmente se estiver fazendo uma dieta hiper proteica, que pode ser prejudicial aos rins e ao fígado.

Para que você possa perder peso de forma saudável e aderir a uma reeducação alimentar, é importante disciplinar e respeitar o seu ritmo corporal.

Gostou do texto? Confira o vídeo que separamos sobre o assunto:

🥇Peeling facial: rejuvenesça e fique mais bonita!🤔

De todos os tratamentos que fazemos para aqueles momentos especiais, o peeling facial está entre os mais comentados, mas muitas pessoas não conhecem todas as vantagens que este tratamento oferece.

Alguns cuidados extras também devem ser tomados para você que gosta da pele com brilho e elasticidade , afinal,  você está provocando a descamação da pele do seu rosto, que é uma das mais sensíveis do corpo. Se o peeling facial for mal feito, ou se não tiver o acompanhamento de um dermatologista, para que oriente sobre o tipo e a profundidade do seu peeling facial, o desejo de uma pele mais bonita e saudável pode acarretar em um problema de saúde.

Vamos dar dicas básicas e também essenciais sobre o peeling facial, falar sobre os métodos mais utilizados e, além disso, quais as vantagens e desvantagens de cada um. Ficou curiosa? Leia este artigo até o final e saiba tudo sobre o peeling facial!

Peeling facial químico ou mecânico, qual a diferença?

Existem duas técnicas bastante conhecidas: o peeling facial químico e o mecânico, que é mais comumente chamado de dermoabrasão.

  • Peeling facial químico:  Processo feito com alguns ácidos que são usados de forma controlada para descamar a pele. Durante a aplicação, gera um pouco de desconforto, mas vale à pena, considerando o resultado final, pois a pele se renova e as rugas diminuem.
  • Peeling facial mecânico: É uma forma mais potente de esfoliação. O peeling mecânico causa um atrito suave na pele (daí o termo dermoabrasão), com partículas sólidas que “lixam” as camadas superficiais da pele, ocasionando assim a renovação da camada exposta.

Quanto aos resultados, os dois tipos de peeling facial são bem parecidos, ainda assim é interessante realizar uma consulta prévia para garantir que não haja nenhuma possível alergia aos produtos que serão utilizados, ainda mais quando você pretende fazer o peeling facial pela primeira vez ou então está trocando de profissional.

Ainda que digam ser possível fazer um peeling facial de forma caseira, recomendamos que você procure um profissional, pois, como já ressaltamos no começo deste artigo, um peeling facial mal feito pode acarretar em uma série de problemas, como a descamação excessiva da pele, que gera vermelhidão e pode evoluir para algo mais grave, como manchas na pele devido ao uso incorreto dos produtos, descamação de forma irregular e até mesmo o rompimento da pele.

É importante ressaltar que algumas condições podem inviabilizar o peeling, como um caso severo de acne, irritações na pele e dermatite. Vale lembrar que a acne leve pode ser revertida com um peeling mais evasivo, mas somente um profissional da área pode indicar o tipo correto de peeling que você precisa.

Quais são os cuidados adicionais?

O peeling facial, quando realizado de forma correta, com orientação profissional e na profundidade adequada, traz aquela sensação de pele macia, renovada e fresca que a gente gosta. Vale ainda frisar que o peeling facial não é fortemente recomendado para quem tem a pele jovem, pois nesses casos a renovação das células acontece com mais frequência, salvo em casos de problemas de pele mais superficiais.

Agora que você já se inteirou do assunto, é importante saber dos cuidados que você deve tomar logo após o peeling:

  • Nada de tomar sol: depois do peeling sua pele está renovada, logo, muito mais sensível aos raios UV e submetê-la à exposição direta do sol é extremamente perigoso. As chances de desencadear uma dermatite ou até mesmo uma queimadura solar logo após o peeling facial é enorme. Fique atenta aos produtos químicos que você usa diariamente na pele, muitas vezes sem se dar conta: maquiagem principalmente!
  • Eu hidrato, tu hidratas: Você sabia que uma das primeiras camadas da pele que são retiradas durante o peeling é a camada de gordura que tem a função de protegê-la? Por isso é muito importante manter a pele sempre hidratada e de preferência deixe seus poros respirarem antes de se maquiar. Se você tiver uma festa importantíssima para ir à noite, é melhor fazer o peeling facial pela manhã ou por volta do meio-dia. Até lá, sua pele tem tempo de respirar, lembrando sempre de mantê-la bem hidratada.

E então, gostou do texto? Dá uma olhada nesse vídeo que a gente separou para você: