🥇 5 problemas de pele e como tratá-los 🤔

Geralmente é na adolescência que o mais comum dos problemas de pele aparece: a acne. Contudo, ela não se limita a essa idade e pode surgir também em adultos. Tudo depende de como andam alguns fatores considerados relevantes para a nossa saúde como ingestão de água, alimentação e cuidados com a pele. O fato é que, adolescente ou não, a nossa pele é algo que influencia diretamente na autoestima e pode nos proporcionar fracasso ou sucesso.

E é por isso que vamos abordar neste artigo alguns dos maiores problemas relacionados a pele e também algumas das soluções viáveis para estes males que atingem muito mais do que apenas a pele, mas também a nossa autoestima, autoimagem e a imagem que os outros terão ao nosso respeito.

Vamos entender quais são os maiores problemas de pele que assolam os brasileiros?

A temida Acne

Este é de longe um dos problemas mais comuns e que surgem na adolescência. Parece que é algo simples de resolver, mas na verdade para algumas pessoas a Acne é bem mais do que apenas espinhas que brotam na testa, é uma marca de vergonha, de frustração e também de mudanças. Alguns dos fatores que influenciam diretamente para criação de acne na pele são alterações hormonais, produtos que contém um indice de óleo muito elevado, alguns medicamentos e também uma dieta cheia de açucar refinado. Este mal se apresenta na pele de forma a gerar pequenas erupções e se espalham pelo rosto, peito, costas e braços. O tratamento é indicado de acordo com cada caso, podendo variar de pessoa para pessoa. Alguns deles são: comprimidos, cremes e até ácidos para renovação de toda a pele.

A cansativa Psoríase

Por pior que seja a sua aparência, a pisoríase é uma doença de pele muito comum. Ela ocasiona vermelhidão e também uma irritação profunda na pele. A grande maioria das pessoas que tem essa doença apresentam sintomas como: pele vermelha e bem grossa e pele escamosa branco-prateadas que se soltam ao encostar. Este tipo de doença pode afetar pessoas de todas as idades e a saber: não é uma doença contagiosa. Tudo indica que ela possa ser transmitida geneticamente. Muitos médicos acreditam que ela é uma doença autoimune que atacam as células boas da pele acreditando que elas são ruins, gerando a doença como a conhecemos.

A coceira da Eczema

De acordo com os médicos, existem diversas causas que podem gerar a eczema. E a mais comum de todas elas é alérgica. Essa doença também é pode ser conhecida como dermatite. Existem diferentes tipos de Eczema e elas se manifestam através de diferentes tipos de sintomas. Contudo, via de regra,  elas apresentam-se como uma irritação de pele, que a deixa escamosa, com bolhas e causa muita coceira. As causas podem  ser percebidas pelo contato com direto com substâncias ou materiais ao qual o portador seja alérgico e também por estresse. Como ela atua diretamente na pele fazendo algumas rachaduras, é muito comum que receitem além do antihistamínico, um antiinflamatório para evitar que outras doenças apareçam.

A silenciosa Hiperpigmentação

Este tipo de doença aparece na forma de variações na cor da pele, e faz com que ela se mostre mais escura ou mais clara, dependendo da cor original da pele do portador. Não é uma doença mais grave, é apenas uma disfunção da melanina e pode ser causada por alguns tipos de medicações, ou de doenças endócrinas ou ainda histórico de inflamações na pele. O dermatologista poderá recomendar o uso de alguns cremes, pomadas e existe a possibilidade de algumas manchas voltarem ao normal sozinhas.

A inofensiva Rosácea

Essa doença é uma condição crônica, ou seja, que não tem cura ou que não se resolve por pelo menos 6 meses. Essa doença afeta a pele e causa muito inchaço, algumas inflamações de pele, e se parece com a acne. Uma característiaca é o nariz vermelho e a terrível sensação de ardor na pele. Como boa parte das doenças crônicas, suas causas também são desconhecidas, e por mais que as pessoas portadoras destas doenças se sintam constantemente inseguras, a doença é realmente inofensiva. Até o presente momento, não há nenhuma cura conhecida, contudo existe a possibilidade de suavizar o problema, evitando a continua a exposição ao sol, banhos muitos quentes, reduzindo o estresse e diminuindo as comidas que são muito apimentadas.

Veja também: Renova 31

Viu só? Problemas de pele acontecem com todo mundo! Por isso veja esse vídeo e conheça 8 doenças sérias que a nossa pele pode sinalizar.

Leave a Reply